Domínio total de Adam nos treinos em Canelinha

Foto por Bolívar Trindade | 14 de agosto de 2010 - 17:20

A quinta etapa do Brasileiro de Motocross já começou !! Os treinos livres para a quinta etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross 2010 aconteceram na manhã deste sábado, e os treinos cronometrado foram na parte da tarde em Canelinha, no Vale de Tijucas, em Santa Catarina. O tradicional circuito Arthur Jachowicz, que em 2009 recebeu o GP Brasil de Motocross, é o palco do evento deste final de semana, 14 e 15 de agosto.

O circuito em Canelinha está idêntico ao que foi realizada a etapa do Campeonato Mundial de Motocross no ano passado, sendo que a organização fez a manutenção, mas manteve as características da pista construída pelo inglês Justin Barclay em 2009.

O público que compareceu para conferir os treinos deste sábado foi pequeno, mas para amanhã o que se espera é que uma multidão ocupe as arquibancadas do motódromo catarinense no retorno do Brasileiro de Motocross

Uma novidade na etapa de Canelinha, noticiada pelo Mundocross dias atrás, é que a narração do evento está a cargo do locutor paulista Ricardo Vieira, o ‘Ximboca’. Já a sonorização continua a cargo da Nandy Sonorizações, de Sananduva, no Rio Grande do Sul.

Os treinos livres que estavam programados para começarem às 8:30 horas, iniciaram-se às 9:25 horas, sendo que os mais rápidos neste treino de reconhecimento de pista foram : Carlos Eduardo Franco na categoria CRF230, Davis Guimarães na categoria MX3, Kioman Muñoz Navarro na 65, Adam Chatfield na MX2, Anderson Amaral na 85 e Adam Chatfield na categoria MX1 .

Adam dominou geral os treinos deste sábado em Canelinha

Adam dominou geral os treinos deste sábado em Canelinha

Após o intervalo para almoço, às 13:30 horas foi dado início aos treinos cronometrados, no qual os mais rápidos de cada categoria ganham um ponto extra na classificação do campeonato. Confira quem foram os mais rápidos e ganharam o ponto extra da etapa de Canelinha.

Categoria 230
A primeira categoria a entrar na pista para o treino cronometrado foi a 230, categoria para motos nacionais multimarcas. O mais rápido da manhã, e líder do campeonato, o sul-mato-grossense Carlos Eduardo Franco, piloto da Pro Tork Racing Team, confirmou e marcou o melhor tempo do dia.

Categoria MX3
Na categoria MX3 o também mais rápido pela manhã e líder do campeonato, o paranaense Davis Guimarães, também piloto da Pro Tork Racing Team, foi quem fez o menor tempo na categoria dos mais experientes.

Categoria 65
Nesta categoria o piloto goiano Kioman Navarro, patrocinado pela Rinaldi/Tonin Bala, que havia feito o melhor tempo no treino livre, acabou não confirmando, e foi superado pelo paulista Djalma Britto, patrocinado pela Brasil Racing.

Categoria MX2
A disputa foi intensa nesta categoria. os catarinenses Anderson Cidade e Gabriel Gentil, companheiros na equipe Geração/Yamaha, dominaram o início dos treinos, mas depois foram superados por Thales Vilardi, da equipe KTM, e no final do treino quem ficou com o melhor tempo foi o inglês Adam Chatfield, da 2B Duracell Racing, que na parte da manhã havia marcado a melhor volta no treino livre.

Uma briga que deve chamar atenção neste domingo será a disputa entre Marcello ‘Ratinho’ Lima, piloto da equipe Vaz/Kawasaki/Rinaldi, e Douglas ‘Duda’ Parise, piloto patrocinado por Sananduva/BSC/Brasil Racing, pela vice-liderança na classificação geral da categoria MX2. Ratinho é o segundo colocado, atrás de Scott Simon, e soma 62 pontos, enquanto Duda é o terceiro com 60. Neste sábado os dois não andaram entre os primeiros, mas podem estar se guardando para corrida.

“No primeiro treino acabei tomando um tombo, que foi bem ruim. Mas apesar de ter sido um tombo feio, estou bem, vou para a corrida e não vou desistir de nada não. Agora estou com um pouco de dor do tombo, mas nada como uma noite bem dormida para acordar bem e ir para a prova. No classificatório consegui treinar melhor do que eu esperava e agora vou com tudo”, garante Ratinho.

Categoria 85
A disputa nesta categoria foi de arrepiar, com três pilotos disputando a melhor volta nos últimos minutos do treino. Rodrigo Riffel estava com a melhor volta, quando João Pedro Pinho Ribeiro abriu sua última volta e ficou milésimos de segundos atrás de Riffel. E no último minuto do treino, Anderson Amaral, da 2B Duracell Racing, que estava com o terceiro melhor tempo, abriu sua última volta, e acabou superando Riffel e Pinho, ficando com o ponto extra do treino cronometrado nas 85.

Categoria MX1
A última categoria do dia a entrar na pista para os treinos cronometrados foi a MX1, a mais forte e rápida do Motocross Brasileiro e Mundial. Nesta categoria o piloto inglês Adam Chatfield, da 2B Duracell Racing, acabou fazendo barba, cabelo, bigode e costeleta, pois fechou o dia fazendo a melhor volta nos treinos livre e nos treinos cronometrados nas categorias MX1 e MX2. O segundo melhor tempo foi do americano Sxott Simon, piloto da Pro Tork Racing Team.

“Foi muito bom. Voltei à Inglaterra depois da etapa de “Foz Gazoo” (Disse o piloto, sorrindo, sem conseguir pronunciar “Foz do Iguaçu”, palco da 4ª etapa do Brasileiro de MX) e andei de moto apenas uma vez em três semanas. Continuei fazendo meus treinos físicos na academia, mas não estava andando de moto. Gostei muito dessa pista, fui bem e estou relaxado. As pistas aqui no Brasil são bem rápidas, mas essa é mais o meu estilo, bem técnica e com bons saltos”, declarou Chatfield após os treinos.

Scott Simon ficou com o segundo melhor tempo na MX1

Scott Simon ficou com o segundo melhor tempo na MX1

Neste domingo, 15 de agosto, a programação em Canelinha, Santa Catarina, começará às 8:30 horas com o warm up da categoria 230. A cerimônia de abertura acontecerá às 11 horas, com a primeira prova, a MX3, acontecendo às 11:30 horas. A última categoria a entrar na pista será a MX1, às 15:50 horas.

Resultados dos treinos livres

Categoria 65
Categoria 85
Categoria 230
Categoria MX3
Categoria MX2
Categoria MX1

Resultados dos treinos cronometrados

Categoria 65
Categoria 85
Categoria 230
Categoria MX3
Categoria MX2
Categoria MX1

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly