Equipe da Youthstream está chegando ao Brasil

Foto por Divulgação | 23 de julho de 2010 - 15:15

Faltando um mês para a etapa brasileira do Mundial de Motocross MX1/MX2, a equipe da Youthstream já começa a chegar no Brasil para realizar os preparativos para a prova, que acontecerá nos dias 21 e 22 de agosto em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, e será válida pela 13ª etapa da temporada 2010. A Youthstream é a empresa promotora do campeonato, e parceria da FIM de longa data.

Neste sábado desembarcam na capital do Mato Grosso do Sul o designer de traçados Greg Atkins, e o construtor de pistas Justin Barclay. Os dois são responsáveis pelo desenvolvimento de todas as pistas do campeonato e chegam ao Brasil para começar a trabalhar no circuito do país.

Atkins supervisionou a construção da pista de Canelinha em 2009

Atkins supervisionou a construção da pista de Canelinha em 2009

Além deles, chegam à cidade também quatro representantes da Bracco Internacional: o diretor executivo Federico Carli, o gerente de marketing Rafael Rocha, que foi responsável pela estruturação de toda a etapa brasileira de 2009 e os novos contratados Rodrigo Zancan e Adílson Grecco, que já tem muitos anos de experiência no esporte, e serão responsáveis por fazer toda a supervisão para a Bracco.

Barclay é quem constrói as pistas do Mundial de MX

Barclay é quem constrói as pistas do Mundial de MX

“Toda a limpeza e terraplanagem do circuito já foi feita, e com a chegada do pessoal da Youthstream e da Bracco, tenho certeza que muito em breve a pista já estará toda pronta para receber os melhores pilotos do mundo. Estamos muito tranquilos em relação ao planejamento, e tenho certeza que tudo sairá conforme o esperado”, comentou Firmo Henrique Alves, presidente da Federação de Motociclismo do Mato Grosso do Sul – FEMEMS.

A expectativa dos pilotos brasileiros para a pista de Campo Grande é a melhor possível. Jorge Balbi, o brasileiro com maior experiência no exterior e único que já competiu uma etapa do mundial este ano, tem certeza que a pista que será construída na cidade será uma das melhores do país.

“A pista que fizeram para o Mundial em Canelinha é sem dúvida a melhor pista do Brasil. Conheço o trabalho do pessoal da Youthstream e tenho certeza que em Campo Grande eles não deixarão nada a desejar. Tenho certeza que será uma das pistas mais técnicas do Brasil”, comentou o piloto.

O GP Brasil de Motocross 2010 tem o patrocínio do Governo do Estado do Mato Groso do Sul, Honda, Enersul, Banco Rural, Mormaii, Red Bull, Teka Group, Sidi, KTM e Rebootizer. Realização Bracco Internacional e YouthStream. Supervisão Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM, Federação de Motociclismo do Mato Grosso do Sul – FEMEMS, e Federação Internacional de Motociclismo – FIM.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly