Brasil classificado para finais do Supermoto das Nações

Foto por Divulgação | 02 de outubro de 2010 - 19:34

A seleção brasileira não poderia ter estreado melhor na maior competição de Supermoto do planeta, o Supermoto das Nações. Em sua primeira participação no evento, o Brasil conquistou a vaga entre as seleções finalistas. O trio formado por Cauê Aguiar (SM Open), Juliano Meira (SM2) e Rafael Fonseca (SM1), terminou o dia de hoje com a 15ª posição e disputará as baterias decisivas neste domingo, 3 de outubro.

Os vencedores do dia foram os franceses, que em casa dominaram o sábado com três vitórias nas três baterias classificatórias. A seleção nacional, no entanto, terminou na frente de times como a potente Itália.

Time do Brasil está com uma estrutura de ponta no SMDN

Time do Brasil está com uma estrutura de ponta no SMDN

Além do destaque pela classificação, a seleção também esteve em evidência por outro motivo. Durante as gravações feitas pela Youthstream para diversos canais mundo a fora, o piloto convidado para realizar a volta no circuito de Cahors, França, foi o brasileiro Cauê Aguiar. O paulista percorreu os 1.200 metros do circuito francês e ainda cedeu uma entrevista para os jornalistas. Na corrida Caúê acabou caindo na segunda curva da prova, mas se recuperou e terminou em décimo segundo.

Cauê ficou em décimo segundo correndo na categoria SM Open

Cauê ficou em décimo segundo correndo na categoria SM Open

“Acho que o objetivo foi cumprido. Nós queríamos muito esta vaga na final e conseguimos com muito suor. Agora é descansar bastante para amanhã. Vamos tentar repetir os bons resultados de hoje e quem sabe terminar entre as 12 melhores seleções”, disse Rafael Fonseca, piloto da SM1.

Rafael foi o melhor brasileiro terminando na nona posição na SM1

Rafael foi o melhor brasileiro terminando na nona posição na SM1

Para acompanhar as imagens do Supermoto das Nações, inclusive a volta no circuito, chamada de euro Channel, assista a transmissão da Band Sports na próxima semana.

A classificação inédita e na primeira participação da equipe nacional, emocionou não só os integrantes da delegação, como muitos torcedores que ‘adotaram’ o Brasil como time do coração, como conta Simão, chefe da equipe nacional.

Correndo na SM2 Meira finalizou a corrida na décima sexta posição

Correndo na SM2 Meira finalizou a corrida na décima sexta posição

“Essa competição parece as quartas de finais de uma Copa do Mundo, é um verdadeiro mata-mata. Contudo, foi muito gratificante ver o reconhecimento mundial na hora do anúncio dos times que haviam se classificado para a final. O Brasil todo deve estar em festa”.

Confira o resultado geral das classificatórias deste sábado

1 – França – 2 pontos
2 – Alemanha – 5
3 – Finlândia – 8
4 – Inglaterra – 11
5 – Alemanha Júnior – 12
6 – Espanha – 13
7 – França Júnior – 14
8 – Estônia – 14
9 – Suécia – 16
10 – Dinamarca – 16
11 – República Tcheca – 17
12 – Espanha Júnior – 18
13 – Eslovênia – 18
14 – Bélgica – 19
15 – Brasil – 21 pontos

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Túlio disse:

Twitter: tuliorenan
Valeu D+ Time.

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly