AMA Supercross 2011 – 5ª etapa – Anaheim2

Por Renato Dalzochio Jr. | Fotos por Steve Giberson | 06 de Fevereiro de 2011 - 22:03

Após a estreia da etapa de Oakland sábado passado, o AMA Supercross 2011 voltou neste sábado, 5 de fevereiro, para o Angel Stadium em Anaheim, no Sul da Califórnia, palco também da etapa de abertura do campeonato. Assim como o evento já não é mais novidade há muito tempo, as corridas também não apresentaram novidades.

Os líderes Josh Hansen e James Stewart venceram em suas respectivas categorias e mantiveram-se firmes na ponta da tabela. A única novidade foi à cor rosa predominando em todo o evento, tanto dentro da pista como nos bastidores, bem como vários pilotos usaram equipamentos e grafismos desta cor em suas motos.

Stewart também vestiu rosa em favor da campanha contra o câncer

Stewart também vestiu rosa em favor da campanha contra o câncer

Desde o ano passado, o tema da quinta etapa em Anaheim é a conscientização da luta contra o câncer de mama, daí a razão de todo mundo usar a cor rosa nessa etapa. Esta foi considerada a maior pista do campeonato até agora, com as voltas mais rápidas girando na casa de 56 segundos na categoria Supercross. Também foi considerada a mais difícil do ponto de vista técnico, com longos saltos nas sessões de ritmos e sessões de costelas muito profundas. Confira como foi…

Categoria Supercross Lites costa Oeste

Na largada o líder Josh Hansen da equipe Monster / Pro Circuit / Kawasaki fez o holeshot e disparou na frente, seguido por Elic Tomac da equipe Geico Powersports / Honda em segundo e o alemão Ken Roczen da equipe oficial RedBull / KTM em terceiro. Na terceira volta Roczen roubou a segunda posição de Tomac, e na volta seguinte, tentou passar Hansen em um S da pista e acabou levando o troco de Tomac.

Largada da bateria final da categoria SX Lites Oeste em A2

Largada da bateria final da categoria SX Lites Oeste em A2

Martin Davalos. Ryan Morais e James DeCotis

Martin Davalos. Ryan Morais e James DeCotis

Na oitava volta foi que a corrida passou a ficar mais agressiva, com os três primeiros andando juntos. Então naquele momento era Tomac quem pressionava Hansen, tentando lhe roubar a liderança. Ao abrirem a décima volta, Tomac conseguiu a ultrapassagem sobre Hansen na primeira curva após o salto de chegada, mas recebeu o troco logo em seguida, no final da reta.

Joshua Hansen, Kenny Roczen e Eli Tomac

Joshua Hansen, Kenny Roczen e Eli Tomac

Disputa entre o americano Josh Hansen e o alemão Ken Roczen

Disputa entre o americano Josh Hansen e o alemão Ken Roczen

Depois disso mais nada aconteceu, mas mesmo assim não faltou emoção, já que os três andaram praticamente juntos, separados por uma diferença de meio segundo até a bandeira quadriculada. Vitória de Hansen, com Tomac em segundo e Roczen chegando em terceiro, subindo pela primeira vez no pódio numa prova de AMA Supercross Lites. Broc Tickle, companheiro de Hansen na equipe Monster / Pro Circuit / Kawasaki finalizou em quarto e Kyle Cunningham da equipe DNA Shred Stixs/Star Racing Yamaha completou os cinco primeiros.

Ryan Morais é piloto da equipe semi-oficial Rockstar / Suzuki

Ryan Morais é piloto da equipe semi-oficial Rockstar / Suzuki

Kyle Cunningham e Martin Davalos disputando uma curva em A2

Kyle Cunningham e Martin Davalos disputando uma curva em A2

No campeonato, Hansen ampliou de um, para oito pontos a sua vantagem sobre Tickle. Tomac é o terceiro, Ryan Morais da equipe semi-oficial Rockstar Energy Drink / Suzuki o quarto, e Cole Seely da equipe semi-oficial Troy Lee Designs / Lucas Oil / Honda fecha os cinco primeiros.

Hansen conquistou sua terceira vitória em 2011 em Anaheim2

Hansen conquistou sua terceira vitória em 2011 em Anaheim2

Antônio Jorge Balbi Jr.
O brasileiro Jorge Balbi Jr. piloto patrocinado pela 2B Duracell Racing / Axo / Italian Team, se classificou direto para a final mais uma vez, finalizando na sexta posição em sua heat. Na final foi o 12º colocado, mesma posição que ocupa no campeonato, com 40 pontos marcados.

Balbi também entrou no espírito da luta contra o câncer de mama

Balbi também entrou no espírito da luta contra o câncer de mama

Resultado da Heat 1 da categoria Supercross Lites Oeste
1. Kyle Cunningham
2. Eli Tomac
3. Cole Seely
4. Ryan Morais
5. Ryan Marmont
6. Antonio Balbi
7. Scott Champion
8. Casey Hinson
9. Yuta Ikegaya

Resultado da Heat 2 da categoria Supercross Lites Oeste
1. Josh Hansen
2. Martin Davalos
3. Broc Tickle
4. Ken Roczen
5. James DeCotis
6. Nick Paluzzi
7. Bruce Rutherford
8. Ben Evans
9. Kyle Beaton

Resultado da Last Chance da categoria Supercross Lites
1. Parker Eckman
2. Jake Canada

Resultado da quinta etapa da categoria Supercross Lites Oeste
1. Josh Hansen (Kawasaki)
2. Eli Tomac (Honda)
3. Ken Roczen (KTM)
4. Broc Tickle (Kawasaki)
5. Kyle Cunningham (Yamaha)
6. Martin Davalos (Suzuki)
7. Ryan Morais (Suzuki)
8. Bruce Rutherford (Kawasaki)
9. Ryan Marmont (KTM)
10. James DeCotis (Honda)
11. Cole Seely (Honda)
12. Antonio Balbi (Kawasaki)
13. Jake Canada (Kawasaki)
14. Ben Evans (Kawasaki)
15. Scott Champion (Kawasaki)
16. Casey Hinson (KTM)
17. Kyle Beaton (Kawasaki)
18. Parker Eckman (Honda)
19. Yuta Ikegaya (Suzuki)
20. Nick Paluzzi (Yamaha)

Classificação da categoria Supercross Lites Oeste após cinco etapas
1. Josh Hansen – 113 pontos (3 vitórias)
2. Broc Tickle – 105 (1 vitória)
3. Eli Tomac – 91
4. Ryan Morais – 84
5. Cole Seely – 70 (1 vitória)
6. Ken Roczen – 69
7. Martin Davalos – 60
8. Kyle Cunningham – 60
9. Tyla Rattray – 58
10. James DeCotis – 51 pontos

Categoria Supercross

Diferente da semana passada, neste sábado a principal categoria do campeonato, a Supercross não teve a mesma emoção. Líder na tabela, James Stewart da equipe San Manuel / Yamaha fez o holeshot, disparou na frente e liderou de ponta a ponta, recebendo a bandeira quadriculada com tranquilidade.

Largada da bateria final da categoria Supercross em A2

Largada da bateria final da categoria Supercross em A2

James Stewart fez o holeshot em Anaheim2

James Stewart fez o holeshot em Anaheim2

Ryan Villopoto da equipe oficial Monster Energy / Kawasaki e o australiano Chad Reed da equipe privada Two Two Motorsports largaram respectivamente na segunda e na terceira posição, se mantendo nelas até o final, mas em nenhum momento foram capazes de ameaçar o líder do campeonato. Villopoto mostrou que por enquanto é o único que pode andar no mesmo ritmo que Stewart, já que não deixou o piloto da Yamaha abrir uma vantagem superior a quatro segundos.

Na primeira volta a disputa é sempre muito intensa

Na primeira volta a disputa é sempre muito intensa

Em Anaheim2 Reed conquistou seu segundo pódio na temporada

Em Anaheim2 Reed conquistou seu segundo pódio na temporada

Já Chad Reed precisa melhorar muito se quiser entrar na briga pelo título, e isso diz respeito a arriscar mais e adotar uma pilotagem mais agressiva. E não pode perder tempo, já que apesar de ter assumido a terceira posição, ainda está muitos pontos atrás de Stewart e Villopoto na tabela. Reed cruzou a linha de chegada com distantes 16 segundos atrás de Stewart.

Dungey teve que abandonar a corrida na sétima volta

Dungey teve que abandonar a corrida na sétima volta

Disputa caseira da KTM entre Mike Alessi e Andrew Short

Disputa caseira da KTM entre Mike Alessi e Andrew Short

Justin Brayton da equipe Muscle Milk / Toyota / Yamaha finalizou em quarto, e Trey Canard da equipe oficial Red Bull / Honda Racing completou os cinco primeiros. Quem teve uma noite para ser esquecida foi o atual campeão Ryan Dungey da equipe oficial Rockstar / Makita / Suzuki, que somou apenas um ponto na última posição ao abandonar a corrida na nona volta com a corrente de sua moto arrebentada.

Ryan Villopoto já venceu duas etapas no AMA SX em 2011

Ryan Villopoto já venceu duas etapas no AMA SX em 2011

A estreia de David Millsaps na JGRMX não está sendo das melhores

A estreia de David Millsaps na JGRMX não está sendo das melhores

No campeonato, Stewart ampliou para cinco pontos sua vantagem sobre Villopoto, 117 contra 112 pontos. Graças ao revés de Dungey e a quinta posição de Canard, Reed assumiu a terceira posição com 90 pontos. Canard é o quarto com 87 e Dungey fecha os cinco primeiros com 79 pontos. No próximo sábado o AMA Supercross segue para o Estado do Texas, onde será disputada a sexta etapa em Houston, no Reliant Stadium.

Em A2 Stewart chegou a sua terceira vitória no AMA SX em 2011

Em A2 Stewart chegou a sua terceira vitória no AMA SX em 2011

Reed. Stewart e Villopoto no pódio da categoria SX em Anaheim2

Reed. Stewart e Villopoto no pódio da categoria SX em Anaheim2

Resultado da Heat 1 da categoria Supercross
1. James Stewart
2. Ryan Villopoto
3. Kyle Chisholm
4. Brett Metcalfe
5. Davi Millsaps
6. Ivan Tedesco
7. Kevin Windham
8. Matt Boni
9. Tye Simmonds

Resultado da Heat 2 da categoria Supercross
1. Ryan Dungey
2. Trey Canard
3. Justin Brayton
4. Chad Reed
5. Andrew Short
6. Nick Wey
7. Chris Blose
8. Mike Alessi
9. Fabien Izoird

Resultado da Last Chance da categoria Supercross
1. Kyle Regal
2. Jason Thomas

Resultado da quinta etapa da categoria Supercross
1. James Stewart (Yamaha)
2. Ryan Villopoto (Kawasaki)
3. Chad Reed (Honda)
4. Justin Brayton (Yamaha)
5. Trey Canard (Honda)
6. Andrew Short (KTM)
7. Ivan Tedesco (Kawasaki)
8. Kevin Windham (Honda)
9. Brett Metcalfe (Suzuki)
10. Davi Millsaps (Yamaha)
11. Kyle Regal (Yamaha)
12. Mike Alessi (KTM)
13. Matt Boni (Kawasaki)
14. Kyle Chisholm (Yamaha)
15. Nick Wey (Yamaha)
16. Jason Thomas (Suzuki)
17. Chris Blose (Kawasaki)
18. Tye Simmonds (KTM)
19. Fabien Izoird (Kawasaki)
20. Ryan Dungey (Suzuki)

Classificação da categoria Supercross após cinco etapas
1. James Stewart – 117 pontos (3 vitórias)
2. Ryan Villopoto – 112 (2 vitórias)
3. Chad Reed – 90
4. Trey Canard – 87
5. Ryan Dungey – 79
6. Brett Metcalfe – 67
7. Andrew Short – 64
8. Kevin Windham – 59
9. Justin Brayton – 57
10. Ivan Tedesco – 48 pontos

Calendário do AMA Supercross 2011
6ª Etapa – 12 de fevereiro – Houston / Texas (Reliant Stadium)
7ª Etapa – 19 de fevereiro – San Diego / Califórnia (Qualcomm Stadium)
8ª Etapa – 26 de fevereiro – Atlanta / Georgia (Georgia Dome)
9ª Etapa – 5 de março – Daytona / Flórida (International Speedway)
10ª Etapa – 12 de março – Indianapolis / Indiana (Lucas Oil Stadium)
11ª Etapa – 19 de março – Jacksonville / Flórida (Jacksonville Municipal Stadium)
12ª Etapa – 26 de março – Toronto / Canadá (Rogers Centre)
13ª Etapa – 2 de abril – Arlington / Texas (Cowboys Stadium)
14ª Etapa – 9 de abril – St. Louis / Missouri (Edward Jones Dome)
15ª Etapa – 16 de abril – Seattle / Washington (Qwest Field)
16ª Etapa – 30 de abril – Salt Lake City / Utah (Rice-Eccles Stadium)
17ª Etapa – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Etapas restantes do AMA Supercross Lites Oeste 2011
6ª Etapa – 19 de fevereiro – San Diego / Califórnia (Qualcomm Stadium)
7ª Etapa – 16 de abril – Seattle / Washington (Qwest Field)
8ª Etapa – 30 de abril – Salt Lake City / Utah (Rice-Eccles Stadium)
9ª Etapa – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Calendário do AMA Supercross Lites Leste 2011
1ª Etapa – 12 de fevereiro – Houston / Texas (Reliant Stadium)
2ª Etapa – 26 de fevereiro – Atlanta / Georgia (Georgia Dome)
3ª Etapa – 5 de março – Daytona / Flórida (International Speedway)
4ª Etapa – 12 de março – Indianapolis / Indiana (Lucas Oil Stadium)
5ª Etapa – 19 de março – Jacksonville / Flórida (Jacksonville Municipal Stadium)
6ª Etapa – 26 de março – Toronto / Canadá (Rogers Centre)
7ª Etapa – 2 de abril – Arlington / Texas (Cowboys Stadium)
8ª Etapa – 9 de abril – St. Louis / Missouri (Edward Jones Dome)
9ª Etapa – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Shootout Oeste x Leste Supercross Lites 2011
Etapa única – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Confira como foram as etapas anteriores do AMA Supercross 2011

4ª Etapa – 29 de janeiro – Oakland / Califórnia
3ª Etapa – 22 de janeiro – Los Angeles / Califórnia
2ª Etapa – 15 de janeiro – Phoenix / Arizona
1ª Etapa – 8 de janeiro – Anaheim / Califórnia

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Maiara disse:

James Stewart *——-*

Jorge Soares disse:

Twitter: mundocross
Bahhhh agora tentei de novo e aí consegui ver……. show de roda

Mazzzá Renatão no vídeo do TP hehehehe

Puxa,,,,, Pastrana é lenda meu….. o cara é fera demais

Falowwwww

Jorge

Renato Dalzochio Jr disse:

Cara Tiago sou eu mesmoooo!!! :) Mas no dia nem percebi que tinha uma camera ali ahsuahsuahsuas! Da pra ver meu pai um pouco mais atras tbm hehehe!!!

Valeu por divulgar ai bruxo!!!

Grande abracoo!!!

Jorge Soares disse:

Twitter: mundocross
Oi Tiago !!!

Poxa, prá mim aqui aparece q o vídeo é privado e naum dá acesso !!!!

Falowww

Jorge

Tiago Souza disse:

Jorge e Renato Dalzochio , olhemmm o que eu achei no Youtube na apresentação da Equipe de Nascar do Pastrana…Quando ele esta dando autografos aos exatos 4:24 SEGUNDOS Acreditooo eu que seja o Dalzochio ao Fundo com Bone da DC , me corrijam se estiver errado….Se nao for o kra eh teu gemeo… http://www.youtube.com/watch?v=MLrBVnZfzYA

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly