Equipes Motocross Brasileiro 2011 – Atualizado

Por Jorge Soares | Fotos por Divulgação | 18 de Fevereiro de 2011 - 13:19

Depois de algumas semanas e três Silly Season 2011 aqui no Mundocross, algumas dúvidas foram tiradas com a apresentação nesta terça-feira da equipe oficial e das equipes satélites da Honda. Os pilotos da equipe de fábrica da Honda permanecem os mesmos da temporada passada, sendo que Swian Zanoni faz parte do time, mas irá competir no campeonato Mundial de Motocross na categoria MX2.

Outro nome em que pairavam dúvidas em qual equipe iria competir este ano, o mineiro Jorge Balbi Jr. foi anunciado também na última terça-feira, como integrante da Pro Tork / 2B Racing / Kawasaki, pela qual irá competir nas principais competições do Brasil nas categorias MX1 e MX2.

Balbi terá o patrocínio da Pro Tork na temporada 2011

Balbi terá o patrocínio da Pro Tork na temporada 2011

Swian Zanoni
O mineiro Swian Zanoni foi selecionado pela Honda para ir competir no Mundial de Motocross MX2 2011, mas como ele está se recuperando da fratura na tíbia da perna direita, o goiano Wellington Garcia irá substituí-lo na equipe italiana Martin Racing / Honda. Assim que estiver totalmente recuperado, Swian irá para a Europa e Wellington voltará ao Brasil para competir na Superliga de Motocross e no Arenacross.
Clique aqui e confira a matéria sobre a lesão de Swian.

Wellington vai substituir Swian nas primeiras etapas do Mundial MX2

Wellington vai substituir Swian nas primeiras etapas do Mundial MX2

Início dos campeonatos nacionais
O campeonato Brasileiro de Motocross 2011 tem a sua abertura marcada para o dia 3 de abril, em cidade a ser definida. Já a Superliga de Motocross terá cinco etapas, que serão realizadas no primeiro semestre, começando no dia 17 de abril em Poços de Caldas. No Arenacross a previsão são de seis etapas no segundo semestre, começando no dia 23 de julho, em Ribeirão Preto.

Equipes e pilotos já confirmados para o Motocross Brasileiro 2011

Team Honda Racing
Swian Zanoni – 7 – Categoria MX2
João Paulino da Silva Jr. – 11 – Categoria MX1
Leandro Silva – 14 – Categoria MX1
Jean Ramos – 18 – Categoria MX2
Wellington Garcia – 21 – Categoria MX1
Chefe de equipe : Wilson Yasuda

Pro Tork Racing Team
Davis Guimarães – 1 – Categoria MX3
Chefe de equipe : Marlon Bonilha

Pro Tork / 2B Racing / Kawasaki
Jorge Balbi Jr. – 3 – Categorias MX1 / MX2
Mariana Balbi – Categoria Feminina
Chefe de equipe : Jorge Balbi

Dunas Team / Brasil Racing / Honda
Roberto Castro – Categoria MX1
Endrews Armstrong – Categoria MX2
Rafael Faria – Categoria MX2
Pedro Bueno – Categoria 85
Chefe de equipe : Marcus ‘Mala’ Vinicius

MX Parts / LS Racing / Honda
Humberto Martin – Categoria MX2
Gabriel Gentil – Categoria MX1
Leonardo Lizott – Categoria MX2
Gabriel Carbonera – Categoria 85
Chefe de equipe : Elievan Júnior

Vaz / Rinaldi / Kawasaki
Marcello Lima – 38 – Categoria MX1
Eduardo Lima – 338 – Categoria MX1
Chefe de equipe : Gui Lima

KTM / Fox / Mega Energy
Thales Vilardi – Categorias MX1 / MX2
Chefe de equipe : Schell Vilardi

HP Racing / Moto Litoral / Mormaii / Dash
Higor Passos – Categorias MX1 / MX2
Chefe de equipe : Toninho Passos

Mira-X / Oakley / Honda
Kaio Miranda – Categoria 85
Anderson Amaral – Categoria MX2
Gustavo Amaral – Categoria MX1
Chefe de equipe : Cesar Miranda

Pinho Yamaha / Pinho Chevrolet / Brasil Racing
João Pedro Pinho Ribeiro – Categoria MX2
Chefe de equipe : Delo Ribeiro

Léo Motos / Pirelli / Freeday
Léo Lopes – 25 – Categoria MX4
Enzo Lopes – Categorias 65 / 85
Chefe de equipe : Léo Lopes

Casa Bella / Circuit / Answer / Kawasaki M3
Marcos Cordeiro – 42 – Categorias MX1 / MX3
Henrique Guarese – 337 – Categoria MX2
Augusto Guarese – 37 – Categoria 65
Chefe de equipe : Roberta Guarese

Casa de Máquina KTM / Pro Race Suspensões
Jethro Feula – Categorias MX1 / MX2
Chefe de equipe : Rodrigo Gonçalves

IMS / Honda
Rafael Zenni – Categoria MX2
Cristiano Lopes – Categoria MX3
Stephany Serrão – Categoria 85
Thiago Formhel – Categoria 85
Chefe de equipe : Wellington Valadares

Itamaracá / Fox / Honda
Roosevelt Assunção – Categoria MX1
Hector Assunção – Categoria MX2
Gustavo Pessoa – Categoria 85
Chefe de equipe : Maura Pessoa

Circuit Racing / Honda
Anderson Cidade – 20 – Categoria MX1
Rodrigo Rodrigues – Categoria MX2
Chefe de equipe : Renato Bredas

Farover Tratamento de Resíduos
Janaína Todeschini – Categoria Feminina
Chefe de equipe : Valter Todeschini

Holeshot Racing / Moto Litoral / Honda
Roger Hoffmann – 41 – Categoria MX1
Chefe de equipe : Lauro Hoffmann

Móveis Viecelli Racing Team
João Pedro Viecelli – 934 – Categoria MX2
Chefe de equipe : Ademir Viecelli

Expresso Sul Transportes / Cetric / Concrebal / MotoJeans Yamaha
Arthur Todeschini – Categoria 65
Chefe de equipe : Ademir Todeschini

Kawasaki Racing
Djalminha Brito – Categoria 65
Chefe de equipe : Djalma Brito

Flying Racing / Yamaha
Massou Nassar – Categorias MX1 e MX3

Morangos Galiotto / All Need Energy
Marcelo Galiotto – 710 – Categoria MX1
Rodrigo Galiotto – 720 – Categoria MX1

Mastter Moto / Saga Veículos / ASW / Honda
Hugo Amaral – 57 – Categoria MX2
Diego Henning – Categoria 85

Cereais Basso
Maiara Basso – Categoria Feminina
Lucas Basso – Categoria MX2
Mateus Basso – Categoria MX2

Revenda Moto-X Yamaha / Race Tech / Motorex
Raul Guilherme – Categorias MX1 / MX2

Banco BMG / Karolaine Financeira / Cerâmica Argelin
Jadson Teles – Categoria MX2

Rinaldi / Artemoto Troféus
Gabriel Della Flora – Categoria 65

MG Plast / MRPró
Renato Muguinho Paz – Categorias 65 / 85

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly