Com mais uma vitória, Strang é o destaque do GNCC 2010

10 de março de 2010 - 13:00

Neste último fim de semana, o Grand National Cross Country Series – GNCC, a temporada 2010 prosseguiu com a segunda etapa, realizada na cidade de Washington, estado da Flórida. Na categoria principal, a XC1, o jovem australiano Josh Strang, de 21 anos, venceu pela segunda vez consecutiva, ampliando sua vantagem na liderança e mantendo 100% de aproveitamento.

Já na categoria XC2 Lites, a vitória ficou com o atual campeão, Kailub Russell. Vencedor da etapa de abertura terça-feira passada, o piloto Jason Thomas garantiu a segunda posição e se mantém na liderança, mas com apenas quatro pontos de vantagem sobre Russell. Acompanhe abaixo como foi a segunda etapa…

CATEGORIA XC1

Na largada, quem ficou com os 250 dólares do holeshot e saiu na frente foi o três vezes campeão norte-americano de Enduro Russell Bobbitt, sendo o único piloto da categoria inscrito na prova com uma motocicleta de 250cc 2 tempos. Mas a alegria de Bobbitt não durou uma volta inteira. Logo a disputa pela liderança estava entre o australiano Josh Strang da equipe FMF / Makita / Suzuki e o norte-americano Thad Duvall da equipe Am-Pro / Yamaha.

A briga durou as duas primeiras voltas, onde Duvall ameaçava abrir vantagem na ponta, mas Strang não deixava, permanecendo em sua cola e buscando opções de ultrapassagem. Duvall sofreu um forte tombo na metade do circuito, deixando o caminho livre para uma vitória fácil de Strang, numeral 2 na foto. Companheiro de equipe de Duvall, o neozelandês Paul Whibley, atual campeão da categoria, estava feliz por subir ao pódio na segunda posição, após o desastroso resultado na etapa de abertura, quando ficou sem gasolina e finalizou apenas na décima posição.

O privado KTM Chris Bach voltou a surpreender, ficando com o último degrau do pódio em grande estilo, após se recuperar de um mau começo na corrida. Bach herdou a terceira posição quando Duvall caiu e o piloto Nate Kanney da equipe oficial FMF / KTM / Off Road ficou preso em um barranco. Charlie Mullins da equipe Am-Pro / Yamaha finalizou em quarto. Vale ressaltar que Charlie começou a corrida em último lugar, após se envolver em um tombo coletivo na primeira curva após a largada. Nate Kanney chegou a andar em segundo na primeira volta, mas o citado fato do barranco o deixou apenas na quinta posição.

Seu companheiro de equipe, Cory Buttrick finalizou em sexto, na frente do dono do holeshot, Russell Bobbitt, sétimo colocado. Homero Diaz, atual campeão mexicano de enduro, à bordo de uma KTM, finalizou na oitava posição, e os pilotos Kawasaki Ken Gaffney e Eric Bailey, nesta ordem, completaram os dez primeiros. Com este resultado, Strang lidera com 14 pontos de vantagem sobre Chris Bach, que assumiu a vice-liderança. Charlie Mullins é o terceiro, três pontos na frente do atual campeão Paul Whibley, que é o quarto. Cory Buttrick fecha os cinco primeiros na classificação geral da categoria.

RESULTADO FINAL CATEGORIA XC1

1. Josh Strang (Suz)
2. Paul Whibley (Yam)
3. Chris Bach (KTM)
4. Charlie Mullins (Yam)
5. Nate Kanney (KTM)
6. Cory Buttrick (KTM)
7. Russell Bobbitt (KTM)
8. Homero Diaz (KTM)
9. Ken Gaffney (Kaw)
10. Eric Bailey (Kaw)

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA XC1 APÓS DUAS ETAPAS

1. Josh Strang – 60 pontos
2. Chris Bach – 46
3. Charlie Mullins – 39
4. Paul Whibley – 36
5. Cory Buttrick – 28
6. Homero Diaz – 25
7. Glenn Kearney – 24
8. Kenneth Gilbert – 22
9. Eric Bailey – 20
10. Nate Kanney – 18 pontos

CATEGORIA XC2 LITES

O atual campeão Kailub Russell da equipe oficial FMF / KTM / Off Road venceu sua primeira corrida na temporada. Mas foi uma vitória suada. Russell passou a corrida inteira brigando pela liderança com os pilotos Jason Thomas da equipe Monster Energy / FAR Racing / Andrews Cycles / Yamaha, vencedor da etapa de abertura e dono dos 100 dólares de premiação do holeshot nesta segunda etapa, e Jesse Robinson da equipe PG / KTM.

De forma emocionante, a corrida só foi decidida na última volta. Melhor para Russell, com Thomas em segundo e Robinson completando o pódio na terceira posição. Stewart Baylor e Dustin Gibson, ambos KTM, nesta ordem completaram os cinco primeiros. Com este resultado, Thomas lidera com 4 pontos de vantagem sobre Russell, que assumiu a vice-liderança da categoria. Jesse Robinson é o terceiro, 5 pontos atrás de Russell. Repetindo as posições da corrida desta etapa, Stewart Baylor e Dustin Gibson completam os cinco primeiros colocados.

A próxima etapa do GNCC 2010, terceira da temporada, acontecerá no fim de semana dos dias 20 e 21 de março, na cidade de Morganton, no estado da Carolina do Norte.

RESULTADO FINAL CATEGORIA XC2 LITES

1. Kailub Russell (KTM)
2. Jason Thomas (Yam)
3. Jesse Robinson (KTM)
4. Steward Baylor (KTM)
5. Dustin Gibson (KTM)
6. Scott Watkins (Kaw)
7. Jake Korn (KTM)
8. Brad Bakken (KTM)
9. Josh Weisenfels (Kaw)
10. Robby Norwood (Kaw)

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA XC2 LITES APÓS DUAS ETAPAS

1. Jason Thomas – 55 pontos
2. Kailub Russell – 51
3. Jesse Robsinson – 46
4. Steward Baylor – 32
5. Dustin Gibson – 31
6. Jake Korn – 30
7. Josh Weisenfels – 30
8. Scott Watkins – 28
9 Robby Norwood – 21
10. David Snyder – 17 pontos

Redação Mundocross
Texto by Renato Dalzochio Jr.
Foto by Shan Moore

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly