Delegação do Brasil embarca para o SM das Nações

Foto por Cesar Araújo | 29 de setembro de 2010 - 14:08

Os integrantes da delegação brasileira que disputará pela primeira vez o Supermoto das Nações embarcaram hoje, quarta-feira, 29 de setembro, para a Europa. O time, representado pela Lawant Team, sai do Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, faz uma escala na Espanha e depois segue para Cahors, na França, onde já começa os preparativos para a competição, que acontece no sábado e no domingo, dias 2 e 3 de outubro.

“As emoções estão à flor da pele. A ansiedade está tomando conta de todos e estamos muito motivados. Temos certeza de que faremos um grande trabalho”, afirma Simão Lawant, chefe da equipe Lawant Team e idealizador do projeto.

A delegação brasileira terá dez integrantes em Cahors, e os pilotos escolhidos para a disputa são: o brasiliense Rafael Fonseca, atual tricampeão brasileiro, Juliano Meira e Cauê Aguiar. Além de chefe da equipe, Simão Lawant terá a função de piloto reserva caso haja algum problema com os titulares.

Momento do embarque da equipe em Guarulhos

Momento do embarque da equipe em Guarulhos

“É uma oportunidade sem precedentes para mostrarmos o nível do Supermoto no Brasil e adquirirmos bagagem e experiência para melhorar ainda mais o esporte no nosso país”, ressalta Carlos Senise, diretor de Supermoto da Confederação Brasileira de Motociclismo, que acompanhará o time na Europa como comissário da CBM.

As motos e equipamentos que serão utilizados por nossos pilotos na França são de nível internacional, e estão a cargo da equipe Nastedo Kawasaki, contratada exclusivamente para dar todo o suporte aos brasileiros.

“É uma equipe de ponta, com equipamento de ponta. Realmente um nível de equipe de fábrica. Espero que todos torçam por nós, pois faremos o máximo que pudermos dentro da pista”, completa Simão.

O Supermoto das Nações 2010 terá a participação de 22 países. A Alemanha foi a campeã da última edição, que aconteceu em Pleven, na Bulgária. As provas do Supermoto das Nações serão transmitidas pelos canais ESPN e BandSports. A transmissão ao vivo do SM das Nações será feita pela Youthstream www.supermotos1.com

No site oficial da equipe brasileira – www.lawanteam.com.br – os amantes do esporte podem acompanhar o dia a dia dos pilotos e todas as notícias sobre a nossa participação no evento.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Jorge Soares disse:

Twitter: mundocross
Olá Adriano !!

Quanto a tua dúvida, sim o Supermoto das Nações seguem os moldes do Motocross das Nações, com 3 categorias e elas disputando entre elas.

Falowwwww

Jorge

Adriano Gil disse:

Boa sorte a equipe!
O esquema é o mesmo do MX das Nações? Com bateria classificatória no sábado definindo quem vai pra final?

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly