FGM fechou parcerias inéditas para o motociclismo do RS

12 de março de 2010 - 23:00

Nas últimas semanas a Federação Gaúcha de Motociclismo – FGM, tem trabalhado arduamente para fazer da melhor forma possível os campeonatos e eventos esportivos no Rio Grande do Sul. E dentre as ações da FGM, está a parceria selada na última semana de fevereiro, com a fabricante de pneus Rinaldi, que tem sede na serra gaúcha.

Nesta parceria, a Rinaldi, líder brasileira no segmento de reposição de pneus para motocicletas, vai patrocinar os campeonatos Gaúcho de Motocross, Velocross e Supercross 2010. E o patrocínio tem um diferencial inédito em relação aos patrocínios já fechados anteriormente, que é o beneficio para os pilotos, que, que além da Rinaldi, receberão também prêmios de todos os apoiadores do campeonato revertidos em forma de bônus ou produtos.

A Impacto Motos (lojas de motos, peças e equipamentos) também já esta nesta nova configuração, contribuindo com ajuda financeira a entidade e revertendo mesmo valor em produtos para os pilotos. A Motul (óleos lubrificantes) vai estar presente nos estaduais com sua marca revertendo todo o apoio a FGM em produtos para os pilotos. A IMS (equipamentos) auxiliará a FGM e reverterá o mesmo valor para os pilotos. A Octano (gráficos e adesivos) participará desta parceria com a produção de materiais para a FGM, e o mesmo valor em produtos para os pilotos.

A Mecânica Zapanetti também entrou na configuração de auxilio aos pilotos e vai premiar os pilotos. A Artemoto Troféus premiará os atletas no final dos campeonatos, e em parceria com o site Mundocross vai premiar com uma mini-moto o atleta destaque da temporada. A Honda através da Associação das Concessionárias do Rio Grande do Sul também deve entrar com patrocinador ancora na mesma configuração com apoio a entidade e motocicletas para serem sorteadas para os atletas no final da temporada.

Todos estes bônus serão distribuídos para os pilotos em ações que a FGM esta desenvolvendo. No final do ano já esta agendada uma festa grandiosa do motociclismo gaúcho, com uma programação jamais vista pelos pilotos do Rio Grande do Sul. A Rinaldi já confirmou também que todos os pilotos da categoria 50 que estiverem inscritos na abertura do campeonato Gaúcho de Motocross em Marau, receberão gratuitamente um par de pneus para suas motocicletas.

DECLARAÇÃO DO PRESIDENTE DA FGM

O presidente da FGM, Paulo Della Flora comentou sobres esta parcerias inéditas de patrocínio : “Ainda estamos trabalhando e deveremos ter mais novidades. Outros patrocinadores (parceiros) estão sendo contatados, considerando também que temos trabalhos voltados para a Motovelocidade e o Enduro. Eu sempre acreditei muito na força das empresas gaúchas do ramo motociclistico, e para um primeiro ano, onde só podemos começar a trabalhar em fevereiro, acho que já estamos conseguindo atingir o nosso objetivo que é de valorizar os nossos atletas e o motociclismo estadual. Sei que juntos poderemos mostrar o quanto somos unidos e merecemos valorização, e não vou sossegar enquanto não colocar o motociclismo gaúcho no topo do Brasil. E já podemos comemorar mais de 40 mil reais em ações (bônus, prêmios, motos, produtos) para os nosso atletas, e ainda teremos as ações na mídia aberta que estamos trabalhando para que isto aconteça ”, comentou Della Flora.

MOMENTO DA ASSINATURA DA PARCERIA COM A RINALDI

Na imagem aparecem Paulo Della Flora, presidente da FGM e o Sr. Sérgio De Paris, gerente da Rinaldi, no momento da assinatura do contrato de patrocínio. Nas próximas semanas a FGM estará divulgando a forma como os pilotos irão ter direito aos benefícios no campeonato Gaúcho de Velocross e também no Gaúcho de Motocross. O Campeonato Gaúcho de Motocross 2010 terá sua etapa de abertura nos dias 20 e 21 de março, em Marau, cidade localizada na região norte do Rio Grande do Sul.

Secretaria de Comunicação da FGM
Assessoria de Imprensa Websites
Foto by Sílvio Bilhar

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly