Mundial de Motocross 2011 – 2ª etapa – Holanda

Por Renato Dalzochio Jr. | Fotos por Divulgação | 26 de abril de 2011 - 8:16
A temporada 2011 do campeonato Mundial de Motocross teve uma corrida em dia atípico, com a segunda etapa sendo realizada nesta segunda-feira, dia 25 de abril. A prova foi disputada no tradicional circuito arenoso de Valkenswaard, na Holanda, que há muitos anos faz parte do calendário do campeonato. Confira como foi…

Categoria MX1
Havia uma preocupação inicial da equipe KTM para saber se o italiano Antonio Cairoli, atual campeão da categoria, teria condições de disputar essa etapa depois de torcer o joelho há duas semanas, na Bulgária. Na primeira bateria, Tony não largou bem, mas fez sua usual corrida de recuperação até alcançar a liderança, garantindo a vitoria.
Mesmo sem vencer Frossard é o líder do Mundial MX1

Mesmo sem vencer Frossard é o líder do Mundial MX1

Max Nagl ficou em segundo lugar no GP da Holanda

Max Nagl ficou em segundo lugar no GP da Holanda

Na segunda bateria ele finalizou em segundo, garatindo a vitória no overall. O alemão Max Nagl, companheiro de equipe de Cairoli, ficou em segundo, graças a terceira posição na primeira bateria e a vitória na segunda. O italiano David Phillippaerts, da equipe oficial Monster Energy / Yamaha, foi quarto na primeira bateria e terceiro na segunda, completando o pódio na terceira posição no overall.
Ben Townley está de volta ao Mundial de Motocross MX1

Ben Townley está de volta ao Mundial de Motocross MX1

O italiano Antonio Cairoli venceu seu primeiro GP em 2011

O italiano Antonio Cairoli venceu seu primeiro GP em 2011

Já o companheiro de equipe de David, o francês Steven Frossard, fez o resultado inverso, finalizando em quarto no overall. O português Rui Gonçalves, que este ano voltou a pilotar a Honda, completou os cinco primeiros graças ao sexto lugar na primeira bateria e o quarto na segunda.

Max Nagl na coletiva de imprensa depois do GP na Holanda

Max Nagl na coletiva de imprensa depois do GP na Holanda

Frossard vai usar o number plate com fundo vermelho na próxima etapa

Frossard vai usar o number plate com fundo vermelho na próxima etapa

No campeonato, Frossard assumiu a liderança com cinco pontos de vantagem sobre Nagl. Dois pontos atrás, o belga Clement Desalle, da equipe oficial Rockstar / Suzuki é o terceiro. Cairoli aparece na quarta posição, e seu conterrâneo Phillippaerts fecha os cinco primeiros.

Resultado da segunda etapa do Mundial de Motocross MX1
1. Antonio Cairoli – KTM
2. Max Nagl – KTM
3. David Phillippaerts – Yamaha
4. Steven Frossard – Yamaha
5. Rui Gonçalves – Honda

Classificação do Mundial de Motocross na categoria MX1 após duas etapas
1. Steven Frossard – 85 pontos
2. Max Nagl – 80
3. Clement Desalle – 78 (1 vitória)
4. Antonio Cairoli – 72 (1 vitória)
5. David Phillippaerts – 63 pontos

Categoria MX2
Na categoria MX2 a etapa foi toda do jovem holandês Jeffrey Herlings, de apenas 16 anos de idade. Correndo em casa, o piloto oficial da KTM venceu as duas baterias, garatindo também a vitória no overall. Na primeira bateria, Herlings dominou do início ao fim.

Na segunda bateria ele largou novamente em primeiro, mas na metade da primeira volta caiu um belo tombo, sendo projetado por cima do guidão, saboreando as areias de Valkenswaard. Mesmo com o tombo espetacular, Jeffrey voltou na terceira posição e precisou apenas de duas voltas para recuperar a liderança, que estava com o jovem alemão Ken Roczen, de apenas 17 anos, e companheiro de equipe de Jeffrey.

Kenny Roczen é o atual líder do Mundial MX2

Kenny Roczen é o atual líder do Mundial MX2

Arnaud Tanus está em quarto lugar no Mundial MX2

Arnaud Tanus está em quarto lugar no Mundial MX2

O curioso é que no overall da MX2 nesta etapa, do primeiro ao quarto colocado, os pilotos finalizaram na mesma posição em que terminaram o overall, e isso na duas baterias. Roczen foi o segundo e o britânico Tommy Searle, da Kawasaki, completou o pódio na terceira posição.

O francês Arnaud Tonus, da Yamaha, foi o quarto, e seu conterrâneo Gautier Paulin, também da Yamaha, com um quinto lugar na primeira bateria e um sexto na segunda, completou os cinco primeiros no geral.
Área Vip da Monster no Mundial de Motocross 2011

Área Vip da Monster no Mundial de Motocross 2011

Tommy, Jeffrey e Ken na coletiva de imprensa após a etapa da Holanda

Tommy, Jeffrey e Ken na coletiva de imprensa após a etapa da Holanda

No campeonato, Roczen se manteve na liderança com 94 pontos (o número da sua moto), contra 86 de Herlings. Dois pontos atrás, Searle é o terceiro. Tonus aparece na quarta posição e Paulin fecha os cinco primeiros.

Clique aqui e confira como foi o desempenho do Brasileiro Swian Zanoni.

Agora o campeonato dará uma parada de duas semanas e recomeçará na América, com a terceira etapa no dia 15 de maio nos Estados Unidos e a com a quarta etapa no dia 22 de maio no Brasil.


Resultado da segunda etapa do Mundial de Motocross MX2
1. Jeffrey Herlings – KTM
2. Ken Roczen – KTM
3. Tommy Searle – Kawasaki
4. Arnaud Tonus – Yamaha
5. Gautier Paulin – Yamaha

Classificação do Mundial de Motocross na categoria MX2 após duas etapas
1. Ken Roczen – 94 pontos (1 vitória)
2. Jeffrey Herlings – 86 (1 vitória)
3. Tommy Searle – 84
4. Arnaud Tonus – 67
5. Gautier Paulin – 65 pontos

Calendário do Mundial de Motocross MX1  / MX2 2011
3ª Etapa – 15 de maio – Estados Unidos / Glen Helen
4ª Etapa – 22 de maio – Brasil / Indaiatuba – São Paulo
5ª Etapa – 5 de junho – França / Saint Jean d’Angely
6ª Etapa – 12 de junho – Portugal / Agueda
7ª Etapa – 19 de junho – Espanha / La Baneza
8ª Etapa – 3 de julho – Suécia / Uddevalla
9ª Etapa – 10 de julho – Alemanha / Teutschenthal
10ª Etapa – 17 de julho – Lituânia / Kegums
11ª Etapa – 31 de julho – Bélgica / Lommel
12ª Etapa – 7 de agosto – República Tcheca / Loket
13ª Etapa – 21 de agosto – Inglaterra / Matterley Basin
14ª Etapa – 4 de setembro – Alemanha / Gaildorf
15ª Etapa – 11 de setembro – Itália / Fermo

Confira como foi a primeira etapa do Mundial de Motocross MX1 / MX2 2011

1ª Etapa – 10 de abril – Sevlievo / Bulgária

Compartilhe este conteúdo

Comentários

paulista disse:

juliano pires, nao to ” colocando pilha” seu idiota, leia o meu primeiro post onde eu mesmo aviso que pode ser suspeito, felizmente os meus 4 ingressos ja chegaram!

Jorge, vc podia confirmar isso para denunciar!!!

E esta cara (paulista) pondo pilha, sei não????

Boa tarde! pra falar a verdade estou achando este site da ingresso facil meio suspeito galera, ninguem se pronunciou, a honda o carlinhos?? o preço mais barato, o desenho da pista que continua o mesmo?? a arquibacanda vip é a mesma dos pilotos( muito pequena para um mundial) olho vivo galera, não fique passando numero de cartão assin não, um abraço.

Paulista disse:

é galera felizmente eu acertei em comprar os ingressos no tal site, agora só resta chingar o organizador e sei la mais quem, pois quem comprou comprou, quem nao comprou vai de arquibancada no mato ou pela reprise que vai passar em 2012 hehehheheheh

Fabinho#974 disse:

Tentei comprar logo de manha… e nada do site ingresso facil funcionar
…Comnplicado

Paulista disse:

É galera, quem comprou comprou, pois ja acabaram os ingressos da Vip de 100 reais, agora quem quiser ir assistir vai ter que comprar as de 30 reais mesmo… Tem que mandar um parabens para o romagnolli pela atençao com as pessoas interessadas em assistir o mundial de motocross.

Heliton disse:

Ah.. Agora que vi a foto na materia.. provavelmente deve ter uma área vip da Monster… assim como ja teve da Bracco, RedBull… Só falta saber por quanto e onde é que vao vender isso..

Heliton disse:

Jorge – Acha que existe a possibilidade de só ter essas duas categorias de ingresso pra vender – Arquibancada Normal e Arquibancada Coberta? Sem as áreas comuns de paddock ou vip com buffet e bebida.. etc etc?

Renato Dalzochio Jr disse:

Valeu pelos elogios Silvio! Mas isso tbm eh fruto de ter trabalhado alguns anos com vc e o Jorge, experiencia de ambos fez bem para o meu trabalho d colunista hj hehehe!

Abraco!

Jorge Soares disse:

Twitter: mundocross
Oi Gui !!

Olha, eu não recebi nenhuma confirmação nem da RM Events e nem da VipComm que é a assessoria de imprensa do GP Brasil de Motocross sobre a venda de ingressos pelo Ingresso Fácil, por isto eu não me comprometo em dizer que é o oficial este site de vendas.

Tempos atrás uma pessoa da Romagnholi Eventos me informou que iriam fazer um site do GP Brasil de MX e teria venda de ingressos pelo site, mas até agora não informaram se tem este site no ar !!!

O pessoal da organização do GP Brasil tá mais perdido que cego em tiroteio.

Pelo q sei a pista já está reformulada, e aí fica a pergunta, e p q a assessoria de imprensa não divulga fotos do novo formato da pista de Indaiatuba ?????????

Falowww

Jorge

Paulista disse:

Ja comprei o meu!

gui disse:

Vi no site do Ingresso Facil também que está disponível a venda.
Jorge, poderia nos posicionar os leitores a respeito da compra, se somente este site está vendendo mesmo..

Grato

Paulista disse:

Esta aberta a venda dos ingressos para a etapa do mundial de motocross em indaiatuba no site http://www.ingressofacil.com.br, com valores de R$30 para arquibancada, e de R$ 100 para arquibancada vip. Espero que nao seja picaretagem deste site de venda de ingressos, pois nao confirmei nada com o pessoal da organizaçao do evento. Espero ter ajudado galera. Abrasssss

Sílvio Bilhar disse:

Meu parabéns pela reportagem do Mundial, isso torna nossa etapa em Indaiatuba (22/05) bem mais atraente até porque vem logo após os EUA, um reduto do cross mundial. O Renato está a cada dia se superando. Parabéns novamente.

O Townley terminou em qual posição no geral?

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly