Vem aí o Campeonato Brasileiro de Motocross Júnior

25 de Fevereiro de 2010 - 3:00

Após a confirmação do Brasileiro de Supercross e do Brasileiro Pro Tork de Motocross, a Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM, anuncia agora mais uma competição para 2010 : o campeonato Brasileiro de Motocross Júnior. O novo campeonato, com o mesmo peso de um Brasileiro tradicional, será disputado nas categorias 50A, 50B, MX Júnior e MXF (Feminina).

A competição terá cinco etapas, realizadas separadamente do Brasileiro Pro Tork de Motocross (que engloba as categorias MX1, MX2, MX3, 230, 85 e 65), e sempre em conjunto a grandes etapas de campeonatos Estaduais de Motocross. A temporada começará nos dias 13 e 14 de março, juntamente com a abertura do Campeonato Carioca de Motocross, na cidade de Nova Friburgo, no Rio de Janeiro.

Roberto Boettcher, coordenador do Motocross nacional e presidente da Federação de Motociclismo de Goiás, fala com conhecimento de causa sobre a importância das categorias de base no esporte. “É a formação do piloto. As categorias de base são importantíssimas. Vamos ter agora dois Campeonatos Brasileiros. Isso vai fomentar e incrementar os Estaduais. Alguns Estados vão ter a possibilidade de sediar dois Brasileiros. As provas vão ocorrer junto com os Estaduais e vai somar bastante às duas competições. Isso é muito bom”, afirmou Boettcher, dono de vários títulos brasileiros no Motocross.

Autor da proposta de criação da categoria Feminina, o presidente da Federação Gaúcha de Motociclismo, Paulo Della Flora, garante que o esporte vem crescendo bastante entre as mulheres, e somente no Rio Grande do Sul já são diversas competidoras no Campeonato Estadual de Motocross.

“O esporte hoje no Brasil já tem espaço para isso. Já está provado, e em várias modalidades vêm aparecendo pilotos do sexo feminino com habilidade tão boa quanto os homens. Aqui no Rio Grande do Sul nós temos há quatro anos a categoria feminina e já se firmou. Temos meninas que dão espetáculo na moto”, garantiu Della Flora.

Campeã Gaúcha de Motocross na categoria Feminina em 2009, a catarinense Janaína Todeschini (no alto do pódio na foto), de Chapecó, Santa Catarina, está entre os nomes confirmados para a disputa do Brasileiro de Motocross Júnior este ano. “Desde que recebeu a notícia ela está ansiosa pelo início da competição. Tenho certeza de que ela está motivada para participar dessa nova categoria, pois tem o peso de um campeonato Brasileiro”, afirmou Sandra Todeschini, mãe da jovem piloto de 16 anos.

A categoria Feminina poderá ser disputada por mulheres entre 15 e 55 anos, com motos de 150cc a 250cc. O ranking da categoria já está liberado no site da CBM, e a escolha do numeral que será utilizado durante a temporada é livre, desde que não tenha sido escolhido por outra piloto.

CALENDÁRIO DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE MOTOCROSS JÚNIOR

1ª Etapa – 14 de Março – Nova Friburgo / Rio de Janeiro
2ª Etapa – 23 de Maio – Paraná
3ª Etapa – 29 de Agosto – Distrito Federal
4ª Etapa – 17 de Outubro – São Luís de Montes Belos / Goiás
5ª Etapa – A definir – Rio Grande do Sul

Redação Mundocross
Texto by Adriano Winckler
Foto Arquivo Jana Todeschini

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly