Pro Tork pronta para o Nacional de MX em Canelinha

Foto por Idário Araújo | 11 de agosto de 2010 - 19:45

Liderando quatro das seis categorias do Campeonato Brasileiro de Motocross 2010, a Pro Tork Racing Team chega confiante a cidade de Canelinha, Santa Catarina, para a disputa da quinta das oitos etapas, que será realizada neste fim de semana, 14 e 15 de agosto, no motódromo Arthur Jachowicz, um dos mais tradicionais do Brasil.

“O time lidera todas as classes que compete e o objetivo é abrir vantagem na classificação, já que restam apenas quatro etapas para o fim do evento. Estamos trabalhando como nunca e tenho certeza que nossos pilotos irão manter o bom desempenho, conquistando ainda mais vitórias”, afirmou o chefe de equipe Clóvis Castello.

Scott Simon lidera a principal categoria, MX1, com 29 pontos de diferença para o segundo colocado, o catarinense Pipo Castro. O norte-americano também está na ponta da tabela da MX2, com 31 pontos a mais que o paulista Marcello ‘Ratinho’ Lima. Mesmo sem conhecer a pista, o competidor mantém boas expectativas.

Scott lidera a MX1 e a MX2 no Brasileiro de Motocross

Scott lidera a MX1 e a MX2 no Brasileiro de Motocross

“Nesta temporada corri em vários locais que nunca tinha visto antes, mesmo assim consegui vencer quatro provas no Brasileiro. Sempre busco informações, sei que no ano passado foi disputada uma etapa do Mundial no local, que é uma pista técnica, enfim, treino para qualquer situação e estou bastante preparado para o desafio”, disse.

Na MX1 a Pro Tork Racing Team conta ainda com o costa-riquenho Roberto Castro, que no último fim de semana conquistou no Equador seu terceiro título latino-americano consecutivo. Roberto está em oitavo na classificação e tenta se recuperar, já que nas duas corridas anteriores abandou as provas por problemas mecânicos.

O venezuelano Humberto Martin também corre na MX2 pela Pro Tork. O atleta é o sétimo colocado, mas vem crescendo na competição e espera subir ao pódio em Canelinha.

Humberto Martin está em busca do seu melhor Motocross

Humberto Martin está em busca do seu melhor Motocross

Davis Guimarães é o destaque da equipe na MX3. O paranaense alcançou a liderança da categoria após vencer a última etapa e tentará repetir o resultado. Porém, Nico Rocha vem forte na segunda colocação, com apenas seis pontos a menos, e promete dar trabalho ao colega de time.

Davis vai em busca de mais uma vitória na MX3

Davis vai em busca de mais uma vitória na MX3

Milton “Chumbinho” Becker, que se recupera de um acidente sofrido durante um treino no fim do mês de junho, no qual teve quatro costelas fraturadas e o baço perfurado, já garantiu presença no evento. “É difícil estar em Canelinha e controlar a vontade de competir, mas quero assistir as provas e torcer pela Pro Tork”, comentou.

O sul-mato-grossense Carlos Eduardo Franco completa o time na 230cc, com 28 pontos de vantagem em relação ao segundo colocado, o paulista Nivaldo Viana. Carlos venceu as três primeiras corridas e espera cruzar a linha de chegada em primeiro mais uma vez, por isso apostou nos treinos e investiu na preparação da moto.

Transmissão
Quem não tem a oportunidade de torcer de perto pela Pro Tork Racing Team pode ouvir a transmissão ao vivo da locução das provas através do site da Confederação Brasileira de Motociclismo, que é www.cbm.esp.br Não deixe de acompanhar todos os detalhes !!

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly