Está começando o Brasileiro de Motocross 2011

Por Mundo Press Assessoria | 02 de abril de 2011 - 7:43

Pilotos de praticamente todo o país estão garantidos na primeira etapa do campeonato Pro Tork Brasileiro de Motocross 2011. Nesta sexta-feira mais de 260 competidores já estavam confirmados nas sete categorias no evento que abre a temporada na pista da Praia de Três Lagoas, em Foz do Iguaçu, no Paraná.

Os números de inscritos por categoria são bem interessantes: 53 na MX2, 45 na MX1, 44 na 85, 38 na MX3, 34 na 230, 24 na 65,  e 22 na MX4. Os pilotos vêm das cinco regiões do país, sendo que quem deve pegar mais horas de estrada é o competidor da 85 Guilherme Martins de Castro, que é de Dom Elizeu, no Pará.

O Brasileiro de Motocross 2011 literalmente está começando neste sábado, pois na parte da tarde serão disputados os treinos cronometrados, e o mais rápido de cada categoria leva um ponto extra, algo que no final do campeonato poderá fazer diferença na disputa de posições.

Os organizadores esperam um público superior a 15 mil pessoas. “Está tudo pronto para ser uma bela festa. Está sol e calor, e esperamos que continue assim no final de semana”, disse Marcos Antônio Zibetti, promotor do evento em Foz do Iguaçu. O Pro Tork Brasileiro de Motocross inclui sete etapas, sendo que a grande decisão está marcada para o dia 29 de outubro na pista de Siqueira Campos, Paraná.

Ingressos para o evento
Os ingressos para a primeira etapa estão sendo vendidos nos seguintes locais de Foz do Iguaçu: Motec/Honda, Picos Motos, Tass Motos, Moto Peças Alto Paraná, V Max Motos, GB Motos, João Motoka Motos, Giga Racing no Paraguai e Foz Tintas. Os preços são:
Antecipado – 2 e 3 de abril: R$15,00
2 de abril (no local) – R$5,00
3 de abril (no local) – R$15,00
Credencial de box com camiseta exclusiva – válida para 2 e 3 de abril – R$40,00

Programação – 1ª Etapa Pro Tork Brasileiro de Motocross

Local: Praia das Três Lagoas – Foz do Iguaçu / Paraná

Dia 2 de abril – sábado
7h – Vistoria técnica
8h30 às 8h45 – Treino Livre 230
8h55 às 9h15 – Treino livre MX3
9h25 às 9h40 – Treino livre 65
9h50 às 10h10 – Treino livre MX2
10h20 às 10h40 – Treino livre MX4
10h50 às 11h05 – Treino livre 85
11h20 às 11h40 – Treino livre MX1
12h40 às 12h55 – Treino cronometrado 230
13h05 às 13h25 – Treino cronometrado MX3
13h35 às 13h50 – Treino cronometrado 65
14h às 14h20 – Treino cronometrado MX2
14h30 às 14h50 – Treino cronometrado MX4
15h às 15h15 – Treino cronometrado 85
15h25 às 15h45 – Treino cronometrado MX1

Dia 3 de abril – domingo
8h20 às 8h30 – Warm up 230
8h40 às 8h50 – Warm up MX3
9h às 9h10 – Warm up 65
9h20 às 9h30 – Warm up MX2
9h40 às 9h50 – Warm up MX4
10h às 10h10 – Warm up 85
10h20 às 10h30 – Warm up MX1
11h30 – Bateria MX3
12h20 – Bateria 65
13h10 – Bateria MX2
14h10 – Bateria MX4
15h – Bateria 230
15h50 – Bateria 85
16h50 – Bateria MX1

O Pro Tork Brasileiro de Motocross tem patrocínio de Pro Tork e Rinaldi. A etapa de Foz do Iguaçu conta com o patrocínio de Foz Tintas, Manica, Itaipu Binacional, FM 97,7, Giga Racing, Eco Cataratas e Vote Cataratas do Iguaçu. O evento tem supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo, Federação Paranaense de Motociclismo e MZ Sports, além do apoio da Secretaria de Esportes do Governo do Paraná.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

JULIO CESAR disse:

Concordo c/ o claudio da Mata, esta coisa de cada um ter o seu proprio campeonato parecendo um “CABO-DE-GUERRA”, acaba tirando o brilho e a grandeza do esporte.

Twitter: claudiodamata38
260 pilotos no total…… antigamente tinha no mínimo 480 pilotos inscritos…… precisamos unir estes dois campeonatos urgente !

PAJA disse:

Comentário removido pelo fato do endereço de email do autor não ser um email ativo. Evite que seus comentários sejam removidos informando um email ativo.

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly