Canard novamente fora do AMA Motocross

Por Renato Dalzochio Jr. | Foto por Divulgação | 27 de julho de 2011 - 8:47

É, se em 2010 ele teve uma grande temporada, em 2011 a vida de Trey Canard não está sendo nada fácil. Em 2010 ele foi campeão do AMA Motocross 250 pela equipe semi-oficial Geico / Honda, e para esta temporada ele foi contratado para ser piloto de fábrica da Honda, e passou a competir na categoria principal no AMA Supercross, e na categoria 450 no AMA Motocross.

E no último sábado, após ter voltado ao AMA Motocross na etapa de Millville, o piloto oficial Red Bull / Honda Racing acabou quebrando novamente o fêmur logo na segunda volta da segunda bateria da oitava etapa do AMA Motocross 2011, disputada no último sábado, em Washougal, no Estado de Washington.

A lesão é semelhante a que ele sofreu em abril durante o AMA Supercross 2011, sendo na mesma perna. Felizmente para ele, a lesão não foi tão complicado quanto poderia ser, mas ele ficará de fora do restante do campeonato, e ele só voltará a competir no AMA Supercross em janeiro de 2012.

Trey Canard é piloto oficial Honda nos Estados Unidos

Trey Canard é piloto oficial Honda nos Estados Unidos

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Ricardo disse:

Este comentário não foi incluído pelo fato do email informado não ser um email válido. Foi enviado um email para confirmação do autor do comentário, e não houve resposta do autor do comentário. Evite ter seus comentários excluídos informando corretamente seu nome completo e seu email.

Silas Souza disse:

Puts, gosto de ver o Canard andando, uma grande promessa pro motocross e supercross ano que vem ele e crto pela briga ao titulo e creio que ele levará…

Twitter: claudiodamata38
Senhora Honda, quem sabe esta onda de pilotos quebrados aqui e fora não seja a maldade voltando para a própria equipe. Aqui, Wellington, Leandro Silva, Marronzinho, Swian, lá fora, Josh Grant, Trey Canard, Chad Reed ( quase!!!), Eli Tomac, Warthon, Barcia, Coley Seeley, … e por aí vai. Pena que os pilotos que não tem nada a ver com isto que está recebendo o castigo……
Senhora Honda “Toda Poderosa….” seja mais modesta e saiba que incompatibilidade com patrocinadores foi uma desculpa muito fajuta !!
Aqui no Brasil, Fora Yasuda !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Vamos fazer uma campanha e ninguém comprar motos Honda !!! vamos ver se logo logo eles não mudam as estratégias !
A Honda só leva ferro no AMA Motocross e tbm no Mundial de Motocross, agora aqui no Brasil, parece que vai começar a acontecer a mesma coisa!!
Quem semeia maldade, tudo recai sobre ela !!!

Uma pena, eu tava muito feliz em ver o 41 de volta, agora só ano que vem…

duda H disse:

Este comentário não foi incluído pelo fato do email informado não ser um email válido. Foi enviado um email para confirmação do autor do comentário, e não houve resposta do autor do comentário. Evite ter seus comentários excluídos informando corretamente seu nome completo e seu email.

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly