Três pilotos já venceram na Superliga de MX 2011

Por VipComm Comunicação | Fotos por Luiz Pires | 16 de abril de 2011 - 19:43

Foi dada a largada da Superliga Brasil de Motocross na cidade mineira de Poços de Caldas. No primeiro dia da competição três categorias já tiveram seus vencedores. Na categoria 65, o piloto gaúcho Enzo Lopes, que liderou durante o treino livre e classificatório, assumiu o favoritismo na prova e venceu com tranquilidade neste sábado, 16 de abril.

“Foi muito legal ganhar em Poços. Larguei na frente e consegui manter uma boa distância para o segundo colocado”, coloca o o jovem piloto, que ainda elogiou o circuito mineiro. “Nunca havia corrido aqui, e gostei. A pista tem algumas curvas bem técnicas”.

Enzo largou na frente e venceu a primeira da categoria 65

Enzo largou na frente e venceu a primeira da categoria 65

O mineiro Rhuan Santos finalizou em 11º na categoria 65

O mineiro Rhuan Santos finalizou em 11º na categoria 65

Na categoria MX3 o paranaense Davis Guimarães, atual campeão da Superliga na MX3, lutou de ponta a ponta com o mineiro Massoud Nassar, aguardou o momento certo para ultrapassar o rival e chegou em primeiro lugar ao final. “Vim confiante para a prova. Fiz uma boa pré-temporada e hoje fui bem no warm-up e treino classificatório. Troquei algumas vezes de posição com o Massoud, mas com tranquilidade dei um gás no final e venci”, colocou Davis.

Largada da categoria MX3 neste sábado em Poços de Caldas

Largada da categoria MX3 neste sábado em Poços de Caldas

Pódio da categoria MX3 com Davis Guimarães no ponto mais alto

Pódio da categoria MX3 com Davis Guimarães no ponto mais alto

Já na categoria MX4, onde a prova foi disputada juntamente com a MX3, Milton ‘Chumbinho’ Becker, de Santa Catarina, foi o vencedor.

Pódio da categoria MX4 em Poços de Caldas

Pódio da categoria MX4 em Poços de Caldas

A última prova do dia começou bastante agitada. Logo na primeira curva da primeira bateria da MX2 – a segunda prova desta categoria acontecerá amanhã -, o piloto Raí Arruda caiu após um acidente com outros pilotos e teve que abandonar a prova. O paranaense Jean Ramos, que vinha logo atrás, também foi para o chão, mas continuou e fez uma prova de recuperação.

Rafael Faria venceu a primeira bateria do ano na categoria MX2

Rafael Faria venceu a primeira bateria do ano na categoria MX2

Tendo que correr atrás do prejuízo Jean chegou apenas em décimo na MX2

Tendo que correr atrás do prejuízo Jean chegou apenas em décimo na MX2

Andando na frente durante todo o final de semana em Poços de Caldas, o competidor Rafael Faria, do Paraná, assumiu o primeiro lugar ainda na primeira volta e não largou mais. “Estou muito emocionado com minha vitória. É a realização de um sonho. Agora preciso manter este trabalho que venho desempenhando”, coloca o vitorioso da primeira bateria da MX2.

Categorias MX Pró e Júnior
Hoje foram definidos o gate de largada das categorias MX Pró e Júnior. O piloto Leandro Silva fez o melhor tempo com 1:24.327, na décima segunda volta. As duas baterias da MX Pró acontecerão amanhã, sendo a primeira às 9:50 horas, com transmissão Ao Vivo na Band TV aberta, e a segunda às 12:50 horas. Já na categoria Júnior, quem cravou o melhor tempo na última volta do treino foi Kaio Miranda com 1:33.111. A bateria da categoria está marcada para às 10:40 horas.

Leandro Silva foi o mais rápido nos treinos deste sábado na MX Pró

Leandro Silva foi o mais rápido nos treinos deste sábado na MX Pró

Jorge Balbi Jr. fez o quarto tempo na categoria MX Pró

Jorge Balbi Jr. fez o quarto tempo na categoria MX Pró

Daniel Reichardt fez o 21º tempo nos treinos classificatórios da Júnior

Daniel Reichardt fez o 21º tempo nos treinos classificatórios da Júnior

Resultados dos treinos e corridas neste sábado

Programação da primeira etapa da Superliga de Motocross

Domingo – 17 de abril

Warm Up
Categoria MX Pró – 8:30 horas
Categoria Júnior – 8:50 horas
Categoria MX2 – 9:10 horas

Provas
Categoria MX Pró (1ª bateria) – 10:30 horas
Categoria Júnior – 11:15 horas
Categoria MX2 (2ª bateria) – 12:20 horas
Categoria MX Pró (2ª bateria) – 13:30 horas

Compartilhe este conteúdo

Comentários

L disse:

romanholi e o cara mas ganha dinhero com motocross e faz todo mundo de idiota so ganha nas costas do palhaços do circo

Adriano Gil disse:

Inovaram com sucesso a idéia de 2 baterias, mas se cagaram com a história da transmissão.
O que será que aconteceu?
Seja o que for eu não acredito que os organizadores do evento seriam tão idiotas pra lançar na mídia uma falsa notícia, só pra foder com a galera que acordou cedo (9:50h). Isso tá me cheirando mal entendido com a emissora.

Parabéns à Pro Tork que foi lá e venceu a cat Pró, MX3 e MX4

Espero ver, num futuro não muito distante, a Honda voltando a vencer no Brasileiro.

jair teixeira disse:

muito obrigado pela informação errada…parabéns…além de ter acreditado na informação de transmissão ao vivo…comuniquei uma baita galera para assistir…tá todo mundo me zoando agora….deveria processar vcs por falsa informação e dano moral.

Fernando disse:

Quanto ao comparativo da Superliga e Brasileiro,,,, que banho que a Superliga deu no brasileiro,,, 2 horas da tarde, e ta todo mundo liberado pra ir pra casa… em Foz quase tinha que colocar faróis nas motos pra ultima bateria,,,, haaa outra coisa,,, com excessão da Pista, que parecia lisa..dura e pequena… parecia campeonato Gringo,,,, duas baterias da Mx-2 e duas da Mx-1,,,isso sim é motocross,,, ninguem mais anda em duas categorias,,, ai sim é profissionalismo,, como deve ser o motocross,,, to começando a ficar fã dessa Superliga… Abre o teu olho campeonato Brasileiro…. e que coisa interessante né,,, mesmo sendo a Honda a cota maioritaria do campeonato não tem categoria da porcaria da CRF-230.. moto de fazenda,,, não de motocross…

Alex disse:

quanta mentira , turma depalhaço nunca teve transmi. ao vivo é uma mentina deslavada do promotor do evento . nao adianta mesmo nem o pais do futebol somos mais. e uma merda mesmo. esta tendo o latino e ninguem sabe nada , que mentirada ,

joao disse:

entrei no site da super liga e la falava que a band transmitiria
a primeira bateria da cat/ pro ao vivo 2011 so que na verdade tava
passando a corrida de 2010 e ai que explicação eles vão nos dar
alias se e que para eles temos alguma importancia.que profissionais,parabens. pela falta de consideração.

Alex disse:

meus amigos , doesporte motocross. qual band a local so pra poços entao naoe nacional. o pessoal da engenharia deveria saber disto. que sao sinais separados e diferentes , é tv aberta sim mais nao e nacional. uma pura mentira. estao tirando todos pra otarios. puta mentira na rede band nacional passou amigos do teodoro e sampaio. puta que merda vcs tem que aprender a trabalhar.

mentirosos.

nelson disse:

OS CARA SAO UNS PALHAÇO NAO TEVE TRASMIÇAO AO VIVO MINTIROSOS PASSO UMA CORRIDA DE 2010 UNS BABACAS FAIZ AGENTI DE TONTO DE BESTA

Adriano Gil disse:

Tá dificil de acreditar que vai ter motocross ao vivo na tv aberta brasileira, mas é verdade. Tomara que as boas surpresas continuem!

Twitter: FISCHER
OLHA PELO QUE FALAM NO SITE DA SUPER LIGA SIM !!! NA BAND TV ABERTA !!!!

XYKO disse:

TRANSMISSÃO NA BAND ABERTA?

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly