Entrevista da FCM com o piloto João Marronzinho

29 de janeiro de 2010 - 19:00

Seguindo o exemplo da série Perspectivas do site Mundocross, a Federação Catarinense de Motociclismo – FCM, lançou nesta semana a sua série de entrevistas com os principais pilotos do motociclismo catarinense. E enquanto os motores não roncam e a temporada não começa definitivamente, vamos saber dos pilotos de Santa Catarina as suas expectativas e as novidades para a temporada 2010.

E o piloto que abre as entrevistas com os principais nomes do motociclismo catarinense é o tri-campeão Brasileiro de Motocross MX1 (2005/2006/2008), o lagunense João Paulino da Silva Jr., o ‘Marronzinho’, que nas últimas três temporadas correu pela Pro Tork Racing Team (foto), e agora é piloto oficial da equipe Honda Racing. Confira a entrevista com João Marronzinho :

Placa de 5 segundos no ar, largou…

FCM – Marronzinho, qual sua avaliação da temporada 2009 ?

JOÃO MARRONZINHO – Fui campeão Paranaense de Motocross, praticamente invicto. Das oito etapas venci sete, só não venci a última etapa, mas mesmo assim ganhei os 25 pontos e ficou como se eu tivesse vencido todas. Já no Brasileiro eu vinha muito bem, mas nas últimas etapas fui penalizado por conta de eu usar os pneus Rinaldi e não da marca patrocinadora do campeonato. Entrei com uma liminar, mas ela foi derrubada, então perdi pontos de quatro etapas e terminei o campeonato na oitava posição. Fiquei muito chateado, mas isso também serviu pra me dar um empurrão para a temporada 2010 e mostrar para todos que eu poderia sim, ter vencido o campeonato e isso só não aconteceu por conta da liminar.

FCM – No final do ano passado você fechou contrato com a equipe Honda. Como foram as negociações e como está sua expectativa para estrear na equipe ?

JOÃO MARRONZINHO – Foram negociações bem rápidas. Em um dia fui até São Paulo conversar com eles e no outro dia já estava tudo acertado. Comecei a treinar com a moto Honda na sexta-feira, 22 de janeiro. Gostei muito, a moto é muito boa, e as minhas expectativas para a estreia são as melhores e pretendo retribuir com muitos títulos.

FCM – Qual sua expectativa para a temporada 2010 ?

JOÃO MARRONZINHO – As minhas expectativas para esta temporada são as melhores. Estou em um ótimo momento na minha carreira, com uma equipe nova, espero que nesta temporada eu possa conquistar vários títulos, porque já estou trabalhando forte para isso.

FCM – Quais campeonatos você pretende disputar em 2010 ?

JOÃO MARRONZINHO – Eu vou disputar o Catarinense e o Brasileiro de Motocross e também o Arenacross.

FCM – Em 2009 você teve a oportunidade de disputar a etapa brasileira do Mundial de Motocross que aconteceu em Canelinha. Como foi essa experiência ?

JOÃO MARRONZINHO – Participar do Mundial me ajudou bastante. Eu aprendi muito, algumas coisas já estou desempenhando nos treinos. Espero que em 2010 essa chance se repita e que o Mundial possa voltar ao Brasil, para Canelinha. Espero isso como uma criança espera um presente.

FCM – Como está a sua rotina de treinos para a temporada 2010 ?

JOÃO MARRONZINHO – Está bem cansativa. Estou treinando com a moto e também a parte física. Está bem puxado e às vezes dá vontade de parar um pouco, diminuir o ritmo, mas sei que não posso, porque quero fazer uma ótima temporada, com muitos títulos.

FCM – Agora, o espaço é seu…

JOÃO MARRONZINHO – Gostaria de agradecer a todos que me apóiam e torcem por mim, agradecer também a FCM que sempre faz um grande trabalho. Acredito que esta será uma grande temporada para todos.

Redação Mundocross
Entrevista by FCM
Foto Divulgação

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly