Balbi fez barba e cabelo no Latino MX2 em Rondônia

Por Adriano Winckler | Foto por Divulgação | 07 de agosto de 2011 - 23:48

O mineiro Jorge Balbi Jr., piloto da equipe Pro Tork / 2B / Kawasaki Racin foi o grande nome da segunda etapa do campeonato Latino Americano de Motocross MX2, disputado neste fim de semana, 6 e 7 de agosto, na cidade de Pimenta Bueno, em Rondônia. Na realidade Balbi fez barba, cabelo, bigode e costeleta, pois ele fez o melhor tempo nos treinos de sábado, o melhor tempo nos treinos cronometrados e venceu as duas baterias realizadas neste domingo, garantindo 50 pontos na classificação do campeonato. Com dois quartos lugares, o paulista Thales Vilardi foi o segundo colocado, com os mesmos 36 pontos do equatoriano Jetro Salazar, que representa o Peru na competição.

Na primeira bateria, Rodrigo Selhorst, campeão Brasileiro MX2 em 2008, largou na frente, seguido por Jetro Salazar e Balbi. Selhorst, porém não conseguiu segurar o ímpeto de Balbi, que assumiu a liderança na quinta volta e manteve-se na ponta até a bandeirada final, com 49 segundos de vantagem sobre o segundo colocado, o rondoniense Selhorst, que corria literalmente em casa, pois nasceu em Pimenta. Bueno. Salazar foi o terceiro, seguido por Vilardi e o barsileiro Carlos Eduardo Mendes Franco, em quinto.

Ao contrário do que acontecera na primeira prova, não houve chuva antes da segunda bateria, e foi aí que Balbi brilhou ainda mais. O piloto mineiro venceu de ponta a ponta, fechando com chave de ouro o fim de semana. Com quase 1 minuto 30 segundos de diferença chegou o segundo colocado na bateria, o mato-grossense Cezar Zamboni, seguido pelo venezuelano Raimundo Trasolini, atual campeão Latino Americano na MX2, Vilardi e Salazar.

Com o resultado, Jetro Salazar segue líder isolado na classificação geral do Latino Americano de Motocross MX2 2011, com 83 pontos. O equatoriano Andres Benenaula é o segundo com 74. O melhor brasileiro na disputa pelo título da temporada é o paulista Thales Vilardi, com 70 pontos.

Jorge Balbi Jr. foi o mais rápido em todo final de semana em Rondônia

Jorge Balbi Jr. foi o mais rápido em todo final de semana em Rondônia

“Foi uma prova muito difícil. A primeira bateria foi disputada no barro, então tive problemas com óculos e falta de freio durante a bateria. Caí logo no começo, saí de décimo quinto e recuperei até a quarta colocação. Na segunda bateria larguei na frente, mas logo na segunda curva bati atrás do Balbi e caí. Voltei em décimo sexto, e, quando estava em quarto, na última volta, tentei passar o Trasolini, e acabei caindo feio com a moto virando de frente. Consegui levantar e voltar ainda em quarto, e na geral fiquei feliz com o segundo lugar”, declarou Thales.

Apesar da diferença de 13 pontos para o líder, Thales ainda acredita na chance de título. “Tirei diferença para o segundo colocado, mas ainda continuo a 13 pontos do Jetro !! Ainda tenho chances de ser campeão e vou lutar muito por isso”, garantiu o piloto brasileiro. “Agradeço o apoio dos meus patrocinadores: Mega Energy, KTM, Mormaii, Motul, Pirelli, Stam, Oxtar, Vitaminade, Orbital, Mx Tech, Moto GP Race Care e Leatt Brace”, completou Vilardi.

A terceira e última etapa do campeonato Latino Americano de Motocross MX2 2011 está marcada para os dias 15 e 16 de outubro. O local será confirmado em breve pela Confederação Brasileira de Motociclismo.

Confira o resultado da segunda etapa do Latino de Motocross MX2 2011

Primeira bateria
1º – Jorge Balbi Jr. (Brasil)
2º – Rodrigo Selhorst (Brasil)
3º – Jetro Salazar (Peru)
4º – Thales VIlardi (Brasil)
5º – Carlos Eduardo Franco (Brasil)
6º – Hugo Amaral (Brasil)
7º – Felipe Espinosa (Equador)
8º – Andres Benenaula (Equador)
9º – Cezar Zamboni (Brasil)
10º – Carlos Victor (Brasil)
11º – Raimundo Trasolini (Venezuela)
12º – Jose Garcia (México)
13º – Julian Araujo (Peru)
14º – Luis Correa (Argentina)
15º – Diego Henning (Brasil)

Segunda bateria
1º – Jorge Balbi Jr. (Brasil)
2º – Cezar Zamboni (Brasil)
3º – Raimundo Trasolini (Venezuela)
4º – Thales VIlardi (Brasil)
5º – Jetro Salazar (Peru)
6º – Carlos Eduardo Franco (Brasil)
7º – Andres Benenaula (Equador)
8º – Luiz Correa (Argentina)
9º – Gabriel Gentil (Brasil)
10º – Felipe Espinosa (Equador)
11º – Julian Araujo (Peru)
12º – Victor Carlos (Brasil)
13º – Mateus Basso (Brasil)
14º – Jose Garcia (México)
15º – Marcos Vinicius (Brasil)

Resultado geral da segunda etapa do Latino de Motocross MX
1º – Jorge Balbi Jr. (Brasil) – 50 pontos
2º – Thales VIlardi (Brasil) – 36
3º – Jetro Salazar (Peru) – 36
4º – Cezar Zamboni (Brasil) – 34
5º – Carlos Eduardo Franco (Brasil) – 31
6º – Raimundo Trasolini (Venezuela) – 30
7º – Andres Benenaula (Equador) – 27
8º – Felipe Espinosa (Equador) – 25
9º – Rodrigo Selhorst (Brasil) – 22
10º – Luis Correa (Argnetina) – 20
11º – Victor Carlos (Brasil) – 20
12º – Julian Araujo (Peru) – 18
13º – Jose Garcia (México) – 16
14º – Hugo Amaral (Brasil) – 15
15º – Gabriel Gentil (Brasil) – 12 pontos

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Moacir da Silva Fausto disse:

…. nelson………. preste atencao ants de responder eu nao estou criticando o balbi eu tanbem acho acho que eo melhor piloto brasileiro …….. eu quiz dizer barbada pelo fato da a maioria dos pilotos tops estarem no erana e outros estarem quebrados ok

O Jorge Balbi mostrou que não sobrou nada da lesão do mundial. Parabéns pelas vitórias. Deixo também um valeu a garra para o Mateus Basso, nosso gauchinho lá andando com as feras e que teve uma boa participação, mesmo que seja uma 13ª posição na 2ª bateria, tem que estra lá para ver qual é, tem que colocar a cara no evento. Valeu ai.

Ronaldo 'Matimbu' disse:

bem ele ddeu volta no quinto,ese parar p pensar os comerao o leandro,scoot, etc rsrs…ou seja balbi e o melhor latino dos ultimos tempos!na verdade a pista era que nem de ama rsrs dai ja era so balbito!

Murilo 'Gyn' P. Vieira disse:

Grande corrida e parabens ao Balbi que mostra a cada corrida que é um grande piloto. Tem gente que ainda fala que era pra dar uma volta nos concorrentes?..Nem em corridas amadoras se ve isso…Vencer é vencer, nao importa a distancia.Parabens novamente o Balbi

Nelson Franco disse:

sempre tem gente com inveja é brincadeira .

Moacir da Silva Fausto disse:

convenhamos o balbi pegou uma barbada era corrida pra ele meter no minimo uma volta nos concorrentes

Luciano Rocha disse:

Muito legal ver o Balbi vencer.

Otavio Giacomet disse:

Valeu Zamboni, representando MT mto bem parabens

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly