Líderes do Mundial de MX venceram em Loket

Foto por Geoff Meyer | 08 de agosto de 2010 - 17:55

Após a etapa de Lommel na Bélgica final de semana passado, a caravana do Campeonato Mundial de Motocross MX1/MX2 seguiu neste final de semana, 7 e 8 de agosto, para Loket, na República Tcheca, para a disputado do 12º Grand Prix da temporada 2010. Acompanhe como foi a corrida deste domingo de Dia dos Pais…

Categoria MX1

Apesar da chuva que castigou a cidade de Loket e seu motódromo durante todos os treinos e classificatórias de sábado, no domingo o sol resolveu aparecer e as corridas acontecerem sob excelente temperatura e condições da pista. Na primeira bateria da principal categoria do campeonato, a MX1, o italiano Antonio Cairoli da equipe oficial KTM, líder do campeonato e atual campeão, saiu na frente na largada, mas no decorrer da corrida foi superado pelo estoniano Tanel Leok da Honda, que venceu a bateria. Cairoli garantiu a segunda posição.

Pista de Loket é num terreno privilegiado

Pista de Loket é num terreno privilegiado

Cairoli chegou líder e saiu ainda mais líder de Loket

Cairoli chegou líder e saiu ainda mais líder de Loket

Na segunda bateria Cairoli largou novamente em primeiro e desta vez não deixou ninguém superá-lo, faturando a corrida e também o overall. O belga Clement Desalle da equipe Teka/Suzuki (3º/2º) foi o segundo e Leok (1º/5º) completou o pódio em terceiro. Steve Ramon, conterrâneo e companheiro de equipe de Desalle, finalizou na quarta posição e o alemão Max Nagl, companheiro de equipe de Cairoli, completou os cinco primeiros.

Ex-campeão Mundial Steve Ramon está em quinto na MX1

Ex-campeão Mundial Steve Ramon está em quinto na MX1

Leok venceu a primeira bateria da MX1 em Loket

Leok venceu a primeira bateria da MX1 em Loket

No campeonato, a vantagem de Cairoli para o vice-líder Desalle chega a 84 pontos. David Phillippaerts da equipe Monster Energy/Yamaha, conterrâneo de Cairoli é o terceiro, Nagl o quarto e Ramon fecha os cinco primeiros.

Desalle e Philippaerts conversando após a corrida

Desalle e Philippaerts conversando após a corrida

Pódio da MX1 em Loket com Cairoli no lugar mais alto

Pódio da MX1 em Loket com Cairoli no lugar mais alto

Categoria MX2

A categoria MX2 viu o alemão Ken Roczen da equipe Teka/Suzuki e o francês Marvin Musquin da equipe oficial KTM, atual campeão e líder do campeonato, travarem uma batalha pessoal. Roczen dominou a primeira bateria, vencendo por uma boa margem. Musquin garantiu a segunda posição.

Roczen venceu a primeira bateria da MX2 em Loket

Roczen venceu a primeira bateria da MX2 em Loket

Frossard e Horebeek são companheiros de equipe

Frossard e Horebeek são companheiros de equipe

Na segunda bateria os dois travaram uma bela disputa pela vitória, mas desta vez o francês levou a melhor, vencendo também o overall. Roczen garantiu a segunda posição na bateria e no overall. O francês Gautier Paulin (6º/3º) da equipe Monster Energy/Yamaha completou o pódio na terceira posição. O belga Jeremy Van Horebeek da Kawasaki foi o quarto e o britânico Shaun Simpson, companheiro de equipe de Musquin completou os cinco primeiros.

Musquin venceu a segunda bateria da MX2 em Loket

Musquin venceu a segunda bateria e o overall da MX2 em Loket

O americano Osborne está em sexto no Mundial MX2

O americano Osborne está em sexto no Mundial MX2

No campeonato, a vantagem de Musquin sobre Roczen agora é de 78 pontos. O francês Steven Frossard da Kawasaki é o terceiro, com o jovem holandês Jeffrey Herlings, companheiro de Musquin na KTM em quarto. Shaun Simpson fecha os cinco primeiros.

Musquin ocupou o lugar mais alto do pódio da MX2 em Loket

Musquin ocupou o lugar mais alto do pódio da MX2 em Loket

O lindo visual das redondezas do circuito de Loket

O lindo visual das redondezas do circuito de Loket

Resultado da décima segunda etapa na categoria MX1
1. Antonio Cairoli – 47 pontos
2. Clement Desalle – 42
3. Tanel Leok – 42
4. Steve Ramon – 35
5. Max Nagl – 34
6. David Philippaerts – 30
7. Evgeny Bobryshev – 26
8. Rui Goncalves – 24
9. Kevin Strijbos – 20
10. Josh Coppins – 19 pontos

Classificação da categoria MX1 após doze etapas
1. Antonio Cairoli – 531 pontos
2. Clement Desalle – 447
3. David Philippaerts – 394
4. Max Nagl – 382
5. Steve Ramon – 376
6. Ken De Dycker – 309
7. Tanel Leok – 290
8. Xavier Boog – 276
9. Evgeny Bobryshev – 270
10. Davide Guarneri – 213 pontos

Resultado da décima segunda etapa na categoria MX2
1. Marvin Musquin – 47 pontos
2. Ken Roczen – 47
3. Gautier Paulin – 35
4. Jeremy Van Horebeek – 34
5. Shaun Simpson – 31
6. Arnaud Tonus – 27
7. Steven Frossard – 25
8. Joel Roelants – 24
9. Zach Osborne – 23
10. Harri Kullas – 21 pontos

Classificação da categoria MX2 após doze etapas
1. Marvin Musquin – 527 pontos
2. Ken Roczen – 449
3. Steven Frossard – 404
4. Jeffrey Herlings – 391
5. Shaun Simpson – 329
6. Zach Osborne – 313
7. Jeremy Van Horebeek – 302
8. Joel Roelants – 298
9. Arnaud Tonus – 293
10. Gautier Paulin – 235 pontos

Etapas restantes do Mundial de Motocross MX1/MX2 2010
13ª Etapa – Dia 22 de agosto – Campo Grande – Brasil
14ª Etapa – Dia 5 de setembro – Lierop – Benelux
15ª Etapa – Dia 12 de setembro – Fermo – Itália

Confira como foram as etapas anteriores do Mundial MX1/MX2 2010

11ª Etapa – 1º de agosto – Lommel / Bélgica
10ª Etapa – 4 de julho – Uddevalla / Suécia
9ª Etapa – 27 de junho – Kegums / Letônia
8ª Etapa – 20 de junho – Teutschenthal / Alemanha
7ª Etapa – 6 de junho – Saint Jean d’Angely / França
6ª Etapa – 30 de maio – Glen Helen / Estados Unidos
5ª Etapa – 16 de maio – Bellpuig / Espanha
4ª Etapa – 9 de maio – Agueda / Portugal
3ª Etapa – 25 de abril -Valkenswaard / Holanda
2ª Etapa – 11 de abril – Mantova / Itália

Para comprar ingresso para o GP Brasil de MX acesse o site oficial www.mxgpbrasil.com

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly