Adiado o Brasileiro de Motocross em Canelinha

20 de julho de 2010 - 21:40

Numa decisão entre o presidente da Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM, Alexandre Guelman, e o presidente da Federação Catarinense de Motociclismo – FCM, Onílio Cidade Filho, foi definida nesta terça-feira, 20 de julho, a transferência da quinta etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross 2010. A competição, que no último domingo havia sido marcada para ser realizada no dia 1º de agosto em Canelinha, Santa Catarina, passou agora para o dia 15 de agosto no mesmo local.

“Entre os motivos do adiamento está a dificuldade de desmontar a estruturo em Foz do Iguaçu, já que a chuva não cessou ainda naquela região, e como também existe previsão de chuva para os próximos dias na grande Florianópolis, ficará praticamente impossível montar a estrutura e também tratar a pista a tempo em Canelinha”, disse Onílio Cidade Filho, o ‘Kiko’, em conversa com o site Mundocross.

“Além das questões climáticas, um outro ponto que nos levou a solicitar o adiamento da etapa do Brasileiro de Motocross em Canelinha foi a questão da promoção do evento, já que restam poucos dias até 1º de agosto. No caso dos outdoors os contratos são para 15 dias de exposição e para o dia 1º de agosto só teríamos eles por 8 dias nas ruas”, concluiu Kiko.

“A pista de Canelinha sempre foi muito elogiada pelos pilotos, e com o Mundial no ano passado, sem dúvida entrou para um seleto rol de circuitos internacionais. O alto nível de infraestrutura e organização que a CBM implementou em 2009, justamente em Canelinha, serviu de parâmetro para o belo Campeonato Brasileiro que estamos realizando este ano. Tenho certeza absoluta que em parceria com a Federação Catarinense faremos mais um grande evento no Pro Tork Brasileiro de Motocross 2010”, declarou o presidente da Confederação Brasileira de Motociclismo, Alexandre Caravana Guelman.

Para a CBM a transferência acarreta em vários pontos, dentre eles a solicitação as Federações quais tem eventos Estaduais de Motocross para que transfiram os eventos, e com isto não conflitem com o evento nacional. A FGM foi um destes casos, sendo que o presidente da Federação Gaúcha de Motociclismo – FGM, Paulo Della Flora, o ‘Jabuti’, informou ao presidente da CBM que entedia o caso e que faria um remanejamento da data do Gaúcho de Motocross marcada para o dia 15 de agosto em Maratá.

Confira como foram as primeiras etapas do Brasileiro de Motocross 2010

4ª Etapa – 18 de julho – Foz do Iguaçu / PR
3ª Etapa – 27 de junho – Quissamã / RJ
2º Etapa – 25 de abril – Carlos Barbosa / RS
1ª Etapa – 11 de abril – Siqueira Campos / PR

Veja a classificação do campeonato após quatro etapas

O Brasileiro de Motocross 2010 tem patrocínio da Pro Tork

O Brasileiro de Motocross 2010 tem patrocínio da Pro Tork

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly