Siqueira Campos está pronta para o Brasileiro de MX

25 de março de 2010 - 17:00

Se fosse necessário, o Pro Tork Brasileiro de Motocross 2010 poderia começar hoje. O Centro de Treinamento da Pro Tork, na cidade de Siqueira Campos, Paraná, local da abertura do Campeonato no dia 11 de abril, já está pronto para receber os melhores pilotos do país, no que promete ser o de mais alto nível dos últimos anos. Além disso, a pista de Carlos Barbosa, Rio Grande do Sul, que vai sediar a segunda etapa da temporada no dia 25 de abril, está tendo sua pista ajustada à nova infraestrutura de corrida da Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM, melhorando ainda mais seu nível técnico.

Para a etapa de abertura, a Pro Tork quer mais do que fazer uma grande corrida de Motocross e Marlon Bonilha, diretor da empresa paranaense, garante que pilotos, público e imprensa terão à sua disposição a melhor estrutura do país. Os pilotos poderão contar com banheiros com chuveiros quentes, local para alimentação, área de camping, boxes com iluminação, pontos de energia elétrica e água.

A imprensa contará com a estrutura da torre central do motódromo, com sala climatizada, vista para 95% da pista, acesso à internet e banheiros privativos. Já o público, que será o maior beneficiado, terá entrada franca e ainda poderá assistir, além das competições, a shows de freestyle com Gilmar “Joaninha” e acrobacias aéreas.

“Nossa estrutura está sendo deslocada para o Centro de Treinamentos Pro Tork e teremos várias atrações que vão engrandecer o evento. Os preparativos estão muito avançados para realizar a maior prova de Motocross que o Brasil já viu. Nosso objetivo é bater um novo recorde de público e de pilotos. Temos certeza que teremos um ano muito especial. O Campeonato ganhará mais força e os pilotos terão a oportunidade de evoluir muito tecnicamente pelo nível das pistas e até financeiramente, pela exposição das marcas de seus patrocinadores e pelas novas premiações. Teremos um calendário que contemplará pistas de altíssimo nível, como a de Canelinha, que sediou o Mundial e o retorno de Carlos Barbosa, além da pista da Pro Tork que é considerada por muitos como uma das melhores do circuito brasileiro”, disse Marlon.

Para o presidente da Federação Paranaense de Motociclismo – FPRM, Gilberto Rosa, o ‘Juba’, a prova já poderia ser realizada neste fim de semana.

“Está tudo pronto. Foi tudo melhorado. Desde a área de box até à pista. A partir da segunda-feira que anteceder a corrida minha equipe vai estar toda em Siqueira Campos. A prova poderia até ser neste fim de semana. Fechamos parcerias com jornais e TVs e o Marlon (diretor da Pro Tork) espera mais de 500 motos. Com certeza podem esperar uma prova perfeita”, afirmou Juba.

O Pro Tork Campeonato Brasileiro de Motocross tem supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo, e patrocínio de Pro Tork e Rinaldi.

Redação Mundocross
Texto by Adriano Winckler
Foto Divulgação

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly