James Stewart será tema de documentário na TV

15 de Fevereiro de 2010 - 11:00

Foi anunciado na semana passada que o piloto número 1 do Motocross no mundo na atualidade, o americano James ‘Bubba’ Stewart ganhará na TV um documentário real, com uma série de dez episódios sobre sua situação única de vida no momento. Aos 23 anos de idade, ele não é apenas o piloto de Motocross mais bem pago do mundo, com faturamento de 10 milhões de dólares por ano, mas também o primeiro ídolo afro-americano em um esporte dominado por brancos.

A série se chamará ‘Bubba’s World’ – Mundo de Bubba. Recentemente ele abriu uma empresa (com faturamento anual milionário) em sua cidade natal, Haines City, para gerenciar todos seus contratos com patrocinadores, comerciais, produtos com seu nome, sua imagem, marketing e publicidade.

A empresa emprega todas as pessoas de sua família e outros 15 funcionários. Com uma visão cômica e surreal sobre como é ser uma estrela do Motocross no mundo inteiro, a série irá redescobrir a infância e a juventude do piloto, em parte perdida em prol do sonho de se tornar piloto profissional de Motocross.

Os dramas e dificuldades da família pobre que viveu no gueto no sul da cidade de Haines City, Flórida, o que ele faz para preencher alguns sonhos não alcançados, e como ele criou suas próprias regras de vida a partir da fama e do dinheiro, com muitas festas e amigos.

A revista People Magazine elegeu James Stewart como um dos vinte jovens que irão mudar o mundo, e James já começa a projetar mudanças neste verão. A data que a série será exibida pela Fuel TV, que é um canal de TV a cabo da Fox, ainda não foi divulgada, mas será no verão americano, inverno aqui no Brasil. Vamos ficar no aguardo !!!

Redação Mundocross
Texto by Renato Dalzochio Jr.
Foto Divulgação

Compartilhe este conteúdo

Comentários

tiago disse:

Ele ou você ira vin correr no brasil ou não estamos a sua espera eu sou so um dos seus melhores e primeiro fã do brasil. eu ja comprei um dvd seu i você corre muito bem você ira vim ou não

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly