Foto Histórica Mundocross

Por Jorge Soares | Fotos por Arquivo Nuno Narezzi | 06 de agosto de 2011 - 8:07

Confira agora nas palavras do Gilberto ‘Nuno’ Narezzi a história desta Foto Histórica : “Esta foto foi clicada no campeonato Paulista de Motocross de 1995, na cidade de Jundiaí. Este dia não foi muito bom para mim. Fiz terceiro lugar na categoria 125cc, e na categoria 250cc eu cai entre outros problemas, mas terminei em quarto lugar. A pista estava extremamente esburacada, tanto é que o maior obstáculo eram os buracos fundos e consecutivos”.

A carreira de Nuno Narezzi foi marcada por defender a bandeira da Honda. Ele sempre foi piloto Honda nos seus 18 anos de carreira. Nuno também tinha como patrocinadores a Fox / ASW / Pirelli / Mobil / DID e Starret. A temporada de 1995 foi marcada por excelentes provas no campeonato Paulista de Motocross. Havia a participação de pilotos como Eduardo Saçaki, Rogério Nogueira, Jorge Negretti, Cristiano Lopes, Rafael Ramos e Massoud Nassar entre outros pilotos do sul e de Minas Gerais que iam correr o Paulista para medir forças para o Brasileiro de Motocross.

“Fazendo um resumo das etapas da temporada de 1995, em Campos do Jordão eu venci a 125 e fiz segundo na 250. Em Jundiaí eu fiz terceiro na 125 e quarto na 250. Em Americana fiquei de fora na 125 e fiz quarto na 250. Em Itararé fiz dois primeiros lugares, um na 125 e um na 250. Já a última prova foi em Americana, o campeonato de 1995 ficou embolado até a última prova e nada definido. Na 125 estava o Negretti em primeiro e eu em segundo. O terceiro colocado era o Cristiano Lopes. Negretti estava na minha frente, mas mesmo assim na tomada de tempo nos treinos cronometrados do sábado fiz questão de fazer o primeiro tempo. Na 250 a coisa era pior ainda. Estavam Cristiano e Negretti em primeiro e eu em segundo com dois pontos atrás !! Era tudo ou nada !!! Durante 15 dias treinei muito e coloquei minha Honda CR 250 HRC em sua melhor performance”, explica Nuno.

“Treinos cronometrados, rodei mais rápido 2 segundos que Negretti e Cristiano, e o melhor, estava andando com tranquilidade. Era tudo que eu precisava era essa sobra para ter um poder de decisão ou recuperação a qualquer momento. Quem ganhasse a prova, levava o campeonato. Domingo, dia da prova, larguei em primeiro na 125, com Negretti em segundo. Andei algumas voltas em primeiro e deixei ele passar para ver onde ele estava passando. Meu objetivo não era a 125 e sim a 250. Fiquei ali até faltando 10 minutos para terminar a prova, e aí resolvi passar ele numa descida com um salto no meio da reta cheio de canaletas fundas onde vínhamos de quarta de mão cheia. Acabei surpreendido neste salto e sofri um super acidente. A moto ficou destruída e eu com uma fratura na coluna. Conclusão: fiquei de fora nas 250 !! Mesmo assim terminei o campeonato da 125 em segundo e o da 250 em terceiro. Mas minha alegria maior foi meu filho ter nascido no dia seguinte… Só alegria !!”, finalizou o 4 vezes campeão Brasileiro de Motocross.

Nuno Narezzi atualmente não corre mais de Motocross, e continua morando na cidade de Indaiatuba, no interior de São Paulo, onde é diretor das revendas de motos da família, a Pró Link Honda. Nuno Narezzi foi campeão Brasileiro de Motocross em 1992 na categoria 125, em 1993 nas categorias 125 e 250, e em 1996 na categoria 125.

Gilberto 'Nuno' Narezzi

Gilberto 'Nuno' Narezzi

Atualmente Nuno é diretor das revendas Pró Link em Indaiatuba

Atualmente Nuno é diretor das revendas Pró Link em Indaiatuba

Curta mais algumas fotos da carreira do multi-campeão Brasileiro Gilberto ‘Nuno’ Narezzi

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Álvaro Denny disse:

Nuno Que saudades, valeu ver estas fotos!!!!!

Paulo Roberto Santos disse:

HUULRUUL!

Julio Cesar de Souza disse:

jorge monta um espaço como esse de fotos antiga e pilotos todos tem curiosidade sobre onde anda os pilotos da antiga um abraçaoo !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Marquim - Ceará disse:

Ola,meu nome é Marquim sou promotor de eventos de motocross e esportes radicais aqui no Ceara, gostei muito dos videos e notícias sobre motocross.

Ronaldo - Via Motos disse:

Andava muito e tinha uma técnica como poucos……

Luciano Rocha disse:

Saldades, pena que o tempo naõ volta atrás.

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly