Ryan x Ryan : Um venceu e outro é líder do AMA SX

14 de março de 2010 - 6:00

A décima etapa do AMA Supercross 2010 aconteceu neste sábado, em Toronto, no Canadá. Na briga pelo título, os dois pretendentes estão fazendo sua parte. Ryan Villopoto venceu para descontar a desvantagem em relação a Ryan Dungey. Enquanto que Dungey, pensando no título e na grande vantagem que tem, chegou em segundo para não deixar Villopoto descontar muitos pontos.

Acompanhe como foi a etapa estrangeira, disputada neste sábado, dia 13 de março, nas dependências do Rogers Centre. Esta é a única etapa do AMA Supercross que é disputada fora dos Estados Unidos. Esta foi a décima das dezessetes etapa do AMA Supercross 2010, que também vale pelo campeonato Mundial de Supercross FIM.

CATEGORIA SUPERCROSS

Na largada, Trey Canard da equipe Geico Powersports / Honda (numeral 38) fez o holeshot e saiu na frente. Logo atrás dele vieram Ryan Villopoto da equipe oficial Monster Energy / Kawasaki em segundo e Ryan Dungey da equipe oficial Rockstar / Makita / Suzuki em terceiro. Na segunda volta Villopoto ultrapassou Canard e assumiu a liderança. Algumas voltas depois foi à vez de Dungey fazer o mesmo e assumir o segundo posto. Na metade da corrida, Villopoto já havia aberto 6 segundos de vantagem sobre Dungey.

Canard manteve a terceira posição, com Davi Millsaps da equipe oficial Red Bull / Honda Racing em quarto e Ivan Tedesco em quinto. Ao final das 20 voltas, Villopoto venceu com 4 segundos de vantagem sobre Dungey. Canard completou o pódio em terceiro, Tedesco foi o quarto e Kevin Windham fechou os cinco primeiros. No campeonato, Dungey ainda lidera com 17 pontos de vantagem sobre Villopoto. Josh Hill é o terceiro, Millsaps o quarto e Kevin Windham o quinto.

RESULTADO DA HEAT 1 DA CATEGORIA SUPERCROSS

1.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly