Cancelado Brasileiro de MX Júnior em Brasília

25 de agosto de 2010 - 14:45

O clima extremamente seco, com umidade relativa do ar na casa dos 7% nesta terça-feira, 24 de agosto, obrigou a Federação de Motociclismo do Distrito Federal – FMDF, a cancelar a 3ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross Júnior, que seria realizada no próximo final de semana, 28 e 29 de agosto, em Brasília, Distrito Federal.

“Recebemos hoje um comunicado da Defesa Civil desaconselhando qualquer tipo de prática esportiva durante o dia. Sabemos que o motocross é uma modalidade bastante desgastante, e nesta prova especificamente estaríamos recebendo pilotos que ainda são crianças e também a categoria feminina. Seria desumano manter o evento nestas condições”, declarou o presidente da FMDF, Carlos Senise.

De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde – OMS, o índice aconselhável de umidade relativa do ar é de 20%, ou seja, mais do que o dobro do índice de Brasília no momento.

“O clima está realmente muito seco. Até mesmo nos desertos, a umidade costuma ser de 10%, mas aqui estamos enfrentando 7%. Não podemos expor os pilotos a isso”, completou Senise.

Além da questão da saúde, o governo do Distrito Federal anunciou uma medida proibindo a utilização de caminhões-pipa para fins que não sejam o de abastecimento humano. No Motocross, os caminhões-pipa são largamente utilizados para o preparo da pista a fim de evitar a poeira com a passagem das motos.

Os pilotos que já fizeram suas inscrições para a prova devem entrar em contato com Michele Morais, através do telefone (21) 2608-3208, para terem os valores dos depósitos devolvidos.

Com o cancelamento da prova em Brasília, a Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM, irá anunciar em breve uma nova data e local para a 3ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross Júnior.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly