A importância da Hidratação no Motocross

04 de Fevereiro de 2010 - 16:00

O assunto que iremos abordar na coluna deste mês é de extrema importância, pois com as altas temperaturas que abalam o Brasil, muitos pilotos sofrem desidratação devido ao forte calor durante seus trabalhos de pré-temporada, sem falar que em alguns estados os campeonatos já começaram, ou estão começando.

Nós praticantes de Motocross temos um desgaste físico muito grande durante um treino e principalmente, em corridas realizadas em dias muito quentes. A Hidratação é tão importante quanto a alimentação, o mecânico, e até mesmo o ajuste de nossa motocicleta. Para que o nosso rendimento seja melhor, é importante respeitar os limites do nosso corpo, e saber qual a hora e qual o fluido certo para tomarmos.

A água é fundamental, pois com ela preservamos nossas funções fisiológicas, regulamos nosso organismo, transportamos nutrientes e estabilizamos nossa temperatura corporal, para que possamos dissipar o calor para o ambiente e evitar a perda de líquidos.

Quando ocorre a desidratação nós temos perda de rendimento, aumento da temperatura corporal, menor disposição, câimbras musculares, distúrbios intestinais e aumento da frequência cardíaca, podendo resultar – dependendo da intensidade – em um desmaio ou até o coma, seguido de morte. Alguns estudos comprovam que 1% de perda de água, já tem resultado sobre o rendimento, diminuindo-o.

Para que possamos ter um bom desempenho, principalmente em dias muito quente, nas corridas ou treinos, o ideal é tomar pelo menos de 400ml a 600ml antes do exercício. Durante a prova geralmente não é possível ingerir líquidos, mas após o término da mesma é essencial ingerir de 450ml a 650ml de água ou bebidas “esportivas”- com concentração de 6 a 8 % de carboidratos – para repor o que foi gasto.

Estas bebidas, inclusive, são ótimas opções para o pós-exercício, já que possuem em sua fórmula nutrientes que repõem a perda de sódio e eletrólitos que acontece através do suor. A água de coco também entra na lista dos líquidos que ajudam a combater a desidratação.

Vale ressaltar que além da ingestão de líquidos, outros cuidados podem ser tomados para evitar qualquer distúrbio causado pela desidratação: a ingestão de frutas com grande concentração de água é também uma opção saudável e saborosa. Evitar os horários de muito sol, e sempre que possível, principalmente após as corridas, procurar uma sombra em um local fresco para regularizar o estado normal do corpo após um exercício.

Espero que tenham gostado de mais essa dica !!

Bom treino e Hidratem-se !!!

VINICIUS RADENZEV SIMÕES
Esta é a terceira coluna do Vinicius ‘Pernilongo’ Radenzev Simões aqui no site Mundocross. Ele é formado em Educação Física pela Unimep e Pós-graduado em fisiologia do exercício pela Universidade Federal de São Paulo. ‘Pernilongo’ tem como experiência a passagem por diversas academias, tanto no interior do Estado, como na cidade de São Paulo.

Vinicius já passou pelas diversas áreas da educação física, como natação, hidroginástica, avaliação física, musculação e atualmente dedica-se a preparação física para pilotos de Motocross e Off-Road em geral e mensalmente ele estará aqui no Mundocross com dicas de preparação física.

Façam bom proveito !!!

Mais informações : [email protected] ou (11) 9847.5227

Redação Mundocross
Texto by Vinicius Radenzev Simões

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly