Vitória em Porto Velho deixa Rodrigo bem perto do título

Por FMR | Foto por Divulgação | 29 de setembro de 2011 - 11:53

iCom os mais acirrados pegas da temporada na categoria MX2, a mais forte do motociclismo de Rondônia, a pista do motodromo João do Vale, em Velho foi palco no último fim de semana da 6ª Etapa do Campeonato Estadual de Motocross 2011. Correndo para um público próximo de quatro mil pessoas, o piloto Rodrigo Selhorst # 8, líder absoluto  da temporada, voltou a ditar o ritmo da prova e venceu mais um forte duelo o companheiro de equipe Hugo Amaral # 51, ampliando assim a diferença de pontos para o vice líder e ficaram bem próximo mais uma conquista do título estadual em Rondônia.  Luis Gustavo # 6 (kids), Lucas Belém # 444 (65cc), Diego Henning # 191 (85cc), Felipe Carvalho # 112 (MX Estreantes e Força Livre Nacional), Evandro Bucioli # 27 (MX3), foram os outros vencedores da prova.

 

Podium MX2

 

Sensação da prova, pilotos da categoria Kids dão show na pista

Um das sensações a parte da corrida do último fim de semana em Porto Velho, foi a apresentação da categoria Kids, envolvendo pilotos na faixa etária dos cinco aos dez anos de idade, pilotando motos de 50cc. Das quatorze crianças que foram á pista, a disputa pela ponta mais uma vez foi acirrada entre o porto-velhense Luiz Gustavo # 6, Guilherme Machio # 103, de Pimenta Bueno e Orlando Netto # 222, da cidade de Ariquemes. Nettinho largou bem e andou na liderança por alguns voltas até perder a posição para Guilherminho, que andando forte liderou até as últimas duas voltas mas acabou superado pelo líder da categoria, Luiz Gustavo, que venceu mais uma prova entre os pequenos e aguerridos pilotos de MX. Única Mulher a competir com os meninos Gabriella Nobre # 10, de Porto Velho, completou a prova na sétima colocação.

 

 

Lucas Belém mantém ritmo e amplia liderança na 65cc

 

 

Caminhando para a conquista do bicampeonato da categoria 65cc, o vilhenense Lucar Belém # 444 mais uma vez foi soberano, mesmo não conseguindo uma boa largada, Lucas impôs um ritmo forte e venceu mais uma prova, a sexta consecutiva na temporada, isolando-se na liderança do campeonato em sua categoria. Mateus Euclides #71, de Porto Velho largou bem e assumiu a ponta, com Lucas Belém na sua cola, até ganhar a ponta e se manter até a bandeirada final. Mateus Euclides chegou na segunda posição, com Mateus Zilli # 17, de Vilhena, em terceiro, Igor Vasconcelos # 37, de Buritis na quarta posição e o pimentense Guilherme Maschio # 103 garantindo mais um pódio.

 

 

Líder absoluto, Diego Henning  passeia na pista de Porto Velho

 

 

Correndo em casa com o apoio do público local, o piloto porto-velhense Diego Henning  # 191 (Mastter Moto/Honda do Brasil/Saga Veículos/ASW/Win Academia), foi novamente o mais rápido entre os corredores da categoria 85cc, vencendo fácil a ficando bem mais próximo de garantir mais um título estadual. Conhecendo bem o traçado da pista da capital e andando num ritmo intenso, Diego largou na ponta e abriu boa vantagem para os demais, administrando a vantagem até o final da prova. Na segunda posição ficou o pequeno Lucas Belém # 444, de Vilhena, com Eduardo Alecrim # 7, de Porto Velho na terceira colocação, Valdecir Rodrigues # 8, de Ariquemes em quarto lugar e Douglas Paganini # 525, de Ouro Preto do Oeste completando o pódio.

 

 

Felipe Carvalho conquista dupla vitória na capital

 

 

Vivendo um momento de ascensão em sua promissora carreira, o jovem Felipe Carvalho # 112 Canopos Motos, de Rolim de Moura foi um dos destaques da prova do fim de semana, vencendo com folga as categorias MX Estreantes e Força Livre nacional, ampliando a sua liderança na temporada, em ambas as categorias. Contando com um número reduzido de pilotos na pista, a categoria Força Livre Nacional começou com Riderson Carlos # 80 largando na frente, mas sofrendo um capote ao saltar junto com o Fabrício Moreira # 50, de Ouro Preto do Oeste. No impacto a moro de Riberson quebrou a suspensão, facilitando a situação para o líder Felipe Carvalho, que abriu vantagem para mais uma vitória.

 

Na disputa da MX Estreantes, a disputa ficou por conta do líder Felipe Carvalho e o vice líder Walcenir “Leitão” Montes # 102, ambos da cidade de Rolim de Moura.  Felipe mostrou que está bem preparado, largando na ponta e se mantendo até a bandeirada final, com Leitão pressionando muito, mas sem conseguir superar o primeiro colocado da categoria na temporada. Bruno Bonini # 818 , de Ouro Preto do Oeste, Arthur Gabriel # 717, de Jaru e Itamar Tadeu # 77, de Cacoal completaram o pódio da prova.

 

 

Evandro Bucioli vence prova e abre vantagem na MX3

 

Depois de algumas provas sem conseguir o lugar mais alto do pódio, o líder da categoria MX3 Evandro Bucioli # 27, de Rolim de Moura voltou a vencer no último fim de semana na etapa de Porto Velho, ampliando a sua vantagem sobre os demais concorrentes. Correndo junto com os pilotos da categoria MX2, na primeira bateria Evandro largou bem e se manteve por  algum tempo no pelotão da ponta, mas perdendo a primeira posição para Flávio Brito # 35, de Mato Grosso do Sul. Na segunda bateria, novamente Evandro teve uma boa largada, porém perdeu a primeira posição para Jean Carlos # 81, de Porto Velho. Contudo, na soma geral dos pontos, com duas segunda colocações, Bucioli garantiu o primeiro lugar do pódio e viu crescer a vantagem na briga pelo título entre os pilotos  veteranos.

 

 

Na mais forte disputa do ano, Rodrigo Selhorst leva a melhor

 

Na disputa da categoria MX2, a mais forte do motociclismo de Rondônia, a prova foi das mais emocionante, com grandes duelos entre os pilotos Rodrigo Selhorst # 8, de Espigão do Oeste, Hugo Amaral # 51, de Porto velho e Diego Henning # 191, também de Porto Velho, ambos pilotos da Equipe Mastter Moto/Honda/Saga Veículos/ASW/Win Academia/Decar. Na primeira bateria, a surpresa ficou por conta do pequeno Diego Henning, que largou forte e se manteve na ponta por cerca de 13 minutos, com Rodrigo e Hugo Amaral se revezando na segunda posição. Hugo que havia largado em terceiro passou á frente de Rodrigo e na sequencia deixou Dieguinho para traz. Rodrigo que vinha na cola de Hugo, passou Diego e pressionou bastante até que na última volta, Hugo erro o traçado e perde a chance de equilibrar a disputa. Rodrigo vence na experiência e desestabiliza o seu concorrente direto ao título.

 

Na segunda bateria, sem dar chances aos demais, Rodrigo larga bem e impõe um ritmo forte, liderando de ponta a ponta, com mais de 20 segundos á frente do segundo colocado, Hugo Amaral. Com resultado da prova da capital, Rodrigo Selhorst abriu 21 pontos de vantagem sobre Hugo Amaral e a duas provas do final da temporada, fica muito perto de garantir o título de campeão 2011 de categoria MX2.

 

 

Para a 6ª Etapa do Estadual de Motocross 2011, a Federação de Motociclismo de Rondônia – FMR contou com a parceria da Prefeitura de Porto Velho, João Tagino e Aparício Paixão. Apoio Ministério do Esporte, Governo de Rondônia, Petrobras, Eletrobras, senador Valdir Raupp, senador Acir Gurgacz, deputada federal Marinha Raupp, deputado federal Natan Donadon, deputado federal Moreira Mendes, deputado estadual Valdivino Tucura, Kaká Mendonça, Ciclo Cairú, Castilhos Estruturas Metálicas, Cairú Transportes, Decar Auto Peças, Rondoniaovivo e Lind’água.

 

 

 

Classificação geral da 6ª Rodada do Estadual de Motocross 2011

 

Categoria Kids – 50cc

1º – # 6 – Luiz Gustavo – Porto Velho

2º – # 103 – Guilherme Maschio – Pimenta Bueno

3º – # 222 – Orlando Netto – Ariquemes

4º – # 80 – Raoni Carlos – Porto Velho

5º – # 40 – Lucas de Paula – Porto Velho

 

 

65cc

1º – # 444 – Lucas Belém – Vilhena

2º – # 71 – Mateus Euclides – Porto Velho

3º – # 17 – Mateus Zilli – Vilhena

4º – # 37 – Igor Vasconcelos – Buritis

5º – # 103 – Guilherme Maschio – Pimenta Bueno

 

 

85CC

1º – # 191 – Diego Henning – Porto Velho

2º – # 444 – Lucas Belém – Vilhena

3º – # 7 Eduardo Alecrim – Porto Velho

4º – # 8 – Valdecir Rodrigues – Ariquemes

5º – # 525 – Douglas Paganini – Ouro Preto do Oeste

 

 

Mx Estreantes

1º – # 112 – Felipe Carvalho – Rolim de Moura

2º – # 102 Walcenir Montes “Leitão” – Rolim de Moura

3º – # 818 – Bruno Bonini – Ouro Preto do Oeste

4º – # 717 Artur Gabriel – Jaru

5º – # 77 – Itamar Tadeu – Cacoal

 

 

Força Livre

1º – # 112 – Felipe Carvalho – Rolim de Moura

2º – # 39 – João Roberto Chagas – Santa Luzia do Oeste

3º – # 50 – Fabrício Moreira – Ouro Preto do Oeste

4º – # 63 – Talles Rodrigues – Ariquemes

5º – # 80 – Ridersos Carlos – Rio Branco-AC

 

 

MX3

1º – # Evandro Bucioli – Rolim de Moura

2º – # 81 – Jean Carlos – Porto Velho

3º – # 35 – Flávio Brito – Rio Brilhante -MS

4º – # 959 – Elias Marinho – Porto Velho

5º – # 10 – Nidval Amaral – Ji-Paraná

 

 

MX2

1º – # 8 – Rodrigo Selhorst – Espigão do Oeste

2º – # 51 – Hugo Amaral – Porto Velho

3º – # 191 – Diego Henning – Porto Velho

4º – # 93 – Cândido Chagas – Rolim de Moura

5º – # 4 – Victor Carlos – Cacoal

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly