Confirmado GP Brasil de Motocross em Campo Grande

Foto por Divulgação | 02 de Fevereiro de 2010 - 12:00

O Brasil receberá novamente em 2010 uma etapa do Mundial de Motocross MX1 / MX2. A grande diferença é que o evento trocará Canelinha, em Santa Catarina, sede do ano passado, por Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. O acordo foi confirmado nesta semana, após reunião com autoridades locais, e a competição acontecerá nos dias 21 e 22 de agosto.

Giuseppe Luongo, presidente do Youthstream, declarou: “Depois do grande sucesso em Canelinha no ano passado, estamos muito felizes em continuar o nosso desenvolvimento do campeonato Mundial de Motocross no Brasi, sendo que assinamos um acordo de longo prazo com Bracco Internacional, onde o CEO sr. Federico Carli, sabe muito bem o mercado brasileiro. A escolha da região está ligada ao apoio do governo, as condições meteorológicas e uma boa área para receber o evento. Queremos agradecer o governador de Mato Grosso do Sul, sr. André Puccinelli, por seu apoio e por acreditarem em nosso esporte. Nós realmente acreditamos que será um sucesso ainda maior que no ano passado e convidamos todos os fãs latino-americanos para vir a apoiar este grande GP do Brasil”, concluiu Luongo.

O sr. Wolfgang Srb, presidente do conselho de Motocross da FIM, continuou: “É muito importante para o Campeonato Mundial de Motocross ter eventos realizados em todo o mundo. O Brasil é um país com uma longa história no esporte motorizado, com grandes adeptos, bem como com uma economia em rápido crescimento e também um mercado importante para os fabricantes. Estou muito feliz que um acordo de longo prazo foi assinado e eu estou ansioso para um excelente evento de Motocross em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul “.

Federico Carli, o CEO da Bracco Internacional, terminou: “Depois de alguns anos de cooperação, tenho o prazer de estabelecer esta parceria forte e abrangente com Youthstream, uma empresa confiável, feita de profissionais sérios, com uma visão clara do futuro. Temos metas ambiciosas para serem alcançadas em conjunto. Estou certo de que Youthstream e Bracco Internacional serão capazes de fazer o nosso maravilhoso esporte crescer na América do Sul e que a América do Sul será uma presença constante no calendário do Campeonato do Mundial de Motocross a partir de agora: na verdade nós estamos ansiosos para ter um mínimo de dois GP por ano no continente sul americano a partir de 2011”, comentou Carli.

“As pessoas na América do Sul são apaixonadas Motocross, portanto há uma grande expectativa sobre o campeonato Mundial 2010. Temos a ambição de organizar eventos mundiais a fim de tornar os pilotos, as equipes, o público, os patrocinadores, as cidades anfitriãs e dos meios de comunicação felizes com nosso esporte: no final, esse processo levará a uma melhoria geral das normas técnicas da América do Sul melhorando a base dos pilotos locais que terão a oportunidade de competir com os melhores pilotos do mundo em circuitos de alta classe”, continuou Federico Carli.

UM NOVO CIRCUITO ENTRARÁ EM CONSTRUÇÃO

”O GP do Brasil de Motocross 2010 será realizado nos dias 21 e 22 de agosto em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Estaremos construindo um circuito completamente novo, dentro dos limites da cidade e esperamos ter mais de 50.000 pessoas presentes no evento” continuou Federico Carli. “Mato Grosso do Sul é um estado maravilhoso, cheio de belezas extraordinárias, como Pantanal e Bonito, estrategicamente localizado no centro geográfico da América do Sul. Campo Grande é uma cidade moderna, tem um aeroporto internacional, toda a gama de hotéis e restaurantes, topo de gama infra-estruturas médicas e é abençoado com tempo seco em agosto”, exaltou o italiano.

APOIO DO GOVERNO FOI FUNDAMENTAL

”Temos o apoio total de todas as autoridades locais: André Puccinelli, governador do Mato Grosso do Sul, Nelson Trad Filho, prefeito de Campo Grande e Alves Firmo, presidente da Federação de Motociclismo de Mato Grosso do Sul. Portanto não temos nenhuma dúvida sobre o fato de que Campo Grande é a escolha ideal para hospedar o GP Brasil de Motocross MX1 / MX2 2010. Vamos anunciar outra notícia importante sobre o GP Brasil 2010 em um futuro próximo, particularmente sobre um patrocinador importante que estará apoiando o evento: surpresas estão longe de acabar. Que venha Campo Grande !!”, concluiu Federico Carli, Ceo da Bracco International.

COMPONENTES DA FOTO

Na cabeceira da mesa é o governador de Mato Grosso do Sul, Sr. André Puccinelli. Da direita para a esquerda de Puccinelli estão Federico Carli, CEO da Bracco Internacional. Alessandro De Rosa, Partner da Bracco Internacional. Firmo Alves, Presidente da Federação de Motociclismo de Mato Grosso do Sul. À esquerda de Puccinelli Júlio César Komiyama, presidente da Fundesporte Mato Grosso do Sul e Carlos Alberto de Assis, Presidente da Fundação Municipal de Esportes.

CALENDÁRIO DO MUNDIAL DE MOTOCROSS MX1 / MX2 2010 – ATUALIZADO

1ª etapa – 4 de abril – Sevlievo (Bulgária)
2ª etapa – 11 de abril – Fermo (Itália)
3ª etapa – 25 de abril – Valkenswaard (Holanda)
4ª etapa – 9 de maio – Agueda (Portugal)
5ª etapa – 16 de maio – Bellpuig (Catalunha)
6ª etapa – 30 de maio – Newport (Grã-Bretanha)
7ª etapa – 6 de junho – St. Jean de Angely (França)
8ª etapa – 20 de junho – Teutschenthal (Alemanha)
9ª etapa – 4 de julho – Uddevalla (Suécia)
10ª etapa – 27 de julho – Kegums (Letônia)
11ª etapa – 1º de agosto – Lommel (Bélgica)
12ª etapa – 8 de agosto – Loket (República Tcheca)
13ª etapa – 22 de agosto – Campo Grande (Brasil)
14ª etapa – 5 de setembro – Lierop (Benelux)
15ª etapa – 12 de setembro – Mantova (Itália)

Texto : Youthstream

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Jorge Soares disse:

Twitter: mundocross
Olá Jorge !!

O site para você comprar o ingressos para o Mundial de Motocross 2010 em Campo Grande acesse o site http://www.mxgpbrasil.com e compre com segurança.

Um abraço,

Jorge Soares – Editor do Mundocross

jorge disse:

alguna direccion de mail para comprar tikets de entradas para mundial mx soy de uruguay. obrigado

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly