Pilotos da Pro Tork e da Rinaldi estão em Chapecó

Foto por Divulgação | 18 de junho de 2010 - 21:00

Neste sábado e domingo, 19 e 20 de junho, tem Superliga Brasil de Motocross, e como é de praxe, deverá ser mais uma bela disputa. A categoria MX3 está sendo dominada por Davis Guimarães em primeiro e Milton ‘Chumbinho’ Becker em segundo, ambos da Pro Tork Racing Team.

O paranaense Davis soma um segundo lugar e uma vitória na competição, já o catarinense Chumbinho tem uma primeira e outra terceira colocação. Com apenas dois pontos de diferença na tabela entre eles, quem tiver o melhor desempenho na terceira etapa fica com a liderança.

“A competição é longa, mas é importante conquistar o máximo de pontos logo no início. Meu objetivo é fazer uma boa prova e se possível conquistar a vitória”, destacou Davis. “A expectativa é a melhor possível, quero fazer minha corrida tranquilo e ver no que vai dar”, afirmou Chumbinho.

Davis é líder da Superliga na categoria MX3

Davis é líder da Superliga na categoria MX3

Marcello ‘Ratinho’ Lima é outro que está confiante para a disputa da terceira etapa da Superliga Brasil de MX. O piloto chegou nesta sexta-feira em Chapecó, onde pretende conquistar a vitória na MX1 e também a liderança na classificação da principal categoria.

“A expectativa é sempre boa, espero poder comemorar minha primeira vitória na competição. Estou em segundo lugar, apenas cinco pontos atrás do líder, Balbi Jr., e acredito que tenho boas chances de vencê-lo nesta etapa”, comentou o piloto que é patrocinado pela Rinaldi.

Ratinho tentará sua primeira vitória na Superliga

Ratinho tentará sua primeira vitória na Superliga

Na abertura Ratinho foi o quinto colocado e na última prova alcançou o segundo lugar no pódio. Para continuar evoluindo na tabela, o piloto fez um treinamento específico nos últimos dias, corrigindo todas as falhas, incluindo as de equipamento.

Mais pilotos na disputa
Além de Ratinho, representam a Rinaldi na MX1 os pilotos Eduardo Lima e Cristopher ‘Pipo’ Castro. Dudu é o oitavo colocado e Pipo o 15°. Já na MX2, Ratinho e Dudu também entram em cena, sendo que os atletas ocupam o quinto e o décimo lugares na classificação respectivamente.

Dudu Lima é piloto da equipe Vaz/Kawasaki/Rinaldi

Dudu Lima é piloto da equipe Vaz/Kawasaki/Rinaldi

Kioman Muñoz é o craque da Rinaldi na categoria 65. O garoto está em segundo na categoria, com o mesmo número de pontos do líder Djalma de Brito, 35. “Na estreia eu venci e ele foi o terceiro e na última prova invertemos as posições. Espero recuperar a liderança com uma bela vitória”, afirmou.

Kioman vai em busca da sua segunda vitória na Superliga

Kioman vai em busca da sua segunda vitória na Superliga

Montada dentro do Autódromo Internacional de Chapecó, a pista deste evento tem 1.600 metros e é considerada extremamente técnica, o que irá exigir muito preparo físico dos pilotos. O traçado passou por modificações, a reta de largada ganhou uma extensão e os ângulos dos saltos foram aprimorados. O destaque, no entanto, é o triplo de 35 metros.

No sábado, os treinos livres estão marcados para as 9:30 horas e os cronometrados para as 13:30 horas. O warm-up no domingo terá início às 7:30 horas e as provas às 10:15 horas. Não perca !!!

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly