Swian Zanoni sofreu uma fratura no GP da Letônia

Por Divulgação | Foto por Divulgação | 19 de julho de 2011 - 18:37

Swian Zanoni sofreu uma queda e quebrou o rádio direito (osso do antebraço) durante a disputa da segunda bateria da MX2, no GP da Letônia, 10ª etapa do campeonato Mundial de Motocross 2011, realizada neste último domingo, 17 de julho, na cidade de Kegums.

O piloto da equipe oficial Honda Brazil / Mobil estava na sua melhor corrida de toda a temporada quando sofreu o acidente. “Vinha na 17ª posição e peguei uma canaleta na última costela da pista. Faltavam poucas voltas para o final da bateria”, contou Swian que estava prestes a marcar os primeiros pontos na competição.

Na primeira corrida da MX2, Swian terminou na 21ª colocação, uma posição abaixo da zona de pontuação. “Estava gostando muito da prova, a pista estava boa e consegui me adaptar. Infelizmente tive essa queda e essa fratura”, lamentou Swian, que está no caminho de volta à Itália, local onde mora. “Chegando lá, vou me consultar com um especialista e provavelmente ser submetido a uma ressonância para saber o tempo de tratamento”, finalizou o representante do Brasil no Mundial de Motocross.

Swian Zanoni acabou se lesionando no GP da Letônia

Swian Zanoni acabou se lesionando no GP da Letônia

Compartilhe este conteúdo

Comentários

lucas dornelas disse:

e swian chegou sua ves de ir embora com deus ne

mas vc sempre sera o meu melhor piloto do brasil
eu sempre serei seu grando fã

Nelson Franco disse:

no naçoes e uma outra coisa .e se nao fose obalbi o brasil nao tinha classificado

Diego Gomes disse:

Twitter: Bezerra
Este comentário não foi publicado pelo fato do autor não ter respondido o e-mail de confirmação enviado pelo site Mundocross ao endereço de e-mail informado pelo autor no momento do comentário.

Tenha seus comentários publicados normalmente, bastando para isto que você informe seu nome completo e um endereço de e-mail válido para que você possa responder quando lhe for enviada uma mensagem para confirmar as informações. Lembrando que não serão aceitos comentários que contenham palavras de baixo calão ou ofensas.

Douglas Gobbi disse:

Eu disse: “UM DOS MELHORES”. só isso!

Wesley Carlos #33 disse:

e isso ai Zanoni , voce foi la e pois cara com eles , e agora , quem vai por cara com os gringo hein !!!!

Murilo 'Gyn' Pereira Vieira disse:

Sim, mas quando balbi correu o motocross das naçoes ele tinha sim moto oficial honda. So nao tinha moto oficial nos seus 4 anos fora treinando nos EUA.

Nelson Franco disse:

o murilo to falando quando ele ta va la fora morando ele e max sozinho se vc nao sabe .em uma corrida do ama eu ta la vi a moto do balbi fundiu e nao tinha motor pra ele correr o pessoal reuniu e compro um motor original e ele correu presta atençao falo valeu

Murilo 'Gyn' Pereira Vieira disse:

P/ Nelson
Balbi nunca teve uma moto oficial? Podemos dizer que ele é um dos unicos que teve moto pro desde o inicio, quando saiu do team honda ele so nao continuou com o rotulo oficial mas as peças vc pode ter certeza que é igual ou melhor que as oficiais

Roberto Cardoso (Betinho e Bebé # 51) disse:

Swian siga firme e forte com toda dedicacao que vc tem, mais uma zebrinha no seu trajeto, mas temos certeza que vc tira de letra.
Continue focado ai que continuamos todos torcendo por ti aqui.
Seus amigos do Sul…………………..

Nelson Franco disse:

Douglas para meu e um otimo piloto.com nivel muito bom .mais me descupe o melhor piloto do brasil e o balbi e o unico com nivel para andar com os caras la fora etem mais o balbi nuca olha NUNCA teve uma moto oficial para andar so cacareco perto das moto dos cara .entao bom piloto swian sim e por sinal UMA OTIMA PESSOA POR SINAL .MAIS O MELHOR E BALBI LONGE.

Douglas Gobbi disse:

Rapaz, é um período de aprendizado e é bom para que os outro pilotos vejam o quanto é difícil uma prova de nível internacional. Swian que é um dos melhores do Brasil está de parabéns pela coragem de enfrentar esse desafio. É fácil ficar de fora tecendo críticas ridículas, mas a evolução depende de sacrifícios. Desejo melhoras ao Swian, e que quando ele subir numa moto para correr aqui no brasil que mostre aos outros pilotos o quanto foi válida a experiência.

Twitter: claudiodamata38
Força Zanoni, estou acompanhando todas as etapas. Você está no meio de feras, este ano será de aprendizado e adequação do ritmo necessário para o Mundial. Espero que a Honda mantenha o projeto para muitos anos, o primeiro não poderá ser avaliado, só a partir do segundo ano e com moto em condições que a equipe brasileira poderá ser avaliada em termos de resultados.

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly