Honda apresentou equipe oficial e satélites para 2010

25 de março de 2010 - 21:00


A Honda apresentou hoje, quinta-feira, 25 de março, os 26 pilotos que compõem a equipe oficial e as equipes satélites patrocinadas pela marca. O evento foi realizado no Centro Educacional de Trânsito Honda (CETH), em Indaiatuba, interior de São Paulo. Imprensa, pilotos, dirigentes e parceiros estiveram presentes para acompanhar as mudanças em relação a 2009.

Para este ano, a Honda entra nas competições com um time oficial focado na busca de resultados composto por seis pilotos, sendo cinco de motocross e um de enduro de regularidade. Na categoria MX1, a equipe está representada pelo goiano Wellington Garcia, o paranaense Leandro Silva e o catarinense João Paulino da Silva Jr., o ‘Marronzinho’, novo membro do Team Honda. Pela MX2 estão o paranaense Jean Ramos e o mineiro Swian Zanoni.

Quem completa o grupo é o também mineiro Dário Júlio, piloto de enduro de regularidade. “A participação da Honda nas competições tem significado especial, porque mostra a qualidade dos produtos, promove o esporte e é entretenimento para o público”, explicou Roberto Akiyama, diretor comercial da Honda.

Além da equipe oficial (foto), a Honda inicia um trabalho inovador com seis equipes satélites, que inclui a participação de mais 20 pilotos nas categorias MX1, MX2, MXJR e 85 no Motocross e na categoria Master no Enduro de Regularidade. “As equipes satélites vão complementar o trabalho realizado pela Honda. A expectativa para a temporada é grande. Além do Arenacross, um novo campeonato, a Superliga Brasil de Motocross, promete ser bastante disputado. Acredito que 2010 será um ano importante para o crescimento do motocross entre os esportes Off-Road no Brasil”, afirmou Wilson Yasuda, gerente de competições da Honda.

MOTOS PARA A TEMPORADA 2010

A novidade para a temporada são as mudanças da CRF250R. O modelo ganhou novo design e tecnologia para proporcionar maior potência ao piloto. A alimentação da moto antes feita através do carburador passa a ser por injeção eletrônica. Já a CRF450R mantém a mesma base do modelo 2009, com apenas alguns ajustes para garantir mais precisão aos competidores.

AS EXPECTATIVAS DOS PILOTOS DA EQUIPE OFICIAL PARA 2010

#21 – Wellington Garcia (MX1) “A expectativa é ótima para mais uma temporada. Consegui me recuperar da cirurgia no pé que fiz há quatro meses e venho treinando bastante para o início das provas.”

#14 – Leandro Silva (MX1) “Minha meta é ser campeão. Ano passado comecei as competições muito bem, porém tive uma lesão que me afastou dos campeonatos. O objetivo para este ano é fazer uma temporada consistente.”

#11 – João Paulino “Marronzinho” (MX1) “Este é meu primeiro ano na Honda, um sonho realizado. A temporada promete ser acirrada. Pretendo conquistar muitos títulos para a equipe e quem sabe participar de provas internacionais.”

#18 – Jean Ramos (MX2) “Faz dois anos que estou batendo na trave na MX2. Por isso, este ano espero conquistar o tão desejado título brasileiro na categoria.”

#7 – Swian Zanoni (MX2) “Quero fazer uma boa temporada e tentar novamente uma vaga para representar o Brasil no Motocross das Nações.”

#1 – Dário Júlio (Enduro de Regularidade) “Meus planos para 2010 é conseguir novamente o título do campeonato mineiro, brasileiro e do Enduro da Independência, além de participar de outras competições como ralis e provas de velocidade.”

AS EQUIPES SATÉLITES PARA O MOTOCROSS BRASILEIRO 2010

W3 RACING / IMS / HONDA
MX1 – Rafael Zenni (São Paulo)
MX2 – Marcos Moraes (São Paulo)
MX3 – Cristiano Lopes (São Paulo)
85 – Sthefany Serrão (São Paulo)
85 – Thiago Formehl (Mato Grosso)

CIRCUIT RACING / HONDA
MX1 – Gustavo Takahashi (São Paulo)
MX2 – Rodrigo Rodrigues (São Paulo)
85 – Kaio Miranda (São Paulo)

FOX / ITAMARACÁ RACING / HONDA
MX1 – Roosevelt Assunção (São Paulo)
MX2 – Hector Assunção (São Paulo)
85 – Gustavo Pessoa (São Paulo)

JX RACING / HONDA
MX1 – Roberto Castro (Costa Rica)
MX2 – Humberto Martin (Venezuela)

DUNAS RACING / HONDA
MX1 – Lucas Moraes (São Paulo)
85 – Endrews Armstrong (Paraná)

MX PARTS / LS RACING / HONDA
MX1 – Kurtt Airton Rocha (Paraná)
MX2 – Rafael Faria (Paraná)
85 – Leonardo Lizott (Rio Grande do Sul)

PILOTOS INDEPENDENTES
MX2 – Everaldo Filho (Goiás)
Master Enduro de Regularidade – Sandro Hoffmann (Espírito Santo)

Redação Mundocross
Texto by VipComm
Foto by Luiz Pires

Compartilhe este conteúdo

Comentários

oi pessoal sou fã do piloto morrozinho, gostaria de saber se ele ira participar da etapa da copa riffel de tubarão??

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly