AMA Motocross 2011 – 4ª etapa – Budds Creek

Por Renato Dalzochio Jr. | Fotos por Steve Giberson | 19 de junho de 2011 - 22:39

O AMA Motocross prosseguiu neste sábado, 18 de junho, com a quarta etapa da temporada 2011, disputada no tradicional circuito de Budds Creek, na cidade de Mechanicsville, no Estado de Maryland. Circuito este que recebeu o Motocross das Nações em 2007.

Se o campeonato terminasse hoje, ou se as coisas se mantiveram assim até o final, serão dois campeões ‘estrangeiros’, já que o australiano Chad Reed e o sul-africano Tyla Rattray venceram o overall das categorias 450 e 250 respectivamente, e se mantiveram na liderança do campeonato. Confira como foi…

Budds Creek recebeu a quarta etapa do AMA Motocross 2011

Budds Creek recebeu a quarta etapa do AMA Motocross 2011

Categoria 450

Na largada da primeira bateria, o australiano Chad Reed, da equipe privada Bel Ray / Shift / Two Two Motorsports / Honda, atual líder do campeonato, fez o holeshot e saiu na frente, mas antes de completar a primeira volta foi superado por Mike Alessi, piloto da equipe oficial KTM. Porém, pouco tempo foi o suficiente para que Ryan Villopoto, da equipe oficial Monster Energy / Kawasaki (que venceu o AMA Supercross deste ano) assumir a liderança, despachando Reed e Alessi.

Largada da primeira bateria da categoria 450

Largada da primeira bateria da categoria 450

Mike Alessi e Chad Reed

Mike Alessi e Chad Reed

Joshua Grant

Joshua Grant

Reed também perderia a segunda posição para o atual campeão Ryan Dungey, da equipe oficial Rockstar / Makita / Suzuki. Como manda o regulamento, esta bateria teve duração de 30 minutos mais duas voltas. Villopoto cometeu um pequeno erro uma curva, o que permitiu uma leve aproximação de Dungey, mas nada que colocasse em risco sua liderança.

Tommy Hahn

Tommy Hahn

Ryan Villopoto

Ryan Villopoto

Jake Weimer

Jake Weimer

Após 17 voltas, Villopoto garantiu a vitória, com Dungey em segundo e Reed em terceiro. Kevin Windham (que pertence a equipe semi-oficial Geico Powersports / Honda, mas está substituindo Trey Canard na equipe oficial Red Bull / Honda) foi o quarto, e Alessi o quinto.

Brett Metcalfe

Brett Metcalfe

Kevin Windham

Kevin Windham

Ryan Dungey

Ryan Dungey

Na largada da segunda bateria, Alessi faz o holeshot e sai na frente, seguido por Reed em segundo, Dungey em terceiro e Villopoto em quarto. Alessi lidera até a sexta volta, quando não suporta a pressão de Reed e Dungey, e acabando cedendo a ultrapassagem para os dois, com Reed em primeiro e Dungey em segundo. Pouco depois, Alessi também perderia a terceira posição para Villopoto.

Largada da segunda bateria da categoria 450 em Budds Creek

Largada da segunda bateria da categoria 450 em Budds Creek

Andrew Short

Andrew Short

Novamente após 17 voltas, Reed garante a vitória, com Dungey em segundo e Villopoto em terceiro. Windham é novamente o quarto e Alessi o quinto. Reed e Villopoto fizeram resultados iguais, mas no primeiro critério de desempate, onde pesa mais o resultado da segunda bateria, o australiano levou a melhor, ficando também com a vitória no overall. Villopoto foi o segundo e Dungey completou o pódio na terceira posição.

David Millsaps

David Millsaps

Christian Craig

Christian Craig

Windham foi o quarto e Alessi completou os cinco primeiros. Na classificação do campeonato, Reed manteve os 15 pontos de vantagem na liderança em relação à Villopoto. Dungey é o terceiro, Davi Millsaps da equipe oficial Muscle Milk / Toyota / JGMXR / Yamaha o quarto, e o australiano Brett Metcalfe, companheiro de equipe de Dungey, fecha os cinco primeiros.

Resultado da quarta etapa na categoria 450
1. Chad Reed (Honda) 3-1
2. Ryan Villopoto (Kawasaki) 1-3
3. Ryan Dungey (Suzuki) 2-2
4. Kevin Windham (Honda) 4-4
5. Mike Alessi (KTM) 5-5
6. Brett Metcalfe (Suzuki) 6-6
7. Davi Millsaps (Yamaha) 7-9
8. Jake Weimer (Kawasaki) 10-7
9. Andrew Short (KTM) 9-8
10. Josh Grant (Honda) 8-10
11. Ricky Dietrich (Yamaha) 11-11
12. Christian Craig (Honda) 13-12
13. Mike Brown (KTM) 12-13
14. Ben LaMay (Yamaha) 17-15
15. Les Smith (Yamaha) 16-16
16. Nick Wey (Yamaha) 15-19
17. Fredrik Noren (Honda) 21-14
18. Lowell Spangler (Honda) 18-17
19. Michael Byrne (Suzuki) 14-23
20. Travis Sewell (Yamaha) 20-18
21. Kyle Chisholm (Yamaha) 19-37
22. Vince Friese (Yamaha) 34-20
23. Kevin Rookstool (KTM) 23-22
24. Ronnie Stewart (Suzuki) 27-24
25. AJ Catanzaro (Yamaha) 25-26
26. Dean Porter (Suzuki) 24-28
27. Calle Aspegren (Honda) 28-25
28. Evgeny Mikhaylov (Suzuki) 26-27
29. Kyle Partridge (Yamaha) 22-32
30. Heath Harrison (Honda) 38-21
31. Michael Sottile (Honda) 30-30
32. Garret Toth (Yamaha) 31-31
33. Michael Stryker (KTM) 29-36
34. Dakota Kessler (Yamaha) 32-34
35. Jacob Morrison (Honda) 39-29
36. Kyle Keylon (Kawasaki) 35-33
37. Mitch Dougherty (Honda) 33-35
38. Shane Sewell (Yamaha) 36-38
39. Tommy Hahn (Yamaha) 36-38
40. Weston Peick (Kawasaki) 40-40

Classificação da categoria 450 após quatro etapas
1. Chad Reed – 183 pontos (3 vitórias)
2. Ryan Villopoto – 168 (1 vitória)
3. Ryan Dungey – 155
4. Davi Millsaps – 130
5. Brett Metcalfe – 118
6. Kevin Windham – 112
7. Jake Weimer – 93
8. Ricky Dietrich – 92
9. Christian Craig – 76
10. Andrew Short – 75 pontos

Categoria 250

Na categoria 250cc, nada de grandes emoções. Na primeira bateria o escocês, que também tem cidadania canadense, Dean Wilson, da equipe Monster / Pro Circuit / Kawasaki, fez o holeshot e disparou na frente, liderando a corrida de ponta a ponta, garantindo a vitória com tranquilidade após 16 voltas de bateria.

30 segundos para largada da primeira bateria da 250 em Budds Creek

30 segundos para largada da primeira bateria da 250 em Budds Creek

Largada da primeira bateria da categoria 250

Largada da primeira bateria da categoria 250

Kyle Cunningham e Dean Wilson

Kyle Cunningham e Dean Wilson

Na sequencia dois companheiros de equipe, o sul-africano Tyla Rattray, atual líder do campeonato, finalizou em segundo, e Broc Tickle (que conquistou o AMA Supercross deste ano na categoria Lites costa Oeste) foi o terceiro. Kyle Cunningham da equipe DNA Shred Stixs / Star Racing / Yamaha foi o quarto, e Elic Tomac da equipe Geico Powersports / Honda finalizou em quinto.

Dean Wilson

Dean Wilson

Tyla Rattray

Tyla Rattray

Malcolm Stewart

Malcolm Stewart

Na segunda bateria, o filme se repetiu, só que desta vez o protagonista principal foi Rattray, que fez o holeshot na largada, saiu na frente e liderou de ponta a ponta as16 voltas da corrida, garantindo a vitória com tranquilidade. Justin Barcia da equipe Geico Powersports / Honda finalizou na segunda posição, com 10 segundos de desvantagem.

Largada da segunda bateria da categoria 250 em Budds Creek

Largada da segunda bateria da categoria 250 em Budds Creek

Gareth Swanepoel, Tyla Rattray e Blake Baggett

Gareth Swanepoel, Tyla Rattray e Blake Baggett

Wilson finalizou em terceiro. O sul-africano Gareth Swanepoel, da equipe DNA Shred Stix / Star Racing / Yamaha foi o quarto, e Tomac novamente o quinto. No overall, vitória de Rattray, com Wilson em segundo e Barcia completando o pódio na terceira posição. Tomac foi o quarto e Tickle completou os cinco primeiros.

Matt Lemoine e Eli Tomac

Matt Lemoine e Eli Tomac

Pódio da categoria 250 em Budds Creek

Pódio da categoria 250 em Budds Creek

No campeonato, Rattray aumentou de 2 para 4 pontos sua vantagem em relação a Wilson. Blake Baggett, companheiro de equipe dos dois é o terceiro, Tomac o quarto e Barcia fecha os cinco primeiros.

Resultado da quarta etapa na categoria 250
1. Tyla Rattray (Kawasaki) 2-1
2. Dean Wilson (Kawasaki) 1-3
3. Justin Barcia (Honda) 6-2
4. Eli Tomac (Honda) 5-5
5. Broc Tickle (Kawasaki) 3-9
6. Gareth Swanepoel (Yamaha) 9-4
7. Blake Baggett (Kawasaki) 7-7
8. Kyle Cunningham (Yamaha) 4-15
9. Martin Davalos (Suzuki) 10-10
10. Nico Izzi (Honda) 8-13
11. Malcolm Stewart (Suzuki) 16-6
12. Gannon Audette (Yamaha) 12-11
13. Alex Martin (Honda) 15-12
14. Darryn Durham (Honda) 37-8
15. Nick Paluzzi (Suzuki) 14-16
16. Austin Howell (Suzuki) 13-17
17. Travis Baker (Honda) 11-34
18. Lance Vincent (Honda) 19-14
19. Cole Seely (Honda) 17-25
20. Taylor Futrell (Honda) 27-18
21. Killy Rusk (KTM) 20-19
22. Matt Lemoine (Kawasaki) 18-35
23. Joshua Clark (Honda) 22-20
24. Ricky Renner (KTM) 23-22
25. Tony Archer (Suzuki) 24-23
26. Joey Rossi (Yamaha) 29-21
27. Gared Steinke (Kawasaki) 25-31
28. Levi Kilbarger (Honda) 33-24
29. Ryan Zimmer (Honda) 31-26
30. Justin Sipes (Kawasaki) 21-36
31. Preston Mull (Honda) 32-28
32. Alexander Millican (Yamaha) 30-30
33. Hunter Clements (Honda) 28-32
34. Willy Browning (Honda) 34-27
35. Dakota Tedder (Kawasaki) 26-39
36. Johnny Moore (Honda) 38-29
37. Ozzy Barbaree (Suzuki) 35-33
38. Chad Gores (Honda) 36-38
39. Jason Anderson (Suzuki) 39-37
40. Shawn Rife (Honda) 40-40

Classificação da categoria 250 após quatro etapas
1. Tyla Rattray – 174 pontos (2 vitórias)
2. Dean Wilson – 170
3. Blake Baggett – 144 (2 vitórias)
4. Eli Tomac – 136
5. Justin Barcia – 116
6. Kyle Cunningham – 114
7. Broc Tickle – 99
8. Gareth Swanepoel – 91
9. Martin Davalos – 75
10. Cole Seely – 72 pontos

Calendário do AMA Motocross 2011
5ª Etapa – 25 de Junho – Thunder Valley MX – Lakewood (Colorado)
6ª Etapa – 2 de Julho – Red Bud – Buchanan (Michigan)
7ª Etapa – 16 de Julho – Spring Creek MX – Millville (Minnesota)
8ª Etapa – 23 de Julho – Washougal MX Park – Washougal (Washington)
9ª Etapa – 13 de Agosto – Unadilla Valley – New Berlin (New York)
10ª Etapa – 27 de Agosto – Motocross 338 – Southwick (Massachusetts)
11ª Etapa – 3 de Setembro – Steel City Raceway – Delmont (Pensilvânia)
12ª Etapa – 10 de Setembro – Pala Raceway – Pala (Califórnia)

Calendário do WMX Motocross 2011
3ª Etapa – 25 de Junho – Thunder Valley MX – Lakewood (Colorado)
4ª Etapa – 2 de Julho – Red Bud – Buchanan (Michigan)
5ª Etapa – 16 de Julho – Spring Creek MX – Millville (Minnesota)
6ª Etapa – 27 de Agosto – Motocross 338 – Southwick (Massachusetts)
7ª Etapa – 3 de Setembro – Steel City Raceway – Delmont (Pensilvânia)
8ª Etapa – 10 de Setembro – Pala Raceway – Pala (Califórnia)

Confira como foram as primeiras etapas do AMA Motocross 2011

3ª Etapa – 11 de junho – High Point / Pensilvânia
2ª Etapa – 28 de maio – Freestone / Texas
1ª Etapa – 21 de maio – Hangtown / Califórnia

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly