Programação do Brasileiro de Motocross em Anchieta

Por Divulgação | Foto por Divulgação | 18 de agosto de 2011 - 14:26

Com o Pro Tork Brasileiro de Motocross próximo de sua fase final, os pilotos estão de olho nos valiosos pontos que estarão em jogo na quarta etapa, em Anchieta, no Espírito Santo. Os treinos cronometrados estão marcados para este sábado, sendo que no domingo, 21 de agosto, haverá corridas das categorias MX1, MX2, MX3, MX4, 65, 85 e 230. Confira a programação completa abaixo. A pista tem quase 1.600 metros e está localizada na área de eventos da cidade. O evento tem entrada franca.

Embalado pelos bons resultados da terceira etapa, quando confirmou vitória na MX2 e o segundo lugar na MX1 em Canelinha, Santa Catarina, o inglês Adam Chatfield é um dos que pretendem deslanchar na competição. Na classificação geral, ele está em quarto na categoria MX2 com 47 pontos, e em sexto na MX1 com 35, onde os respectivos líderes das classes são Eduardo ‘Dudu’ Lima com 61 pontos, e Jorge Balbi Júnior com 70.

“Vou pra etapa focando na MX2, como sempre, e espero poder ter um bom resultado pra ganhar mais pontos e me manter próximo do topo na classificação. Na MX1 vou sem responsabilidade alguma, mas não quero perder. Aliás, ninguém quer, então acredito que vamos ter uma prova muito disputada”, explicou Chatfield.

Chatfield é piloto da equipe satélite Ipiranga / IMS Racing / Honda

Chatfield é piloto da equipe satélite Ipiranga / IMS Racing / Honda

Ele treinou nos Estados Unidos nas últimas semanas. “Tive que resolver alguns problemas pessoais e aproveitei pra treinar por lá. Ouvi dizer que a pista de Anchieta é muito boa e será uma novidade pra todos, o que pode me favorecer”, concluiu. Nas outras classes, os atuais líderes são Douglas ‘Duda’ Parise (MX3), Milton ‘Chumbinho’ Becker (MX4), Marcos Moraes (230), Gustavo Henn (85) e Enzo Lopes (65).

Programação oficial do Brasileiro de Motocross em Anchieta

Sexta-feira – 19 de agosto
12:00 às 19:00 horas – Secretaria de prova e vistorias técnicas

Sábado – 20 de agosto
7:00 horas – Vistoria técnica
9:30 às 9:45 horas – Treino livre MX3
9:55 às 10:15 horas – Treino livre 230
10:25 às 10:40 horas – Treino livre 65
10:50 às 11:10 horas – Treino livre MX2
11:20 às 11:40 horas – Treino livre MX4
11:50 às 12:05 horas – Treino livre 85
12:20 às 12:40 horas – Treino livre MX1
13:40 às 13:55 horas – Treino cronometrado MX3
14:05 às 14:25 horas – Treino cronometrado 230
14:35 às 14:50 horas – Treino cronometrado 65
15:00 às 15:20 horas- Treino cronometrado MX2
15:30 às 15:50 horas – Treino cronometrado MX4
16:00 às 16:15 horas – Treino cronometrado 85
16:25 às 16:45 horas – Treino cronometrado MX1

Domingo – 21 de agosto
8:20 às 8:30 horas- Warm Up MX3
8:40 às 8:50 horas- Warm Up 230
9:00 às 9:10 horas- Warm Up 65
9:20 às 9:30 horas- Warm Up MX2
9:40 às 9:50 horas- Warm Up MX4
10:00 às 10:10 horas – Warm Up 85
10:20 às 10:30 horas – Warm Up MX1
11:00 horas – Abertura oficial
11:20 horas- Corrida MX3
12:00 horas – Corrida 230
12:50 horas- Corrida 65
13:40 horas- Corrida MX2
14:40 horas – Corrida MX4
15:30 horas – Corrida 85
16:10 horas – Corrida MX1

O Pro Tork Brasileiro de Motocross tem patrocínio de Pro Tork e Rinaldi. A quarta etapa conta com co-patrocínio da Secretaria de Esportes e Lazer do Governo do Espírito Santo e Prefeitura de Anchieta, realização da Federação Capixaba de Motociclismo – FECAM, e supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly