Arenacross em Ribeirão foi assistido por 8 mil pessoas

Por Jorge Soares | Fotos por Maurício Arruda | 12 de junho de 2010 - 23:30

Cerca de oito mil pessoas estiveram presentes na noite deste sábado, dia 12 de junho, no Jóquei Clube de Ribeirão Preto, interior de São Paulo, onde foi realizado a terceira etapa da temporada 2010 do Arenacross. Com a presença da prefeita Dárcy Vera, que afirmou que no próximo ano a cidade será sede novamente de uma etapa do AX, evento que este ano contou com a participação dos principais pilotos do Motocross do Brasil e dois grandes nomes do Motocross da América do Sul.

Categoria Pró
Surpresas até a última volta e emoções do início ao fim, assim foi a primeira bateria da categoria. Largando na primeira posição, Swian Zanoni foi ultrapassado na primeira volta por Leandro Silva e João Paulino ‘Marronzinho’. A partir daí começou uma incrivel disputa entre os pilotos da equipe Honda. Mesmo na frente, a vantagem de Leandro Silva para Marronzinho e Swian, segundo e terceiro colocados respectivamente, era pequena. Na última volta, quando parecia que nada mudaria o cenário das três primeiras posições, ‘Marronzinho’ sofreu uma queda e foi ultrapassado por Swian Zanoni e Wellington Garcia. No fim, Leandro Silva ficou em primeiro, Swian Zanoni em segundo e Wellington em terceiro.

Largada da segunda bateria da categoria Pró em Ribeirão

Largada da segunda bateria da categoria Pró em Ribeirão

Swian venceu mais uma no Arenacross e consolida liderança

Swian venceu mais uma no Arenacross e consolidou a liderança

Pódio da categoria Pró a principal do Arenacross

Pódio da categoria Pró a principal do Arenacross

Na segunda bateria, apesar de ter largado mal, Swian Zanoni conseguiu imprimir um ritmo forte e conquistou a vitória. ” A pista é bem técnica, com poucos pontos de ultrapassagem. Felizmente me recuperei e venci.  Agradeço minha família e minha equipe  pelo apoio. Com o resultado das duas baterias, Swian Zanoni ficou com o primeiro lugar e conquistou um prêmio de R$4 mil. Em segundo ficou Jean Ramos, que levou R$2 mil. E em terceiro chegou Wellington Garcia, que ficou com R$1.500.

Categoria Júnior
Em uma corrida muito disputada, Hector Assunção se sagrou vencedor. Ocupando a terceira colocação no início da prova, Hector demonstrou muita técnica para chegar ao primeiro lugar. “Fiquei muito concentrado para não cometer erros e não dar chance aos outros pilotos. Thales Vilardi e Rodrigo Rodrigues ficaram com o segundo e terceiro lugares respectivamente.

Rodrigo Rodrigues finalizou em terceiro na categoria Júnior

Rodrigo Rodrigues finalizou em terceiro na categoria Júnior

Categoria 85
Depois de largar na frente, Anderson Amaral foi ultrapassado por Endrews Armstrong. A partir daí, Anderson começou uma caçada atrás de Endrews. No final da prova, para sorte de Anderson, Endrews acabou errando e Anderson venceu a corrida. “Estava prestando muita atenção no traçado do Endrew para ultrapassar na hora certa. Acabei vencendo por conta do erro dele”, explicou o vencedor. Mesmo com a queda, Endrews chegou em segundo e Kaio Miranda chegou em terceiro.

Largada da categoria 85 na etapa de Ribeirão neste sábado

Largada da categoria 85 na etapa de Ribeirão neste sábado

Categoria 65
Uma vitória para entrar pra história da categoria, assim foi a conquista do piloto Djalma Brito, vencedor pela primeira vez de uma etapa no Arenacross. Largando na frente, o piloto liderava até ser ultrapassado por Hugo Erthal. Após duas voltas, Djalma retomou a ponta e administrou a corrida até receber a bandeirada final em primeiro lugar. A partir daí, o piloto dançou, deu volta olímpica, chorou e emocionou o público. “Estou muito emocionado, os outros pilotos são muito bons. Agradeço a todos que me ajudaram a conquistar essa vitória”, falou Djalma. Hugo Erthal ficou em segundo lugar e Kioman Muñoz  em terceiro.

Hugo Erthal ficou com a segunda posição na categoria 65

Hugo Erthal ficou com a segunda posição na categoria 65

Categoria 50
De ponta a ponta, foi assim que o piloto catarinense Arthur Todeschini alcançou a vitória. No início da corrida, Todeschini sofreu com a pressão de Lucas Erthal, porém, depois de algumas voltas, Erthal sofreu uma queda e o catarinense disparou até conquistar a vitória. “Precisei manter a calma, pois mesmo em primeiro poderia ser ultrapassado. Estou feliz com o resultado”, analisou Todeschini. A segunda posição ficou com Guilherme Torres, que fez uma impressionante corrida de recuperação após ficar em último na largada por conta de problemas com a moto. Thiago Brenner,na terceira colocação, completou o pódio.

Arthur 'Thui' Todeschini foi o vencedor da categoria 50

Arthur 'Thui' Todeschini foi o vencedor da categoria 50

Resultado da terceira etapa do Arenacross 2010

Categoria Pró
1 – Swian Zanoni
2 – Jean Ramos
3 – Wellington Garcia

Categoria Júnior
1 – Hector Assunção
2 – Thales Vilardi
3 – Rodrigo Rodrigues

Categoria 85
1 – Anderson Amaral
2 – Endrews Armstrong
3 – Kaio Miranda

Categoria 65
1 – Djalma Brito
2 – Hugo Erthal
3 – Kioman Muñoz

Categoria 50
1 – Arthur Todeschini
2 – Guilherme Torres
3 – Thiago Brenner

O Arena Cross 2010 tem o patrocínio da Honda e Aymoré Financiamento, co-patrocínio da Bridgestone, Shell Advance, Consórcio Nacional Honda, Metzeler, Red Nose e Revista Moto, além do apoio da Prefeitura de Ribeirão Preto, Rádio Difusora e Band FM.

Etapas restantes do Arena Cross 2010
4ª Etapa – 7 de agosto – São Bernardo do Campo/SP
5ª Etapa – 11 de setembro – Itu/SP
6ª Etapa – 9 de outubro – São José do Rio Preto/SP

Texto : VipComm

Compartilhe este conteúdo

Comentários

LucasMx disse:

Parabéns Swian Zanoni o cara é nota 10

Abração

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly