Principais pilotos nacionais estarão no GP Brasil de MX

Por João Perocco | Fotos por Maurício Arruda | 24 de maio de 2010 - 7:30

Na última quinta-feira, 20 de maio, a Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM, após reunião com a Bracco Internacional, representando a Youthstream, abriu as inscrições antecipadas para a etapa brasileira do Campeonato Mundial de Motocross 2010, que acontecerá em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, nos dias 21 e 22 de agosto.

Após a abertura, os sete principais pilotos do Brasil se confirmaram para o GP Brasil de Motocross e a expectativa é de mais nomes do país. Destaques na etapa de 2009, os mineiros Jorge Balbi, melhor brasileiro na MX1 e Swian Zanoni, destaque do país na MX2, já confirmaram presença.

Único brasileiro a terminar a prova entre os top ten, Balbi é a principal promessa de um bom resultado no país. Depois de cinco anos competindo no exterior, é o piloto mais adaptado ao tipo de pista que será construído no Mundial, muito mais técnico do que a média das pistas brasileiras.

Já Swian Zanoni vem se consolidando a cada prova como um dos principais nomes do país. Depois de ter sido o melhor brasileiro na MX2, com um 14º lugar, ele representou o Brasil no Motocross das Nações e é o atual líder da Superliga de Motocross na categoria MX2.

“O Brasil é um país que vem evoluindo muito no Motocross e o principal desafio desses pilotos é conseguir mostrar essa evolução e conseguirem resultados ainda melhores do que no ano passado. Quem sabe este ano não teremos brasileiros entre os dez melhores nas duas categorias?”, comentou Federico Carli, diretor executivo da Bracco Internacional, empresa detentora dos direitos do Mundial de MX no Brasil.

“Este ano, pelo que fiquei sabendo, virão ainda mais pilotos de fora e o nível será ainda maior. Será um desafio muito grande pra gente tentar andar no pelotão da frente, mas acredito que poderemos desempenhar um bom papel”, afirmou Jorge Balbi.

O piloto, aliás, embarca para os Estados Unidos nesta segunda-feira, 24 de maio, para participar da sexta etapa do Campeonato Mundial de MX, que acontecerá no próximo final de semana em Glen Helen, na Califórnia. Ele utilizará a etapa como um ‘aquecimento’ para a etapa do Brasil.

Balbi já está confirmado no GP Brasil de MX em Campo Grande

Balbi já está confirmado no GP Brasil de MX em Campo Grande

“Será importante esse teste para saber como está o nível dos caras. Mas tenho certeza que aqui, com a torcida do meu lado e todo o calor do público, a coisa será diferente e a emoção será muito maior”, destacou.

Além deles, outros grandes nomes do país já estão confirmados. Entre eles estão Wellington Garcia, Leandro Silva, João ‘Marronzinho’ Paulino, Jean Ramos e Mariana Balbi. A piloto mineira, promete ser, mais uma vez, uma atração a parte na competição. Única mulher da história a se classificar para uma final de Campeonato Mundial, ela sabe que terá uma dura missão se quiser repetir o feito em 2010.

O campeão Brasileiro de MX Wellington Garcia correrá o GP Brasil

O campeão Brasileiro de MX Wellington Garcia correrá o GP Brasil

Para dificultar a vida dos brasileiros, os maiores pilotos do mundo estarão em Campo Grande, brigando por mais um título mundial. Na MX1, estarão no país feras como Antonio Cairoli, David Philipaerts e Maximilian Nagl. Na MX2, já estão confirmados Marvin Musquin, Ken Roczen e Jeffrey Herrlings.

O GP Brasil de Motocross 2010 tem o patrocínio do Governo do Estado do Mato Groso do Sul, Honda, Mormaii, Red Bull e Teka Group. Realização Bracco Internacional eYouthStream, além da Supervisão Federação de Motociclismo do Mato Grosso do Sul e Federação Internacional de Motociclismo.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly