Hot News Mundocross #40

Foto por Divulgação | 20 de outubro de 2010 - 18:23

Hot News Mundocross, o tópico semanal do site Mundocross que tem notícias quentes para você, que gosta de estar por dentro das últimas do Mundo do Cross. Em edições semanais, o Hot News reúne várias informações do mundo Off-Road, principalmente, Motocross e Supercross, além de Arenacross, Cross Country e Rally Cross.

Agora para você o Hot News Mundocross #40

Pro Tork conquista seu primeiro título na temporada 2010
A Pro Tork Racing Team conquistou neste fim de semana, dias 16 e 17 de outubro, o seu primeiro título na temporada 2010. Carlos Eduardo Franco venceu a penúltima etapa do Campeonato Paraguaio de Motocross 2010, na cidade de San Alberto, sagrando-se campeão da categoria MX2. “Larguei na frente e abri uma boa vantagem, procurei administrar a posição com cautela, pois havia chovido e a pista estava lisa. Fiquei muito feliz com o resultado que me rendeu o bicampeonato. Agora o foco é a 230 do Brasileiro de MX, estou bastante motivado. Gostaria de agradecer a equipe pela força em 2010”, afirmou. O time ainda contou com Adrián Cantero na disputa da MX1. Adrián terminou em segundo lugar, atrás do argentino José Felipe, que também recebe o apoio da Pro Tork. Cantero segue na ponta da tabela da classe e confiante na briga pelo 15° título nacional. A próxima etapa do Paraguaio de Motocross será realizada nos dias 20 e 21 de novembro, em San Cristobal. A Pro Tork Racing Team conta com o apoio de Dash Industries.

Swian é o grande favorito na Superliga de Motocross
Duas semanas depois de ser campeão do Arenacross 2010 na categoria Pró, o piloto mineiro Swian Zanoni, da equipe oficial Honda, tem chances de conquistar um novo título neste domingo, 24 de outubro, na sexta e penúltima etapa da Superliga Brasil de Motocross, em Canelinha, Santa Catarina, a 60 km de Florianópolis. Com vantagem de 33 pontos na liderança da MX2, Swian só precisa de sete pontos, o equivalente a um nono lugar, para colocar mais um troféu na estante. Improvável: seu pior resultado na categoria em 2010 foi um terceiro lugar em Chapecó, Santa Catarina, em junho. “Vou correr pensando no campeonato”, admite o piloto oficial da Equipe Honda. Marcello Lima “Ratinho”, o vice-líder, será seu principal oponente. “Como vou correr também na MX1, preciso dosar minha energia para ser competitivo nas duas provas”, completa Swian.

Swian está próximo de faturar mais um título na temporada 2010

Swian está próximo de faturar mais um título na temporada 2010

Copa São Paulo de MX conheceu seus primeiros campeões de 2010
A Copa São Paulo de Motocross teve sua 6ª etapa neste final de semana, 16 e 17 de outubro, em Laranjal Paulista, comemorando o aniversário de 93 anos da cidade. A prova foi espetacular, muitos pilotos estiveram presentes, e proporcionaram um final de semana de muita adrenalina ao público que lotou as arquibancadas do evento. A pista do Recinto GAPE, foi muito elogiada por todos os pilotos, a topografia acidentada do terreno proporcionou um traçado diferenciado para a etapa, as provas já começaram no sábado à tarde com o Troféu Laranjal Paulista de MX, logo após os treinos livres, onde apenas pilotos regionais participaram, destaque para a grande disputa final entre Felipe Bazzo e Thiago Bazzo, os dois primos aceleraram forte e lutaram até a última volta com a vitória ficando para Felipe. No domingo os Laranjalenses conheceram os primeiros campeões da Copa São Paulo de Motocross 2010, na categoria MX 30 Cristiano Lopes piloto de Jundiaí confirmou o seu favoritismo e com uma vitória conquistou o título, na MX 40 Marco Paz o “Mugão”, teve sua quinta vitória e também saiu campeão de Laranjal Paulista, o destaque na MX 40 foi à diferença entre o segundo e terceiro colocado que foi apenas de dois centésimos de segundo, decidida apenas no transponder de cronometragem, Kaphê conquistou o 2º lugar na entrada da mesa de chegada, e para finalizar Dante Lupo Parra de Votuporanga precisou apenas do terceiro lugar para conquistar o título da MX2 intermediária, com uma rodada de antecedência.

Vídeo com entrevista com João Marronzinho
O piloto catarinense João Paulino da Silva Júnior, o ‘ Marronzinho’  foi o entrevistado de Chico Vargas na seção Papo de Paddock do Programa Competição da TVCom, do Grupo RBS de Santa Catarina. A entrevista foi feita dois dias antes de Marronzinho sofrer um grave acidente de trânsito, que aconteceu na segunda-feira retrasada. Clique aqui para saber mais sobre o acidente. Como tantas e tantas vezes os leitores do Mundocross já manifestaram a insatisfação em relação as redes de TVs que não noticiam o Motocross, vamos prestigiar quem já faz este tipo de trabalho. Assista aqui pelo Mundocross a entrevista com Marronzinho.

Imagem de Amostra do You Tube

Pista do Doidão receberá etapa do Velocross Paranaense
A pista do Doidão, localizada na Cidade de Bocaiúva do Sul estará animada
neste próximo domingo, 24 de outubro com a sétima etapa do Campeonato Paranaense de Velocross 2010. O local é de fácil acesso e fica a 5km antes do portal de entrada da cidade. Velocidade na pista não irá faltar, pois será uma sequência de categorias entre elas: mini motos, 65cc, 85cc, Nacional até 230cc, 250cc, Estreantes Nacional,  Força Livre Nacional, Estreantes Especial, Street 2T e 4T, VX1, VX2, VX3 especial, VX3 Nacional. As inscrições poderão ser feitas através do site www.fprm.com.br ou diretamente na Jarva Racing até sexta-feira às 12h com desconto, valor R$50,00 e no sábado somente na secretaria de provas e o valor será de R$100,00. No domingo não haverá inscrição, somente a confirmação e o pagamento. A Sétima Etapa do Campeonato Paranaense de Velocross é uma realização de Aloísio, o Doidão, apoio da Prefeitura Municipal de Bocaiúva do Sul e Jarva Racing, com a supervisão da Federação Paranaense de Motociclismo e o patrocínio oficial da Pro Tork a maior fábrica de moto peças da América Latina.  

Nico Rocha venceu mais uma no Paranaense de Motocross
Nico Rocha segue como favorito ao título da categoria MX3 do Campeonato Paranaense de Motocross. Neste último domingo, 17 de outubro, o piloto que representa a Pro Tork Racing Team conquistou mais uma vitória com a realização da penúltima etapa do evento, na cidade de Quedas do Iguaçu, localizada na região Centro-Oeste do estado. A chuva impediu os treinos no sábado, mas no domingo deu uma trégua e tudo ocorreu normalmente. Nico fez o segundo melhor tempo nos treinos cronometrados e alinhou no gate motivado para a corrida. Após largar em segundo, assumiu a ponta ainda na primeira volta e manteve a posição até receber a bandeira quadriculada. “Nunca havia andado nesta pista, gostei bastante, sem dúvidas é uma das melhores do Paraná. Consegui alcançar meu objetivo na MX3, sigo na liderança, e ainda obtive um bom resultado na MX1, terminando a prova em segundo. Estou muito feliz, queria agradecer o suporte do time, que vem sendo fundamental nesta temporada”, afirmou. O piloto se prepara agora para a última etapa da competição, que será realizada junto ao encerramento do Brasileiro, nos dias 27 e 28 de novembro, em Siqueira Campos, no Centro de Treinamento Pro Tork. Nico espera encerrar o ano com chave de ouro e conquistar o quinto título Paranaense de Motocross.

Em 2010 Nico poderá chegar ao seu quinto título no Paranaense

Em 2010 Nico poderá chegar ao seu quinto título no Paranaense

Zanol quer ampliar vantagem no Brasileiro de Cross Country
Felipe Zanol tentará manter a liderança da categoria XC1 no Brasileiro de Cross-Country neste sábado, 23 de outubro, com a realização da penúltima etapa do campeonato, na cidade de Santa Luzia, Minas Gerais. O piloto terá a vantagem de correr em casa e espera vencer para somar pontos importantes na corrida pelo título. “O município de Santa Luzia fica a 50 quilômetros de Belo Horizonte, será muito bom correr com o apoio da torcida. Pena que o segundo colocado, Nielsen Bueno, também é mineiro. Tenho apenas dois pontos a mais que ele na tabela, difícil não pensar na vitória em uma situação como essa”, comentou o atleta patrocinado pela Rinaldi. Além de Nielsen, Zanol terá que enfrentar vários outros adversários fortes na pista localizada na Fazenda Park Hotel Trilhas da Serra.  O percurso, com obstáculos naturais e trechos de velocross e motocross, tem cerca de 4,2 quilômetros de extensão e promete disputas acirradas ao público presente. “Já participei de uma prova de motocross no local, sei que o traçado passou por alterações e deve ficar bacana. Torço para que a chuva cesse e que o terreno não fique muito liso. Escolhi o modelo de pneu RW 33 da Rinaldi para a ocasião, espero alcançar meu objetivo e me distanciar do Nielsen na classificação”, destacou o tricampeão.

Caselani é tri campeão Gaúcho de Enduro FIM
Gregório Caselani disputou neste sábado, 16 de outubro, a sexta e última etapa do Campeonato Gaúcho de Enduro FIM, realizada na cidade de Santa Tereza. O piloto, que já havia conquistado o título por antecipação, enfrentou dificuldades na corrida, mas conseguiu encerrar a prova em segundo lugar. Como sua moto ainda não voltou de Patrocínio, Minas Gerais, onde ele recentemente conquistou a taça brasileira da modalidade, Gregório correu com uma moto 450cc emprestada, passando da categoria E2 para a E1. O tempo de adaptação foi pequeno e o competidor acabou cometendo alguns erros durante o percurso. “O terreno já não era o meu favorito e também estava muito liso. Nunca tinha andado com uma moto tão forte, o motor e a tocada são completamente diferentes. Passei reto em várias curvas e no último Cross Test cai e machuquei a mão, não conseguia fazer força alguma com ela depois disso”, explicou. Apesar do incidente, o piloto natural de Caxias do Sul comemorou o tricampeonato. Agora ele se dedica a fisioterapia e espera estar melhor para participar da penúltima etapa do Campeonato Gaúcho de Cross Country 2010, neste fim de semana, dias 23 e 24 de outubro, em Vacaria. “Felizmente não quebrei nada, mas sinto muita dor e não consigo mexer a mão. Estou colocando gelo e hoje começo a fisioterapia. Vou fazer o que eu puder para estar presente nesta prova, sou o segundo colocado na classificação da XC2 e gostaria de encerrar o ano com mais este caneco. Torçam por mim”, finalizou o piloto gaúcho.

Caselani faturou mais um título de campeão Gaúcho FIM

Caselani faturou mais um título de campeão Gaúcho FIM

Ratinho venceu a MX no Catarinense de Motocross em Capinzal
Marcello’Ratinho’ Lima foi o vencedor da quarta etapa do Riffel Motocross – Campeonato Catarinense, na tarde deste último domingo, 17 de outubro, na pista do Parque de Exposições Domingos Pellizzaro, em Capinzal. O paulista garantiu mais 25 pontos na classificação após uma grande disputa com Anderson Cidade pela vitória e também pela liderança da categoria. Ratinho e Anderson disputaram a primeira posição durante boa parte da corrida. Anderson chegou a assumir a liderança, mas Ratinho conseguiu recuperar a posição e abrir uma pequena vantagem para Anderson que teve trabalho para segurar Eduardo Lima na terceira posição. Ratinho administrou a pequena vantagem e venceu a prova, colocando seis pontos de vantagem na classificação geral em relação ao vice-líder. “Essa vitória foi muito importante. Estou trabalhando forte para conquistar o bicampeonato catarinense”, disse o vencedor. Anderson conseguiu segurar Dudu e completou na segunda colocação. Dudu foi o terceiro, seguido de João Paulo Feltz e Marcelo Maziero que está consolidando o seu lugar entre os ponteiros da categoria.

Já Anderson Cidade foi o vencedor da MX2 em Capinzal
E na classe MX2 quem dominou a etapa do Catarinense de Motocross em Capinzal foi Anderson Cidade. O piloto de São José largou na frente e permaneceu na ponta durante toda a prova impondo um ritmo muito forte – em determinado momento conseguiu abrir mais de 15 segundos de vantagem para o segundo colocado – dificultando a vida dos adversários. “Dei uma forçada no início para fazer o resto da prova com cautela, ficando difícil de ser ultrapassado”, comentou. Ratinho, que não fez uma boa largada, fez uma prova de recuperação e chegou na segunda posição, garantindo a liderança da categoria. Agora, ele ampliou para nove pontos a distância sobre Feltz que ficou em terceiro na bateria, seguido de Gabriel e Dudu Lima que completaram o pódio. Também comemoraram a vitória em Capinzal Richard Berois (MX3), Claiton Detoni (MX4), Venício Voigt (intermediária), Vinicius Nalin (nacional), Rodrigo Riffel (85cc), José Brayan (65cc) e Thiago Brenner (55cc). A quarta etapa do Riffel Motocross – Campeonato Catarinense foi uma realização do Motoclube Capinzal Ouro e Associação Amigos de Capinzal, com supervisão da Federação Catarinense de Motociclismo (FCM), patrocínio de Riffel Motospirit e apoio de Hparts, Destak Transportes, Geração Motos, Sebben Sport Racing, TBT e Prefeitura de Capinzal.

Davis vai com tudo para Superliga de MX em Canelinha
Davis Guimarães é apontado como favorito ao título da categoria MX3 na Superliga Brasil de Motocross. Com 13 pontos de vantagem na liderança da classificação, o paranaense espera alcançar o lugar mais alto do pódio na penúltima etapa para chegar tranqüilo à grande final. O evento será realizado neste domingo, 24 de outubro, em Canelinha. “Estou treinando bastante para conquistar mais uma vitória e me aproximar cada vez mais da taça. Gosto muito de correr no Motódromo Arthur Jacowicz, uma pista tradicional e de alto nível. Tenho boas lembranças do lugar, já obtive resultados importantes e estou muito otimista. Vamos ver o que acontece”, afirmou o piloto que representa a Pro Tork Racing Team.

Davis é o favorito ao título da categoria MX3 na Superliga de MX

Davis é o favorito ao título da categoria MX3 na Superliga de MX

Pilotos da Rinaldi no pódio do Rally em Ilha Comprida
A quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Rally Baja reuniu os melhores pilotos do país neste fim de semana, dias 16 e 17, na cidade de Ilha Comprida, no litoral-sul de São Paulo. Ramón Sacilotti e Juner Rockembach representaram a Rinaldi no evento e conquistaram bons resultados. Ramón ficou em terceiro lugar na Sport, mantendo a segunda posição na classificação da categoria. “Tive dificuldades na especial, já que fui o primeiro a largar e em muitos lugares não havia marcação. Mesmo assim, fiquei contente por vencer o prólogo no sábado e pelo meu desempenho na corrida”, comentou. Juner terminou em quarto na Production, mas também segue com o segundo lugar na tabela. “Foi uma prova rápida, errei na relação da moto e acabei me prejudicando. Apesar disto, foi bem legal. Garanti o vice, mas ainda tenho chances de brigar pelo título”, explicou.

Juner finalizou em quarto na Production em Ilha Comprida

Juner finalizou em quarto na Production em Ilha Comprida

Participação especial no Rally da Ilha Comprida
Moara Sacilotti fez uma participação especial na penúltima etapa do Campeonato Brasileiro de Rally Baja 2010 em Ilha Comprida, e sendo a única mulher no desafio, a piloto terminou a disputa da categoria Sport em 11°. “Esperava ter andado um pouco melhor, mas tive dificuldade com a visibilidade devido à chuva. Não corria desde o Sertões, foi muito bom voltar”, afirmou a piloto.

Edéia receberá o Goiano de MX no próximo domingo
E o Campeonato Goiano de Motocross voltará a cidade de Edéia com a realização da 7ª etapa, que acontecerá no dia 24 de outubro. Edéia vai receber o Goiano de Motocross depois de ficar sem realizar provas desde 2008. A cidade está localizada a 120 km de Goiânia e será sede pela sexta vez de uma prova de Motocross. A pista de Edéia, localizada dentro da cidade, com 1.200 metros de extensão com nove de largura no seu ponto mais estreito, de conformidade com as regras da FMG/CBM está sendo reconstruída pela Prefeitura através do Prefeito Lourival Ferreira de Araujo, em um terreno com inclinação bem acentuada onde o circuito terá subidas e descidas bem íngremes onde a técnica do piloto estará sendo colocada à prova, pois curvas negativas e em descida sempre trazem maiores dificuldades para seu contorno, a pista terá três mesas, quatro saltos menores, seção de costelas e um duplo, sendo considerada de media velocidade. Será colocada a disposição dos pilotos além de uma ótima pista, uma estrutura de boxes que incluem banheiros, chuveiros e pontos de energia visando também àqueles que pernoitam no circuito, que, com a crescente profissionalização dos participantes que se estruturam com veículos de transporte e apoio que compreendem um numero crescente de furgões, ônibus, caminhões e carretas que transportam e acomodam toda a equipe e equipamentos, forçando a estruturação das áreas de boxes para esta evolução com melhores acessos, maiores dimensões e melhor infra estrutura.  

Frase da Semana
“Um homem que não pensa por si mesmo, definitivamente não pensa.”

Hot News Mundocross by Jorge Soares

Colaboração :
Daniela Burgonovo
Joseane Bulle
Racing Press
Motopress

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly