AMA Supercross 2011 – 13ª etapa – Arlington

Por Renato Dalzochio Jr. | Fotos por Steve Giberson | 03 de abril de 2011 - 22:41

Quando você pensa que já viu acontecer de tudo no AMA Supercross 2011 em termos de imprevisibilidade, o campeonato se torna ainda mais imprevisível. Depois de duas semanas de muito azar, Ryan Villopoto tinha visto sua vantagem de 26 pontos na liderança do campeonato virar uma desvantagem de três pontos para o australiano Chad Reed.

Mas neste sábado no Cowboys Stadium, em Arlington, no Texas, pertinho da cidade de Dallas, o jogo virou a mesa novamente. O azar de Villopoto se transformou em sorte, e por sua vez, a sorte de Reed se transformou em azar. Mesmo sem vencer, Villopoto recuperou a liderança do campeonato.

Já na categoria Supercross Lites costa Leste, que também teve uma corrida emocionante do início ao fim, o canadense Dean Wilson mostrou mais uma vez que não vai jogar a toalha facilmente para o líder do campeonato, Justin Barcia. Confira como foi…

Categoria Supercross Lites Costa Leste

Na largada, Ryan Sipes da equipe DNA Shred Stixs / Star Racing / Yamaha fez o holeshot e saiu na frente, mas ainda na primeira volta foi superado pelo líder do campeonato, Justin Barcia da equipe Geico Powersports / Honda. Na segunda volta, Sipes deu o troco em Barcia e recuperou a liderança. Na quinta volta, em uma curva apertada para a esquerda, Barcia recuperaria a liderança ao aplicar um block pass perfeio em Sipes.

Na volta seguinte, na mesma curva onde havia sido ultrapassado na volta anterior, Sipes acabaria cometendo um erro e caindo. Na 13ª volta, em uma curva apertada para a direita, o canadense Dean Wilson da equipe Monster/Pro Circuit/Kawasaki tentava um block pass sobre Barcia, mas o piloto da Honda defendeu-se bravamente e manteve a liderança. A ultrapassagem definitiva só viria na última volta, quando em uma curva de 90 graus para a esquerda, Wilson assumiria a liderança ao cortar a frente de Barcia pelo traçado de dentro.

Uma vez com a liderança assumida, ele manteria ela até a bandeira quadriculada. Vitória de Wilson, com Barcia em segundo, e seu companheiro de equipe Blake Wharton completando o pódio em terceiro. O irmão caçula de James Stewart, Malcom Stewart da equipe Suzuki City finalizou em quarto, e o privado Kawasaki Matt Lemoine completou os cinco primeiros. “Esta vitória significa muito pra mim. Eu não desisti do início ao fim da corrida. Gostaria de agradecer a todos que ajudaram a tornar isso possível. Eu tive uma última chance de passar Justin e consegui. Obrigado a todos que estavam torcendo por mim”, disse Wilson.

No campeonato, Wilson reduziu para treze pontos sua desvantagem em relação à Barcia. Sipes é o terceiro, Blake Baggett da equipe Monster/Pro Circuit/Kawasaki o quarto, e Wharton fecha os cinco primeiros. Como este ano será a primeira vez que a final em Las Vegas contará como etapa individual das duas regiões da categoria Lites, sábado que vem em St. Louis será a penúltima etapa da costa Leste. Em Seattle e Salt Lake City o campeonato volta para a costa Oeste, e em Las Vegas acontece à decisão do título (ou não se o campeão for conhecido antecipadamente nas duas categorias ou apenas em uma delas) das duas categorias.

Resultado da Heat 1 da categoria Supercross Lites Leste
1. Ryan Sipes
2. Matt Lemoine
3. Jason Anderson
4. Hunter Hewitt
5. Justin Sipes
6. Malcolm Stewart
7. Levi Kilbarger
8. Blake Wharton
9. Tyler Bright

Resultado da Heat 2 da categoria Supercross Lites Leste
1. Blake Baggett
2. Justin Barcia
3. Dean Wilson
4. Alex Martin
5. Taylor Futrell
6. Lance Vincent
7. AJ Catanzaro
8. Hunter Clements
9. Nicholas Myers

Resultado da Last Chance da categoria Supercross Lites
1. Gannon Audette
2. Darryn Durham

Resultado da sétima etapa da categoria Supercross Lites costa Leste
1. Dean Wilson (Kawasaki)
2. Justin Barcia (Honda)
3. Blake Wharton (Honda)
4. Malcolm Stewart (Suzuki)
5. Matt Lemoine (Kawasaki)
6. Darryn Durham (Honda)
7. Blake Baggett (Kawasaki)
8. Gannon Audette (Yamaha)
9. Alex Martin (Honda)
10. Tyler Bright (Honda)
11. Hunter Hewitt (Suzuki)
12. Jason Anderson (Suzuki)
13. Taylor Futrell (Honda)
14. Lance Vincent (Honda)
15. Hunter Clements (Honda)
16. Levi Kilbarger (Honda)
17. Ryan Sipes (Yamaha)
18. AJ Catanzaro (Honda)
19. Justin Sipes (Kawasaki)
20. Nicholas Myers (Honda)

Classificação categoria Supercross Lites costa Leste após sete etapas
1. Justin Barcia – 160 pontos (2 vitórias)
2. Dean Wilson – 147 (3 vitórias)
3. Ryan Sipes – 119 (1 vitória)
4. Blake Baggett – 114 (1 vitória)
5. Blake Wharton – 109
6. Matt Lemoine – 96
7. PJ Larsen – 80
8. Malcolm Stewart – 73
9. Alex Martin – 59
10. Lance Vincent – 56 pontos

Categoria Supercross

Na largada, Mike Alessi da equipe oficial KTM fez o holeshot e saiu na frente, mas antes de completar a primeira volta já havia sido superado por Trey Canard da equipe oficial Red Bull / Honda Racing. Na metade da primeira volta, Canard já tinha uma grande vantagem sobre os demais.

O australiano Chad Reed da equipe Two Two Motorsports, até então líder do campeonato, era o segundo, com James Stewart da equipe San Manuel/Yamaha em terceiro, o atual campeão Ryan Dungey da equipe oficial Rockstar / Makita / Suzuki em quarto, e Ryan Villopoto da equipe oficial Monster Energy / Kawasaki em quinto. Na terceira volta, Canard tinha uma agradável vantagem sobre os demais, enquanto Stewart havia assumido a segunda posição ao ultrapassar Reed.

Na quarta volta, Reed recuperava a vice-liderança ao aplicar um block pass em Stewart, em uma curva apertada para a esquerda. Na sétima volta, Canard tinha três segundos de vantagem sobre Reed. Na nona volta, Stewart estava mais rápido que Reed e preparava um block pass para ultrapassar o australiano em uma curva para a esquerda. Porém, na sessão de costelas que antecedia a curva, Stewart cometeu um erro, se desequilibrou, perdeu o controle da moto e atravessou a referida curva em linha reta, e antes da cair, atingiu em cheio a roda traseira da moto de Reed.

Assista a cena da queda de Stewart e Reed

Imagem de Amostra do You Tube

Com o impacto, Reed saiu da pista e acabou caindo também. Com os erros de Stewart e Reed, Villopoto aproveitou para assumir a segunda posição e Dungey a terceira. Na 11ª volta, Dungey cometeu um pequeno erro e caiu, mas levantou-se rapidamente, sem perder a terceira posição. Ao final das vinte voltas do main event, terceira vitória de Canard no campeonato, segunda consecutiva, com Villopoto em segundo e Dungey completando o pódio em terceiro.

Stewart foi o quarto e Kevin Windham da equipe Geico PowerSports/Honda completou os cinco primeiros. Chad Reed finalizou na oitava posição. Com este resultado, Villopoto viu sua desvantagem de três pontos em relação à Reed virar uma vantagem de seis pontos, isso restando quatro corrida para o fim do campeonato. E a pergunta que não quer calar: como ficará o relacionamento entre James Stewart e Chad Reed após a corrida desta sábado ?

“Eu sou muito grato a todos. Tenho que agradecer muito ao senhor Jesus Cristo. Eu sabia que precisava de uma boa largada, porque seria difícil andar bem durante 20 voltas. As costelas eram tão difíceis. Fica minha mensagem de agradecimento a todos que me apoiaram aqui”, disse Canard. “A pista estava uma loucura. Ok eu não tive uma boa largada, mas não desisti. Algumas coisas deram certo a meu favor hoje. É fantástico estar de volta na liderança da pontuação”, disse Villopoto.

“Foi uma grande noite. Tive uma boa largada, cometi apenas um pequeno erro ao longo de toda a corrida, então no geral a noite foi boa para mim” disse Dungey. Como foi dito anteriormente, Villopoto recuperou a liderança do campeonato, agora com seis pontos de vantagem sobre Reed. O australiano por sua vez tem apenas um ponto de vantagem sobre Dungey, que permanecesse na terceira posição.

Canard está em quarto, com 16 pontos de desvantagem para o líder, e 21 pontos atrás de Villopoto, Stewart fecha os cinco primeiros. A próxima etapa, 14ª do campeonato, será no Edward Jones Dome, em St.Louis, no Missouri. Restam quatro etapas para o fim do campeonato e tudo pode acontecer.

Resultado da Heat 1 da categoria Supercross
1. Ryan Villopoto
2. Ryan Dungey
3. Cole Seely
4. Chad Reed
5. Austin Stroupe
6. Justin Brayton
7. Tommy Hahn
8. Chris Blose
9. Fabien Izoird

Resultado da Heat 2 da categoria Supercross
1. James Stewart
2. Trey Canard
3. Ivan Tedesco
4. Andrew Short
5. Kyle Regal
6. Nick Wey
7. Michael Byrne
8. Davi Millsaps
9. Mike Alessi

Resultado da Last Chance da categoria Supercross
1. Kevin Windham
2. Weston Peick

Resultado da décima terceira etapa da categoria Supercross
1. Trey Canard (Honda)
2. Ryan Villopoto (Kawasaki)
3. Ryan Dungey (Suzuki)
4. James Stewart (Yamaha)
5. Kevin Windham (Honda)
6. Andrew Short (KTM)
7. Tommy Hahn (Yamaha)
8. Chad Reed (Honda)
9. Austin Stroupe (Yamaha)
10. Mike Alessi (KTM)
11. Weston Peick (Yamaha)
12. Fabien Izoird (Kawasaki)
13. Chris Blose (Kawasaki)
14. Michael Byrne (Suzuki)
15. Ivan Tedesco (Kawasaki)
16. Kyle Regal (Yamaha)
17. Justin Brayton (Yamaha)
18. Nick Wey (Yamaha)
19. Cole Seely (Honda)
20. Davi Millsaps (Yamaha)

Classificação categoria Supercross após treze etapas
1. Ryan Villopoto – 255 pontos (5 vitórias)
2. Chad Reed – 249 (1 vitória)
3. Ryan Dungey – 248 (1 vitória)
4. Trey Canard – 239 (3 vitórias)
5. James Stewart – 234 (3 vitórias)
6. Andrew Short – 174
7. Kevin Windham – 150
8. Justin Brayton – 141
9. Davi Millsaps – 128
10. Ivan Tedesco – 114 pontos

Etapas restantes do AMA Supercross 2011
14ª Etapa – 9 de abril – St. Louis / Missouri (Edward Jones Dome)
15ª Etapa – 16 de abril – Seattle / Washington (Qwest Field)
16ª Etapa – 30 de abril – Salt Lake City / Utah (Rice-Eccles Stadium)
17ª Etapa – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Etapas restantes do AMA Supercross Lites Oeste 2011
7ª Etapa – 16 de abril – Seattle / Washington (Qwest Field)
8ª Etapa – 30 de abril – Salt Lake City / Utah (Rice-Eccles Stadium)
9ª Etapa – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Etapas restantes do AMA Supercross Lites Leste 2011
8ª Etapa – 9 de abril – St. Louis / Missouri (Edward Jones Dome)
9ª Etapa – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Shootout Oeste x Leste Supercross Lites 2011
Etapa única – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Confira como foram as etapas anteriores do AMA Supercross 2011

12ª Etapa – 26 de março – Toronto / Canadá
11ª Etapa – 19 de março – Jacksonville / Flórida
10ª Etapa – 12 de março – Indianápolis / Indiana
9ª Etapa – 5 de março – Daytona / Flórida
8ª Etapa – 26 de fevereiro – Atlanta / Geórgia
7ª Etapa – 19 de fevereiro – San Diego / Califórnia
6ª Etapa – 12 de fevereiro – Houston / Texas
5ª Etapa – 5 de fevereiro – Anaheim2 / Califórnia
4ª Etapa – 29 de janeiro – Oakland / Califórnia
3ª Etapa – 22 de janeiro – Los Angeles / Califórnia
2ª Etapa – 15 de janeiro – Phoenix / Arizona
1ª Etapa – 8 de janeiro – Anaheim / Califórnia

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Lucas disse:

Esse Canard ta muito filha da puta, ele lembra demais o Carmichael, anda muiiiiiiiiito! Ano que vem Canard vai da um trabalho do caralho, Mais… Stewart ele e piloto de ponta, melhores equipamentos, na atualidade e o melhor da modalidade mais está deixando a desejar mostrando que a Rivalidade AmericanaXAustraliana fala mais alto, disperdiçando um ANO para se eternizar por rixas, Bubba esta com 25 ou 24 anos, o Supercross/Motocross está acabando para ele, e se ele ano aproveitar a maré que ele tem, vai virar um Kevin Windham das pistas, que de vez enquanto da seu show. E a mulecada via dominar, Dungey apenas com 21 anos ou 20 nao sei, e aquele Ken Rockzen, Puta que pariu, daqui 2 anos o Ama Supercross vai ser uma Loucura,. Abraços. Site top demaiss

Twitter: claudiodamata38
Anota aí, Dungey campeão !

sidney disse:

stewart tem q para com essas desavensas com reed ,
mais acho q stewart vai da uma revira volta nesse campeonato, acho q agora eles estão kits depois do tombo q stewart deu em reed e nele ne
…..

Jorge Soares disse:

Twitter: mundocross
Oi Tony !!

Brigadaum aê pelas palavras de apoio ao Mundocross e podes ter certeza q o site é feito para pessoas q assim como vc adoram Cross.

Um forte abraço e seja bem vindo ao site Mundocross

Falowww

Jorge

SarKiss #153 disse:

…acho que o Reed ainda ta na briga!!!

PEdrim disse:

ae galera, bubba não é qualquer piloto que consegue uma equipe de fabrica e vai andar no AMA pra ter fama não, ele é piloto de verdade, comparado com os grandes camo carmichael, Mcgrath, stefan everts. se esse cara trabalhar bem o psicologico dele ele consegue o campeonato ainda, o negãoo é fodaa. essa queda de bubba em cima do reed não foi proposital, mas o que o reed ja fez com o bubba nas corridas anteriores foi pra acabar com a graça do cara, o reed dentro da pista é muito covarde, é um grande piloto mas é muito covarde…. bubba tem mais tecnica e é mais rapido do que qualquer outro piloto no ama, mas esse ano e do villopoto!

Douglas disse:

Twitter: dougpoly
sao 2 corridas na verdade,uma do bubba e reed e a outra são dos outros pilotos…a briga do reed com bubba influencia e mt nos resultados da temporada,acho que já são 3 corridas que sao decididas ou modificadas por conta da rixa dos 2…
assim quem vem se beneficiando é o Villopoto neh,acho ele um cara constante,agressivo tecnico…e vem merecendo usar o #1.
So que vai que o bubba resolve por a cabeça de camarão dele no lugar e resolve andar de verdade,concentrado e decidido a ser campeão de verdade…ai amigo…guenta ele!!!! velocidade tecnica e moto ele tem pra isso!!!
abraço

Oi Jorge, sou novato aqui no mundocross e deu pra ver que o site é muito bem atualizado. As notícias são de primeira mão!!! Parabéns a todos vocês do Mundocross…Quem sabe um dia eu apareça em alguma entrevista! rsrsrs

Tiago disse:

Eh amigos alí a disputa entre Bubba e Reed eh rivalidade enorme, oke aconteçe eh que nenhum quer ver o adversário campeão independente de quem seja, o Bubba prefere perder o campeonato mas naum deixar o Reed ganhar e vice e versa…. sendo assim Vilopoto sai na vantagem aproveitando as …agadas de Bubba e Reed. Mas pra falar a vdd Villopoto merece o título desse ano, 5 vitórias naum eh pra qualquer um!!!

tiago disse:

bubba e Reed ficam brigando entre si, e Villopoto vai ganhar o campeonato de mao beijada!

lucas disse:

O Bubba ta foda, ele anda bem, o nivel dele e muito maior do que os demais pilotos mais a cabeça é fraca… Esse ano ta com cara de Reed ou Villopoto, mais o Dungey sem duvidas pra min é o melhor piloto da temporada, com corridas constantes e linda tecnica. O Bubba pode tentar algo diferente mais ele depende dos resultados não só dele!
Abraços

Washington Igor -SE disse:

Eu ainda acredito no bubba.

Douglas disse:

Twitter: dougpoly
temporada espetacular!!!!

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly