Hot News Mundocross #18

Por Jorge Soares | Fotos por Divulgação | 04 de maio de 2011 - 8:03

Hot News Mundocross, o tópico semanal do site Mundocross que tem notícias quentes para você, que gosta de estar por dentro das últimas do Mundo do Cross. Em edições semanais, o Hot News reúne várias informações do mundo Off-Road, principalmente, Motocross e Supercross, além de Arenacross, Cross Country e Rally Cross.

Agora para você o Hot News Mundocross #18

Ariel Müller passará por cirurgia
O gaúcho Ariel Müller, piloto patrocinado por MSR / Ramarim / Utopia / Pro Race Suspensões, entrou em contato com o Mundocross nesta terça-feira para informar que terá que se submeter a uma cirurgia para tratar uma lesão sofrida na primeira etapa do Gaúcho de Motocross no dia 13 de março em Marau. Ariel comentou o seguinte sobre sua tentativa de recuperação natural, e a decisão sobre a cirurgia: “não conseguirei andar a etapa do Brasileiro de Motocross em Carlos Barbosa neste final de semana. Ainda estou me recuperando de uma lesão no ombro e tentei andar o campeonato Gaúcho no último final de semana em Três de Maio, mas não consegui. Então vou acabar operando o ombro, e devo ficar afastado das competiçoes por cerca de dois meses”, comentou Ariel Müller numa declaração para o site Mundocross.

Em agosto tem Motocross em Campestre
No mês de agosto será realizado um Mega Evento em Minas Gerais, o maior e melhor Motocross do sul de Minas: o 8º Motocross Freestyle, o Motocross do Centenário de Campestre-Minas Gerais, nos dias 13 e 14 de agosto, na Mega Pista (Sitio Pinhalzinho). O Motocross de Campestre, a cada ano vem crescendo muito, seja na estrutura, na participação de pilotos e público. E a oitava edição terá muitas novidades: A cronometragem será feita por uma das mais renomadas equipes, a Asfalto Zero, e uma grande estrutura será montada com Camarote Open Bar.
Em breve as categorias e o valor da premiação.
Contato: (35) 9812.1891
E-mail: [email protected]
MSN: [email protected]
Imagem de Amostra do You Tube


Stedile venceu Paranaense de VX em Balsa Nova
Paulo Stedile levou a melhor na disputa da segunda etapa do campeonato Paranaense de Velocross, realizada neste fim de semana, dias 30 de abril e 1° de maio, na cidade de Balsa Nova. O piloto foi o mais rápido na categoria VX1 e abriu vantagem na liderança da classificação. Após largar em segundo, atrás de Jeison Scheidt, o competidor partiu para o ataque. Ainda na primeira volta, Stedile assumiu a ponta e disparou, encerrando a prova 56 segundos a frente do segundo colocado, Rodrigo Taborda. Jeison acabou em terceiro, Lui Fietz foi o quarto e Luzenir Cardoso Filho o quinto. “Foi uma prova tranqüila, consegui fazer uma boa largada e imprimi um ritmo forte. Gosto muito de correr aqui, mais uma vez deu tudo certo. Agora são duas vitórias na tabela, estou feliz com o resultado. Espero manter o ritmo”, afirmou o piloto que representa a Pro Tork / 2B / Kawasaki Racing.

Marlon Olsen estará em ação no Brasileiro em Barbosa
O paranaense Marlon Olsen, que está voltando a correr no Motocross neste ano, esteve em Paulínia no último final de semana, mas não para correr e sim para atuar frente a Associação Brasileira de Pilotos de Motociclismo – ABPMX, entidade da qual é diretor. Perguntado pelo Mundocross porque não correu em Paulínia, já que estava no evento, Marlon respondeu o seguinte : “no regulamento da Superliga, para andar na MX4 precisa ter 40 anos completos, e eu completo 40 somente em outubro, por isto não andei. Mas vou andar neste final de semana em Carlos Barbosa. Abraço !”

Vídeo do costa-riquenho Roberto Castro
Confira aqui no Mundocross o vídeo do piloto costa-riquenho Roberto Castro, várias vezes campeão Latino Americano de Motocross (clique aqui e confira entrevista de Roberto Castro aqui no Mundocross) falando sobre a sua experiência com os equipamentos Thor.
Imagem de Amostra do You Tube


Balbi permanece na liderança da Superliga de MX
Disputas acirradas e muita emoção na segunda etapa da Superliga Brasil de Motocross, realizada neste fim de semana, dias 30 de abril e 1° de maio, em Paulínia, São Paulo. Jorge Balbi Júnior foi um dos destaques do evento, mantendo a liderança da categoria MX Pró para a Pro Tork / 2B / Kawasaki Racing. Após uma largada ruim na primeira bateria, o piloto buscou a recuperação e pouco tempo depois já ultrapassava o terceiro colocado, João Marronzinho Júnior. Balbi partiu para cima de Roberto Castro, mas caiu ao ser atrapalhado por um retardatário, perdendo sua posição. Mais uma vez, o mineiro deixou Marronzinho para trás, terminando a prova em terceiro. Na corrida seguinte, Balbi largou bem e logo assumiu a ponta após um erro de Leandro Silva. O mau tempo marcou a bateria, com muita chuva e lama, a prova teve que ser interrompida, faltando cerca de cinco minutos para o seu fim. Balbi soube administrar a posição e conquistou sua segunda vitória na competição, garantindo o primeiro lugar na classificação. “Não fui tão bem quanto gostaria na primeira bateria, cometi erros e, como a duração é curta, não tive tempo para me recuperar. Já na segunda, estava determinado e consegui me sair bem. A Superliga não tem favoritos e acredito que a briga vai ser boa até o fim da temporada. As vezes nem tudo sai como a gente quer, mas o importante é somar pontos pensando no campeonato”, explicou Balbi.

Chumbinho foi o melhor na MX4 em Paulínia
A Pro Tork / 2B / Kawasaki Racing ainda foi a mais rápida na categoria MX4, com o catarinense Milton ‘Chumbinho’ Becker. O piloto disparou na frente e venceu a corrida com tranquilidade, mantendo-se invicto. “Comecei o ano muito bem, estou fazendo um ótimo trabalho com a equipe e os resultados estão aparecendo. Espero conquistar o título”, afirmou. Já na MX3, Davis Guimarães garantiu a segunda posição. O paranaense travou uma bela disputa com Massoud Nassar, tentou a ultrapassagem algumas vezes, mas não obteve êxito. “Larguei na frente, porém, cometi algumas falhas. Acabei perdendo para mim, mas o Massoud também andou muito bem. Ficamos empatados em número de pontos na liderança da classificação”, explicou Davis.

Caselani surpreendeu em Ilha Comprida
A estratégia de Gregório Caselani para a segunda etapa do campeonato Brasileiro de Rally Baja 2011 deu certo. O piloto não só venceu o prólogo, como também foi o melhor na categoria Production 250 e o quinto mais rápido na Geral. A competição foi realizada neste fim de semana, dias 30 de abril e 1° de maio, na cidade paulista de Ilha Comprida. O evento teve início no sábado com a disputa do prólogo, que definiu a ordem de largada. Apenas oito competidores passaram da fase classificatória para um mata-mata. Após uma queda, Gregório garantiu seu lugar por décimos de segundo. Na final, o piloto patrocinado pela Pro Tork surpreendeu a todos com sua moto 250cc e conquistou o primeiro lugar, superando os favoritos. No domingo, a chuva e a maré alta adiaram em meia hora a largada. Gregório partiu confiante para a corrida, mas sofreu durante toda a prova com a potência de sua moto. O consumo de combustível foi outra preocupação do atleta, já que seu tanque era menor em relação a maioria dos concorrentes. Apesar disto, o gaúcho manteve a tranquilidade, garantindo uma brilhante vitória em sua classe. “Com o terreno arenoso e muitas retas, o motor falou alto nesta etapa. Fiquei bastante preocupado com a gasolina, mas consegui fazer duas voltas rápidas, com apenas um abastecimento no meio da especial. Fiz um planejamento e deu tudo certo. Estou feliz com o meu desempenho, principalmente com o quinto lugar na Geral, resultado este nunca antes conquistado por uma moto de 250”, exaltou. A próxima etapa do campeonato Brasileiro de Rally Baja será realizada nos dias 2 e 3 de julho, em Botucatú, interior de São Paulo. Gregório se prepara para o evento e espera manter a liderança na categoria Production 250, alcançando mais um primeiro lugar. Mais informações no site da Confederação Brasileira de Motociclismo: www.cbm.esp.br

Gregório Caselani está estreando no Rally Baja em 2011

Gregório Caselani está estreando no Rally Baja em 2011

Pro Tork fará ação promocional na segunda etapa do Brasileiro de MX
Após o sucesso da ação promocional da Pro Tork na abertura do Brasileiro de Motocross, a marca confirmou presença na segunda etapa do campeonato, que será realizada neste fim de semana, dias 7 e 8 de abril, em Carlos Barbosa. Pilotos e público poderão conferir as últimas novidades nas linhas off-road e casual. Uma oportunidade única de adquirir botas, capacetes, óculos, conjuntos, luvas, camisetas, bermudas, além de uma série de outros produtos da maior fábrica de motopeças da América Latina. A empresa paranaense, que também patrocina a competição, convida o público a prestigiar o evento e torcer por sua equipe. Feras como Jorge Balbi Júnior, Davis Guimarães e Milton ‘Chumbinho’ Becker representarão a Pro Tork / 2B / Kawasaki Racing na pista.

Duda e Gabriel venceram em Três de Maio
Douglas Parise venceu a categoria MX1 na segunda etapa do Rinaldi Gaúcho de Motocross disputada no fim de semana, 1º de maio, na cidade de Três de Maio. Parise também conquistou o segundo lugar na MX Gold, e Gabriel Della Flora, que recebe o apoio da Rinaldi, venceu a categoria 65. A vitória do piloto patrocinado pela Rinaldi na categoria MX1 comprovou o favoritismo de Parise para a conquista do título em 2011.  O resultado na MX Gold também o mantém na briga pelo título, já que Parise venceu a categoria na abertura do campeonato. “A corrida foi muito boa, principalmente porque pude avaliar o acerto da moto. Sei que eu poderia ter vencido também na MX Gold, mas fiz uma largada ruim e a pista estava difícil de ultrapassar”, diz Parise. “No contexto geral, a etapa do Gaúcho foi muito bom, mas agora é focar no Brasileiro, na semana que vem”, completa. No próximo fim de semana, 7 e 8 de maio, Duda Parise e Gabriel Della Flora disputam a segunda etapa do Brasileiro de Motocross em Carlos Barbosa, Rio Grande do Sul. Já a próxima etapa do Rinaldi Gaúcho de Motocross será realizada em Venâncio Aires, no dia 29 de maio.

Pilotos da Pro Tork correrão no Paraguaio de MX neste domingo
A Pro Tork / 2B / Kawasaki Racing é presença confirmada na segunda etapa do campeonato Paraguaio de Motocross 2011, que será realizada neste fim de semana, dias 7 e 8 de maio, em Campo 9. Adrián Cantero e Nico Rocha defenderão o time na competição. Adrián lidera a categoria MX1 e pretende manter a posição na classificação. O atual campeão espera conquistar seu 16° título nacional nesta temporada e segue confiante em busca de mais uma vitória. Nico tem a mesma intenção do colega de equipe, defender o título e continuar no topo da tabela, só que na classe MX3. Além disso, o paranaense espera melhorar o desempenho na MX1, onde é o quarto colocado.

Ratinho estará em ação no Brasileiro de MX em Carlos Barbosa

Ratinho estará em ação no Brasileiro de MX em Carlos Barbosa

Frase da semana
“Por mais escura e longa que seja a noite, o sol sempre volta a brilhar.”

Hot News Mundocross by Jorge Soares

Colaboração:
Assessoria Imprensa Pro Tork
Broop Comunicação

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Paulista disse:

Chegaram os meus ingressos, depois de eu conseguir um telefone de uma pessoa do sac. A pista nunca teve muito espaço para arquibancadas, e pelo jeito nao conseguiram colocar mais locais mesmo, pois serao muito poucos ingressos, alias….ja acabaram pelo que vi hj no site.

VOLNEY LIMA disse:

Paulista, será que seu ingresso chega? Como assim pista sem estrutura?
Sobre a pista vc sabe alguma coisa?
Valeu

Paulista disse:

Volney, em uma outra pagina aqui no mundocross eu divulguei que o site http://www.ingressofacil.com.br estava vendendo os ingressos para o mundial, parece que nao confirmaram a minha informaçao, mas de qualquer forma realizei a minha compra no dia 26 de abril, e escolhi o tipo de entrega, para entregarem em minha residencia, mas ate o presente momento nao recebi, liguei para eles e disseram ter um problema na impressao, mas que estara postado ate quinta feira. Pista sem estrutura pra receber muito publico e empresa que arrumaram pra venda de ingressos é enrolada… esse mundial promete!

VOLNEY LIMA disse:

A etapa do Mundial de Motocross está quase chegando e tudo está muito quieto, não vejo quase nada de divulgação do evento; não vi falar nada sobre o trabalho de reforma da pista de Indaiatuba, vendas de ingressos, programação do evento,ou seja esta uma calmaria só; muitos criticaram a prova do ano passado pelo fato de ter sido em CAMPO GRANDE-MATO GROSSO DO SUL, mas uma coisa eu digo, em termos de divulgação foi bem melhor que a atual, uns 45 dias antes da prova tinha chamadas diárias sobre a prova nos canais de tv locais e jornais diários do estado; até por não ser num grande centro á estrutura foi nota 8,5 + ou -, com um mês de antecedência a pista ficou pronta praticamente, diga-se de passagem ficou uma bela pista, pelo local escolhido ser quase que plano os construtores de pista da You Stream fizeram mágica. Pista esta elogiada pela grande maioria dos pilotos participantes; agora que a organização esta a cargo do Sr. Carlinhos Romagnoli (parceiro da Honda) e num grande centro, cadê noticias e informações sobre esta prova?

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly