Hot News Mundocross #41

Por Jorge Soares | Fotos por Divulgação | 27 de outubro de 2010 - 14:51

Hot News Mundocross, o tópico semanal do site Mundocross que tem notícias quentes para você, que gosta de estar por dentro das últimas do Mundo do Cross. Em edições semanais, o Hot News reúne várias informações do mundo Off-Road, principalmente, Motocross e Supercross, além de Arenacross, Cross Country e Rally Cross.

Agora para você o Hot News Mundocross #41

Gabriel Gentil fora das pistas !!!
O piloto catarinense Gabriel Gentil, da equipe Geração/Yamaha, mesmo lesionado participou neste último final de semana da sexta etapa da Superliga de Motocross em Canelinha. Gentil disputou das duas principais categorias, terminando em 12ª na MX2 e em 13ª na MX1.  Mesmo tendo atuado na etapa de Canelinha, Gabriel deverá passar por uma cirurgia devido a uma lesão no escafoide. A lesão, diagnosticada antes da prova deste fim de semana, deixará o atleta de fora das pistas por cerca de 45 dias.

Zanol ampliou liderança no nacional de XC
Felipe Zanol cumpriu sua meta na penúltima etapa do Campeonato Brasileiro de Cross-Country, realizada neste sábado, dia 23, na cidade de Santa Luzia (MG). Com a vitória na categoria XC1, o piloto patrocinado pela Rinaldi aumentou a vantagem na liderança da classificação e as chances de conquistar o tetra. Porém, alcançar o resultado não foi tarefa fácil. Sob o sol escaldante, o piloto teve que superar fortes adversários para ser o primeiro a cruzar a linha de chegada. Logo na primeira curva após a largada, o competidor caiu ao se enroscar com outros atletas. Zanol iniciava então uma prova de recuperação. A ponta veio apenas no final da corrida, com um erro do líder Paulo Stedile. “Ainda na primeira volta consegui alcançar o terceiro lugar e algum tempo depois já estava em segundo. Passei a pressionar o Stedile, foi uma prova bastante disputada. Faltando pouco menos de três voltas ele errou em uma curva e eu aproveitei a chance para ultrapassá-lo. A partir daí acelerei forte para manter a primeira colocação, estou muito feliz com a vitória”, afirmou. Agora Zanol soma sete pontos a mais na tabela que o segundo colocado, o também mineiro Nielsen Bueno. A decisão do título ficará para a final da competição, que está prevista para o dia 21 de novembro, sendo que o município ainda não foi definido pela CBM.

Zanol está perto de mais um título nacional no Cross Country

Zanol está perto de mais um título nacional no Cross Country

Pipo está próximo do bicampeonato Mineiro de Motocross
Pipo Castro foi o grande destaque da quinta etapa do Campeonato Mineiro de Motocross, realizada neste fim de semana, dias 23 e 24, na cidade de Barbacena. O piloto patrocinado pela Rinaldi venceu as provas das duas principais categorias, MX1 e MX2, e agora está mais próximo do bicampeonato. “Estava muito concentrado para o desafio, eu já liderava a MX1, mas estava em segundo na MX2. O resultado foi bastante importante para eu alcançar a ponta na outra classe. Estou bem próximo dos dois títulos, espero manter o desempenho na última etapa e fechar o ano com as duas taças”, afirmou. A data e o local da etapa final ainda não foi divulgada pela Federação Mineira de Motociclismo.

Programa Competição destacou o Catarinense de Motocross
Confira aqui no Mundocross o vídeo com a cobertura do Catarinense de Motocross em Capinzal realizada por Chico Vargas, do Programa Competição que vai ao ar na TVCom de Santa Catarina.
Imagem de Amostra do You Tube

Davis fez a festa da Pro Tork na Superliga de Motocross
A Superliga Brasil de Motocross teve sua penúltima etapa realizada neste fim de semana, dias 23 e 24, em Canelinha (SC). No Motódromo Arthur Jachovicz, o mais tradicional do país, Davis Guimarães fez a festa da Pro Tork Racing Team ao vencer a MX3 e se aproximar ainda mais do título da categoria. O paranaense largou em terceiro, atrás de Cristiano Lopes e do colega de equipe Milton “Chumbinho” Becker. A disputa entre os três foi intensa nos primeiros minutos de corrida. Na segunda volta, Chumbo errou na sessão de costelas e caiu para a penúltima posição. Enquanto isso, Davis assumia a segunda colocação motivado a chegar à ponta. Não demorou para que o piloto alcançasse o objetivo, deixando o adversário para trás. Chumbo partiu para uma prova de recuperação e ganhou várias posições até cruzar a linha de chegada em terceiro. “O começo foi bem difícil, mas depois que fiquei em primeiro, passei a imprimir um ritmo ainda mais forte nos dez primeiros minutos, depois foi só administrar”, afirmou Davis. “Fiquei triste por ter caído, fui o mais rápido dentro da pista, tinha boas chances de terminar em primeiro”, lamentou Chumbinho. Com o resultado, Davis abriu ainda mais vantagem na liderança da classificação. Agora, são 16 pontos sobre o segundo colocado, Cristiano Lopes. Chumbo, que ficou de fora de duas corridas, está em quarto na tabela. A final será realizada nos dias 21 e 22 de novembro, em Poços de Caldas (MG). 

Ratinho e Dudu representaram a Rinaldi na Superliga de MX
Os irmãos Dudu e Marcello ‘Ratinho’ Lima representaram a Rinaldi neste último fim de semana na penúltima etapa da Superliga Brasil de Motocross, realizada em Canelinha. O evento contou com disputas acirradas nas principais categorias. Na MX2, Dudu ficou preso ao gate e teve que partir para uma corrida de recuperação. O piloto conquistou algumas posições durante a prova e conseguiu cruzar a linha de chegada em décimo. Ratinho vinha em nono lugar quando caiu sobre o ombro lesionado na entrada de uma curva, tendo que abandonar. Já na MX1, ambos largaram no pelotão intermediário. Ratinho garantiu o sétimo lugar, enquanto Dudu terminou em nono. “As duas classes estavam bem acirradas. Fiquei triste por não conseguir terminar a MX2. Tanto eu quanto o Dudu não tivemos muita sorte nesta etapa, agora é se preparar para a final”, afirmou Ratinho.

Ratinho ainda sente a lesão que o tirou do Motocross das Nações

Ratinho ainda sente a lesão que o tirou do Motocross das Nações

Stedile subiu no pódio do Brasileiro de Cross Country
Paulo Stedile disputou neste sábado, dia 23, a penúltima etapa do Campeonato Brasileiro de Cross-Country, realizada na cidade de Santa Luzia (MG). O piloto que representa a Pro Tork Racing Team garantiu seu lugar no pódio ao conquistar o segundo lugar na corrida da categoria XC1.  Após largar na frente, o curitibano passou a ser pressionado pelos competidores locais, Felipe Zanol e Nielsen Bueno. Stedile liderou a prova até os minutos finais, quando cometeu um erro e perdeu a ponta para Zanol, que garantiu a vitória. Bueno foi o terceiro colocado. “Ao contrário das demais etapas, esta foi feita em apenas um dia e o tempo de treino foi muito curto. Isso acabou beneficiando quem já conhecia o local. Não consegui decorar todo o traçado da pista, que era bastante grande. Estava bem rápido, tinha boas chances de vencer, mas acabei cometendo vários erros”, explicou. Stedile torcia para terminar em primeiro e dependia da combinação de resultados para se manter na briga pelo título, já que perdeu uma disputa após sofrer um acidente que o deixou afastado das pistas por dois meses. Apesar disto, ele garante que estará presente na final e fará o máximo para encerrar o ano com uma vitória. “Tive bons resultados na competição, porém, fiquei de fora da segunda etapa e isso fez com que minhas chances diminuíssem. Lamento muito, mas sabemos que imprevistos acontecem. De qualquer maneira, vou estar presente na final e prometo dar trabalho aos adversários”, finalizou.

Berois colocou a equipe Geração/Yamaha no pódio da Superliga
A cidade de Canelinha recebeu no último domingo a sexta e penúltima etapa da temporada 2010 da Superliga de MX. Correndo em casa, a equipe Geração/Yamaha conquistou bons resultados e ainda um degrau do pódio na categoria MX3, com o piloto Richard Berois. Pela sexta vez em seis etapas, Richard Berois foi ao pódio da Superliga de Motocross. Depois do terceiro lugar na prova passada, em Monte Alto, o piloto da equipe Geração Yamaha voltou a se destacar na categoria MX3 com a quarta posição na prova catarinense. O resultado manteve Richard na terceira posição do certame e na luta pelo vice-campeonato. “Gosto muito desta pista que, na minha opinião, é uma das melhores do Brasil. É sempre muito prazeroso correr aqui, ainda mais porque a torcida está sempre do nosso lado. Foi muito importante mais este pódio e agora é seguir treinando para tentar buscar esse vice-campeonato na etapa final” disse Richard Berois.

Richard é piloto da categoria MX3 da equipe Geração/Yamaha

Richard é piloto da categoria MX3 da equipe Geração/Yamaha

Stefany Serrão se lesionou em Canelinha
A piloto Stefany Serrão, da equipe IMS/Honda, acabou não participando da bateria decisiva da sexta e penúltima etapa da temporada 2010 da Superliga de Motocross no último domingo em Canelinha. Depois dos bons resultados conquistados nos treinos livres e classificatórios de sábado, a paulista Stefany Serrão acabou se contundindo durante a última sessão de treinos e abandonou a etapa catarinense da Superliga de Motocross. Destaque no treino cronometrado, Stefany, única mulher a competir na categoria MXJR (85 no Brasileiro de Motocross), havia conquistado a 10ª posição com um excelente desempenho. Contudo, ela torceu pé durante os treinos de domingo pela manhã obrigando a piloto a deixar a etapa de Canelinha. “Fiquei muito chateada de não poder largar. Conquistei uma boa posição no treino e estava me sentindo bem na pista. Foi uma pena ter torcido o pé, mas optamos por não andar para não agravar a situação e perdemos ainda mais tempo para recuperar” analisou a jovem. Apesar da lesão, a piloto e a equipe confirmaram presença na prova do Campeonato Brasileiro Feminino, no próximo dia 7 de novembro, na cidade de Guarapari, no Espírito Santo. Stefany é líder do nacional na classe Feminina, tentará manter a primeira posição na  prova capixaba.

Vídeo dos melhores momentos do Team Honda na Superliga de MX em Canelinha
Assista aqui os melhores momentos da equipe oficial Honda na sexta etapa da Superliga de Motocross 2010, realizada no dia 24 de outubro em Canelinha, interior de Santa Catarina. Swian Zanoni não venceu, mas comemorou o título de campeão antecipado na categoria MX2. Confira agora o vídeo do que rolou na Superliga de Motocross em Canelinha.

Imagem de Amostra do You Tube

Lawanteam brilhou no Estadual e no Nacional de Supermoto
Em um fim de semana movimentado, a equipe Lawanteam teve de se desdobrar para seguir o calendário e manter a liderança do nacional e do estadual. O sábado foi dedicado ao Campeonato Paulista de Supermoto, que aconteceu na Praia Grande, com a nona rodada do certame. Na prova do litoral paulista, a equipe contou apenas com a presença de Simão Lawant e Carlão Medeiros. O sebastianense, líder do estadual na categoria SM4, cumpriu o seu objetivo e manteve-se na ponta da tabela de classificação com a segunda posição. Na categoria SM1, principal do Campeonato Paulista de SM, Carlão enfrentou algumas dificuldades e não passou da quinta posição. Ainda assim, o atleta da equipe Lawanteam firmou-se na vice-liderança do estadual atrás, apenas, do seu companheiro de equipe Rafael Fonseca. Logo após a disputa da nona etapa do estadual, a dupla da Lawanteam, Simão e Carlão, embarcaram para Goiânia, onde no dia seguinte disputaram a rodada dupla do Campeonato Brasileiro de Supermoto. Apesar do desgaste físico, os atletas voltaram a se destacar, fazendo uma dobradinha na primeira bateria da classe SM4 com Simão em 1º, e Carlão em 2º. A segunda bateria da categoria SM4 foi novamente vencida pela Lawanteam, dessa vez, com Carlão na frente. Simão, acabou sofrendo uma queda no início da prova e terminou na quinta posição. “Foi muito difícil este fim de semana, correr em São Paulo n sábado e aqui no domingo foi extremante cansativo. A logística dessa rodada dupla foi realmente um desafio, acho que poderíamos ter ido ainda melhor em outras circunstâncias, mas fico feliz por ter mantido a liderança do estadual e ainda estar vivo na luta pelo título do nacional” disse Simão. Além de Simão e Carlão, a equipe ainda teve em Goiânia os pilotos Rafael Fonseca (SM1), Juliano Meira (SM2) e Gerson Incerti (SM3). O trio conquistou cinco vitórias em seis corridas e lidera as três categorias  do nacional. O grande destaque da equipe foi o brasiliense Rafael Fonseca, que venceu as duas baterias da SM1 e chegou a impressionante marca de cinco vitórias em seis corridas. Restando apenas mais duas provas para o fim do certame, Fonseca está muito perto do tetracampeonato nacional.

Rafael Fonseca venceu as duas etapas da SM1 em Goiânia

Rafael Fonseca venceu as duas etapas da SM1 em Goiânia

Brasil Racing comemora resultados na Superliga em Canelinha
Os atletas Brasil Racing voltaram a se destacar durante a sexta e penúltima etapa da Superliga de Motocross, realizada na cidade de Canelinha, em Santa Catarina, no último domingo, a prova mostrou a força da equipe Brasil Racing, que na categoria MXJR contou com três representantes no pódio. O grande destaque do fim de semana foi o paranaense Endrews Armstrong. Líder da temporada na categoria MXJR, o piloto da equipe Dunas Honda caiu na primeira curva e saiu da última posição para terminar em terceiro. Além de Endrews, a Brasil Racing ainda teve no pódio da classe júnior os pilotos Leonardo Lizott, 2º, e Pepê Bueno, 5º. Assim como Endrews, Djalminha Brito também deixou a cidade de Canelinha na liderança da Superliga de Motocross. O paulista, que até então era o vice-líder da temporada na categoria 65, e com o terceiro lugar na etapa catarinense pulou para a primeira posição do certame. O piloto da casa Germano Vandresen, garantiu mais um pódio para a equipe Brasil Racing na classe CRF 230. Em sua segunda participação no nacional, Vandresen repetiu o resultado da prova de Chapecó, e outra vez foi o terceiro colocado. “Foi um dia muito bom para nossa equipe. Enfrentamos algumas dificuldades, mas saímos daqui líderes de duas categorias e com cinco pódios na etapa. Portanto, hoje foi um dia de muitas conquistas para a Brasil Racing” disse Júnior.

Frase da Semana
“O tolo não aprende nunca.
O inteligente aprende com os próprios erros.
O sábio aprende com os erros dos outros.”

Hot News Mundocross by Jorge Soares

Colaboração :
Daniela Burgonovo
Chico Vargas
Elton Souza
Motopress

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly