Gringos dominaram o Brasileiro de MX em Foz

Por Jorge Soares | Fotos por Idário Araújo | 18 de julho de 2010 - 17:00

O dia começou muito frio e com neblina sobre a pista de Foz do Iguaçu, mas pelo menos a chuva não caiu até por volta das 11:30 horas. O warm-up, que também valeu como treino classificatório, estava previsto para começar às 8:30 horas da manhã deste domingo, 18 de julho, na pista da Praia da Três Lagoas, mas acabou sendo adiado para às 9:40 horas por causa das condições climáticas desfavoráveis.

A última bateria disputada na tarde de hoje foi a MX1, que teve sua largada às 16:00 horas, contou com 22 participantes e encerrou a programação do dia em Foz do iguaçu às 16:40 horas. E o destaque do dia foi para os estrangeiros, que bateram um recorde de número de participantes no Brasileiro de Motocross e tiverem os vencedores das duas principais categorias, a MX1 e a MX2. Os gringos dominaram tanto a MX1, quanto a MX2, ocupando os dois primeiros lugares do pódio das duas categorias.

Scott confirmou favoritismo na MX1

Scott confirmou favoritismo na MX1

O inglês Adam Chatfield da 2B Duracell Racing venceu a categoria MX2 e o americano Scott Simon da Pro Tork Racing Team venceu a categoria MX1. A etapa contou com 130 pilotos em relação ao público, infelizmente a chuva que caiu no sábado e a instabilidade durante o dia de hoje fizeram com que a presença do público ficasse bem abaixo do esperado.

“Larguei atrás, e não queria deixar os primeiros abrirem muito. Então, comecei a imprimir um ritmo bem forte. Consegui passar todo mundo, e quando vi que já tinha aberto uma boa vantagem e fui tentando administrar um pouco. Venho treinando muito forte, e sabia que se a pista estivesse pesada, com bastante buraco, eu teria alguma vantagem. Estou bastante satisfeito com o resultado e a liderança do campeonato”, ressaltou Scott.

Pódio da categoria MX1 em Foz do Iguaçu

Pódio da categoria MX1 em Foz do Iguaçu

Na categoria MX3, o curitibano Davis Guimarães, piloto da Pro Tork, conquistou sua primeira vitória na temporada 2010 do Brasileiro. Mais do que isso, com a vitória Davis garantiu também a liderança isolada da categoria MX3. Nico Rocha, companheiro de Davis na Pro Tork, foi o segundo, com Willian Guimarães, piloto patrocinado pela Pro Tork, em terceiro, Nielsen Bueno, da equipe oficial Suzuki, em quarto e Erivelto Nicoladelli, patrocinado pela Black Lince/Meneghel Motos, em quinto.

“Foi a primeira vez que conquistei uma vitória no Campeonato Brasileiro, e vencer no Paraná, que é a minha casa, foi muito emocionante. Larguei bem, tentei abrir uma vantagem no início e depois administrar, andando ‘de pé’, sem cair, como a gente costuma dizer. Agradeço a Deus, aos meus patrocinadores e ao meu mecânico, o ‘Brutus’, a quem devo muito por estar na briga pelo título”, comentou Davis.

Davis venceu sua primeira no Brasileiro de Motocross

Davis venceu sua primeira no Brasileiro de Motocross

O garoto gaúcho Enzo Lopes, patrocinado pela Léo Motos/Pirelli/Freeday/Answer, venceu a prova da categoria 65 e assumiu a liderança na classificação geral, superando Kioman Navarro, patrocinado por Tonin Bala/Rinaldi. Enzo e Kioman estão empatados com 96 pontos, porém o piloto gaúcho leva vantagem nos critérios de desempate. Matheus Galves, José Brayan e Daniel Reichhardt completaram o pódio em terceiro, quarto e quinto.

Na categoria 85, o paulista Anderson Amaral, da 2B Duracell Racing segue imbatível. O piloto conquistou sua quarta vitória consecutiva no Brasileiro, somando 101 pontos na classificação geral. O catarinense Rodrigo Riffel, patrocinado pela Moto Shop/Brasil Racing, que foi o segundo, tem 75 pontos. Pedro Bueno, que tem o patrocínio da Brasil Racing/Mundial Prime, foi o terceiro, Northon Carvalho, da Uni-Turbos/Santos Anjos, foi o quarto e Hallex Dalfovo, patrocinado pela Pro Tork, o quinto.

Na categoria 230, os vencedors foram Ismael Rojas, com Carlos Eduardo Franco, líder do campeonato em segundo, seguido de Nivaldo Viana, Eduardo Rosing e Rafael Xavier.

A próxima etapa do Campeonato  Brasileiro de Motocross, a quinta da temporada 2010, será no dia 1º de agosto em Canelinha, Santa Catarina.

Resultados da quarta etapa do Brasileiro de Motocross 2010

Categoria MX3
1) Davis Guimarães
2) Nico Rocha
3) Willian Alves Guimarães
4) Nielsen Bueno
5) Erivelto Nicoladelli

Categoria 65
1) Enzo Lopes
2) Kioman Navarro
3) Matheus de Souza
4) José Brayan Soares
5) Daniel Reichardt

Categoria MX2
1) Adam Chatfield
2) Scott Simon
3) Thales Vilardi
4) Gustavo do Amaral
5) Marçal Müller

Categoria 230
1) Ismael da Costa Rojas
2) Carlos Eduardo Franco
3) Nivaldo  José Viana
4) Eduardo Rosing
5) Rafael Silva Xavier

Categoria 85
1) Anderson Amaral
2) Rodrigo José Riffel
3) Pedro Henrique Bueno
4) Northon Carlos Carvalho
5) Hallex Dalfovo

Categoria MX1
1) Scott Simon
2) Adam Chatfield
3) Eduardo Lima
4) Douglas Parise
5) Marcello Lima

Confira os resultados completos da quarta etapa do Brasileiro de Motocross 2010

Categoria MX1

Categoria MX2

Categoria MX3

Categoria 230

Categoria 65

Categoria 85

Classificação do Brasileiro de Motocross 2010 após quatro etapas

Categoria MX1

Categoria MX2

Categoria MX3

Categoria 230

Categoria 65

Categoria 85

A quarta etapa do Campeonato Pro Tork Brasileiro de Motocross 2010 foi uma promoção da MZ Sports Competições & Eventos, com apoio da Prefeitura de Foz do Iguaçu através da secretaria de Esportes e Lazer. A organização foi da Federação Paranaense de Motociclismo, com realização e supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly