Brasil quer fazer história no Supermoto das Nações

Foto por Divulgação | 10 de setembro de 2010 - 17:39

A equipe brasileira que disputará a Copa do Mundo do Supermoto, o SM das Nações, já está de malas prontas para a cidade de Cahors, na França. O evento, que reunirá a elite do Supermoto mundial, acontecerá no início do mês de outubro, nos dias 2 e 3. Esta é a primeira vez que o país contará com uma equipe na maior competição da modalidade.

Contudo, o feito histórico só pôde ser viabilizado graças aos esforços da equipe Lawanteam. Maior equipe brasileira e líder dos principais campeonatos na atual temporada, o time, através dos esforços pessoais de Simão Lawant, conseguiu junto a Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM, e a Federação Internacional de Motociclismo – FIM, inscrever-se na competição.

Os escolhidos para representar o Brasil na França, foram os pilotos Cauê Aguiar, Juliano Meira e Rafael Fonseca. O Equipe contará com o suporte da equipe Nastedo/Kawasaki, que é uma das principais do Mundial de Supermoto. A parceria, no entanto, só foi possível graças a Carlos Hermano, o Cacau, que em contato com o time italiano, disponibilizou aos brasileiros uma estrutura de primeiro mundo e altamente competitiva.

A equipe Nastedo/Kawasaki tem uma estrutura de ponta

A equipe Nastedo/Kawasaki tem uma estrutura de ponta

Ao todo serão 22 nações inscritas no Supermoto das Nações, que tem como atuais campeões os alemães. Apesar de tratar-se de uma estreia, a equipe nacional espera voltar com um bom resultado, afinal, Rafael e Juliano já tiveram uma experiência internacional no início de 2010, nos Estados Unidos, e conseguiram resultados extremamente satisfatórios.

Inclusive, a oportunidade de disputar o Supermoto das Nações acabou abrindo um novo horizonte para a Lawanteam, que em 2011 já estuda a possibilidade de disputar a temporada completa do Mundial de Supermoto. Segundo Simão, piloto e chefe de equipe, o sonho está cada vez mais próximo.

Rafael e Juliano são companheiros de equipe na Lawanteam

Rafael e Juliano são companheiros de equipe na Lawanteam

Para quem quiser acompanhar a equipe mais de perto, a prova será transmitida pelos canais ESPN e BandSports, além de mais outros 121 canais pelo mundo. A transmissão ao vivo do SM das Nações será feito pela Youthstream no link www.supermotos1.com

O dia a dia do time do Brasil no Supermoto das Nações na França será divulgado através do site da equipe Lawanteam, que você acessa clicando aqui

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Tiago Souza disse:

Nossa , é extremamente gratificante ler uma noticia dessas assim , que um time brasileiro vai lutar até o fim para estar presente em uma competição desse porte , espero que nossos pilotos cheguem nos top 10 e que ano que vem as suas equipes possao disputar o mundial…Parabens a Equipe e a CBM…..Gogogo Brazil !!!

Juliano Meira disse:

Valew Tiago!!!
Contamos com sua torcida e de todos os amantes da modalidade.

Juliano

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly