Preparação física: O que fazer na pré temporada

Por Vinicius Radenzev Simões | Foto por Divulgação | 01 de Fevereiro de 2011 - 10:41

Após termos dado uma parada nas atividades no final de ano devido as festas, e alguns pilotos aproveitaram para tirar alguns dias de férias em janeiro, a maioria das pessoas, sejam elas praticantes ou não, de atividades físicas, pilotos ou competidores comuns, saem da rotina, exagerando tanto na comida, como em alguns casos na bebida, e principalmente deixando de praticar atividades físicas, mudando bastante  os hábitos diários.

Agora passado tudo isto é hora de recomeçarmos. Para nós praticantes de Motocross e Off Road é muito importante iniciarmos as atividades, pois temos nesta fase do ano algumas competições extras. Como sabemos o início da pré temporada é considerada muito importante para os atletas de qualquer modalidade.

Antes de começarmos a pré-temporada, temos que aproveitar este mês após o ano novo, para pegarmos o calendário, planejarmos tudo que será feito no ano, traçando objetivos e expectativas.

Dicas de preparação para pré-temporada no Motocross

Dicas de preparação para pré-temporada no Motocross

Agora o melhor a fazer primeiramente é colocar o sono em dia, dormindo já nos horários de costume,  acordando também nos horários das atividades, regrarmos o nosso corpo com  uma alimentação de muitos líquidos, diminuindo a ingestão de gorduras e do sal, voltando para as atividades aos poucos, ou seja, com menos intensidade dos exercícios para obtendo uma resposta agradável e sem dores  por conta de nossos músculos, ligamentos e até uma fadiga psicológica.

O ideal é realizarmos uma atividade aeróbia (bike, esteira, corrida, caminhada) no qual estávamos acostumados como já disse menos intensa , mas com um bom aumento da duração, ou seja e aos poucos aumentando a intensidade e o tempo de permanência no exercício escolhido, sempre abusando dos alongamentos.

Na parte muscular, ao retornarmos à academia temos que fazer uma serie completa de todos os grupos musculares intercalando os dias, e com series bem leves e com muita repetição,  como exemplo 3 x 15 a 20 repetições para cada grupo muscular e no máximo dois exercícios por grupo durante uma semana, para sim daqui uns 15 dias voltarmos ao treinamento normal e com força total.

Para os pilotos profissionais o ideal é treinar tanto de moto como a parte física de 5 a 6 vezes por semana dividindo entre manhã e tarde, exercícios aeróbios e musculares juntamente com os treinamentos de moto, respeitando os devidos descansos, juntamente com uma alimentação balanceada.

Quanto aos pilotos amadores e de finais de semana, o ideal é treinar a parte física de 3 a 4 vezes na semana e os treinos de moto de 2 a 3 vezes respeitando também os descansos para uma melhor recuperação e melhor rendimento.

Aos iniciantes de qualquer atividade, seja ela física ou de treinamentos com moto o ideal é procurar um profissional e realizar primeiramente uma avaliação física para saber em que nível se encontra e se tem alguma restrição para a prática de atividades físicas.

Esta foi mais uma dica da MX Personal Assessoria Esportiva. Espero que tenham gostado e que 2011 iniciem com muita saúde e dedicação !!

A MX Personal possui os seguintes serviços:
1. Aumento de massa muscular
2. Aumento da capacidade respiratória
3. Reabilitação
4. Emagrecimento
5. Planilhas de treinos online
6. Acompanhamento em pistas
7. Serviços de Personal trainer

Boa sorte a todos os pilotos !!

Radenzev dá assessoria ao piloto Marcelo 'Ratinho' Lima

Radenzev dá assessoria ao piloto Marcelo 'Ratinho' Lima

Para maiores informações acesse www.mxpersonal.com.br
[email protected] ou (11) 9847-5227

Vinicius ‘Pernilongo’ Radenzev é formado em Educação Física pela Unimep, e é Pós graduado em fisiologia do exercício pela Universidade Federal de São Paulo e possui uma experiência como piloto de Motocross há 22 anos.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly