Resultados da 2ª Etapa do Catarinense de MX 2011

Por Site FCM | Foto por Divulgação | 03 de outubro de 2011 - 10:37

A categoria MX3 abriu as disputas da segunda etapa do Campeonato Catarinense de Motocross, na manhã deste domingo, 2, na pista de Potecas, em São José. Confira o resumo das provas:

MX3

Milton “Chumbinho” Becker, Erivelto Nicoladelli e Richard Berois disputaram as primeiras posições até a última volta. A prova começou com Richard na frente, o piloto da casa liderou por 12 minutos, muito pressionado por Erivelto e Chumbinho, que brigavam lado a lado pela segunda posição. Erivelto assumiu a ponta e trouxe com ele Chumbinho. Começava então a grande disputa pela vitória. Chumbinho botou pressão e Erivelto segurou até a última volta, quando o multicampeão mostrou o porquê é um dos grandes nomes do motociclismo brasileiro. Chumbinho assumiu a ponta e venceu a primeira prova da tarde. Erivelto ficou com a segunda posição seguido de Richard, Ademir Todeschini e Carlos Eduardo Coelho

Chumbinho

Mini-motos

Antony Maso liderou boa parte da prova da categoria Mini-motos, mas sofreu uma queda e teve que abandonar a disputa. Bernardo Zapelini assumiu a posição e recebeu a bandeira quadriculada na frente, porém foi punido em 10 segundos pela direção da prova por fazer ultrapassagem em bandeira amarela. Com isso, quem subiu no lugar mais alto do pódio foi Carlos Eduardo Bauer Baltazar. Bernardo foi o segundo seguido de Carlos Augusto Gervasi, Victor Kaue Fronza e João Vitor Vitorino.

MX4

Milton “Chumbinho” Becker voltou à pista e desta vez venceu com tranquilidade. O piloto de Joinville largou na frente e só administrou a posição até o final, conquistando sua segunda vitória do dia. Anísio Clasen completou a prova em segundo seguido de Rogério Schmitt, Eliseu Glanert e Fábiode Oliveira.

Intermediária

Rodrigo Riffel foi o vencedor da categoria intermediária. O piloto de Gaspar largou em terceiro, mas logo conseguiu chegar na ponta da disputa ao ultrapassar o então líder da disputa, Maicon Frena. Após assumir a primeira posição Rodrigo disparou e administrou com tranquilidade até o final da disputa.Marcos Paulo Holtmann foi o segundo seguido de Fernando Fraga, Alex Cavalca e Maicon Frena.

65cc

Arthur Todeschini foi o vencedor da categoria 65cc. O piloto de Chapecó conseguiu abrir boa distância de Wagner Oliveira e Thiago Brenner que disputaram a segunda posição até a quadriculada. Wagner, representante da casa, levou a melhor e ficou com a posição. Thiago foi o terceiro seguido de Bruno Couto e Vitor Gonçalves.

MX2

Cristopher “Pipo” Castro e Anderson Cidade duelaram do início ao fim pela vitória da categoria MX2. Pipo largou na frente e teve Anderson em sua cola durante toda a bateria. A disputa foi tanta que na terceira passagem os dois pilotos fizeram exatamente o mesmo tempo: 1.26.277.

Ao longo da disputa, Pipo conseguiu abrir um pouco de vantagem, porque Anderson se atrapalhou com retardatários e acabou perdendo segundos preciosos. “Tive que passar os retardatários, isso atrapalhou um pouco na hora de chegar. Tentei ultrapassar o tempo todo, mas o Pipo estava melhor”, disse Anderson.

Pipo conseguiu segurar a pressão e venceu a disputa formando dobradinha dos pilotos da casa com Anderson. “Vim de um ano complicado, muita lesão. No inicio do ano outra lesão, três meses recuperando. As últimas semanas também difíceis, a morte do Swian. Quero dedicar essa vitória a ele e a família dele e obrigado também a toda essa galera que acompanhou. Vencer em casa é muito bom”, disse Pipo.

85cc

José Brayan, que vem se recuperando de lesão, largou na frente na 85cc. Hallex Dalfovo pressionou e conseguiu a ultrapassagem na quinta volta. Brayan sentiu a lesão e diminuiu o ritmo, dando chances para Leonardo de Souza, terceiro colocado, pressionar. Léo tentou a ultrapassagem, mas Brayan conseguiu segurar e terminou na segunda posição.

“O Brayan largou bem e eu um pouco atrás. Estou tendo um pouco de dificuldade, a moto já está pequena pra mim. Mas consegui fazer a ultrapassagem e vencer”, disse Hallex.

Nacional

Eduardo Rosing liderou boa parte da prova da categoria Nacional, sempre pressionado por Germano Vandressen. Eduardo segurou o quanto pode, mas faltando pouco para o final não conseguiu conter Germano, que assumiu a ponta da disputa.  Eduardo teve problemas mecânicos e não completou a prova.

MX1

Marcos Cordeiro e Richard Berois dividiram a primeira curva, seguido de Anderson Cidade que assumiu a liderança da bateria ainda na volta inicial. Pipo Castro pressionou Gabriel Gentil, passou para a terceira posição e então foi em busca da segunda posição de Marcos. Antes mesmo dos 10 minutos de corrida Pipo pegou a vice-liderança da prova e se manteve na posição até a quadriculada. No final, a dobradinha josefense se repetiu, mas desta vez com Anderson na frente. Cordeiro, Gabriel, Victor Feltz e Chumbinho completaram o pódio. “Essa a categoria que eu estou treinando e que me sinto mais a vontade com a moto. Foi uma ótima corrida”, falou Anderson. No geral, Gabriel é líder com 42 pontos contra 40 de Pipo Castro.

Anderson CidadeGabriel Gentil é o Lider da MX1 no Catarinense.

 

Resultado final da etapa:

Categoria MX1

Pos Num Nome Tempo
1 203 Anderson Cidade 29:01.234
2 8 Cristopher Castro 8.862
3 42 Marcos Campos Cordeiro 11.049
4 31 Gabriel Gentil 51.243
5 20 Victor Feltz 1 Volta
6 2 Milton Becker 1 Volta
7 46 Richard Berois 1 Volta
8 400 Gustavo Henrique Henn 1 Volta
9 932 Erivelto Nicoladelli 1 Volta
10 10 Venicio Voigt 1 Volta
11 69 Anisio Clasen 1 Volta
12 111 Alex Cavalca 2 Voltas
13 204 Jeisson Alan Potrich 2 Voltas
14 13 Charles Baron 3 Voltas

 

Categoria MX2

Pos Num Nome Tempo
1 8 Cristopher Castro 29:04.783
2 203 Anderson Cidade 2.544
3 42 Marcos Campos Cordeiro 45.938
4 400 Gustavo Henrique Henn 1 Volta
5 20 Victor Feltz 1 Volta
6 10 Venicio Voigt 1 Volta
7 13 Charles Baron 2 Voltas
8 219 Fernando Fraga 2 Voltas
9 151 Alexandro Zuque 2 Voltas
10 124 Marcos Paulo Holtman 8 Voltas

 

Categoria MX3

Pos Num Nome Tempo
1 2 Milton Becker 18:04.322
2 932 Erivelto Nicoladelli 1.302
3 46 Richard Berois 6.013
4 223 Ademir Todeschini 1:11.099
5 232 Carlos Eduardo Coelho 1:14.942
6 69 Anisio Clasen 1:40.958
7 49 Rogerio Schmitt 1 Volta
8 231 Luzenir Jose Cardoso 1 Volta
9 5 Avacir Chaves 1 Volta
10 63 Jairo dos Passos 1 Volta
11 13 Eliseu Glanert 1 Volta
12 28 Adenir da Veiga 1 Volta
13 168 Gilmar Meneghini 2 Voltas

 

Categoria MX4

Pos Num Nome Tempo
1 2 Milton Becker 18:29.246
2 69 Anisio Clasen 34.073
3 49 Rogerio Schmitt 50.728
4 111 Eliseu Glanert 51.536
5 297 Fabio de Oliveira 1 Volta
6 28 Adenir da Veiga 1 Volta
7 369 Everson Luciano Silva 1 Volta
8 40 Arno Carvalho Junior 2 Voltas
9 124 Marcos Roberto Holtman 2 Voltas

 

Categoria Intermediária

Pos Num Nome Tempo
1 104 Rodrigo Riffel 18:36.893
2 124 Marcos Paulo Holtman 36.857
3 219 Fernando Fraga 41.953
4 111 Alex Cavalca 57.706
5 361 Maicon Frena 1:01.592
6 958 Fabio Lobo 1:06.496
7 151 Alexandro Zuque 1:18.103
8 552 Heitor Daniel Cardoso 1:23.226
9 13 Charles Baron 1:25.370
10 22 Mauricio Perozin 1 Volta
11 63 Jairo dos Passos 1 Volta
12 501 Luiz Fernando Dalabona 1 Volta
13 204 Jeisson Alan Potrich 1 Volta
14 18 Guilherme Faval 1 Volta
15 765 Bruno Varela 1 Volta
16 9 Gustavo Dal Pizzol Fernandes 2 Voltas
17 231 Luzenir Jose Cardoso 2 Voltas

 

Categoria Nacional

Pos Num Nome Tempo
1 719 Germano Vandresen 19:50.206
2 200 Ricardo Eucário Kades 44.795
3 14 Joao Carlos Ferretti 1:19.014
4 4 Renato Prado 1 Volta
5 749 Celso Figueiros Junior 2 Voltas
6 89 Eduardo Rosing 4 Voltas

 

Categoria 85cc

Pos Num Nome Tempo
1 3 Hallex Dalfovo 19:37.425
2 8 José Brayan 3.869
3 45 Leonardo de Souza 4.554
4 113 Arthur Todeschini 37.398
5 28 Kaue Vieira 47.307
6 75 Leonardo Simas Machado 1:09.043
7 72 Joao Gabriel da Veiga 1 Volta
8 7 Igor Poffo Nau 1 Volta
9 16 Vinicius Doege Fronza 1 Volta
10 80 Alexandre Holtman 3 Voltas

 

Categoria 65cc

Pos Num Nome Tempo
1 13 Arthur Todeschini 19:31.148
2 34 Wagner da Silva Oliveira 44.935
3 24 Thiago Henrique Brenner 45.258
4 14 Bruno Couto 1:50.765
5 49 Vitor Della Ninna Goncalves 1 Volta
6 3 Vinicius Lamonatto 1 Volta
7 100 Rian Fischer 1 Volta
8 21 Maicon Alexandre Medeiros 2 Voltas
9 4 Pedro de Oliveira 3 Voltas

 

Categoria 55cc

Pos Num Nome Tempo
1 14 Carlos Eduardo Bauer Baltazar 10:24.110
2 805 Bernardo de Moura Zappellini 6.869
3 12 Carlos Augusto Gervasi 18.523
4 16 Victor Kaue Fronza 31.871
5 363 Joao Vitor Vitorino 49.943
6 5 Leo Vitor Kessler de Siqueira 1:21.323
7 97 Marcos Vinicios Pereira de Lara 1 Volta
8 2 Pablo Michelmann 2 Voltas
9 96 Matheus Yan Montagna 2 Voltas

Compartilhe este conteúdo

Comentários

ederson disse:

eu tanben quero fazer

Álvaro Luis Bernardi disse:

Que baita campeonatão hein!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Fala sério.

Meia dúzia de pilotos, repetidos em várias categorias.
Estamos em outubro e apenas na 2ª etapa, sendo que foram realizadas as duas na mesma pista e ainda dizem que vai ter mais uma no mesmo lugar.

E ainda tinha neguinho querendo o Kiko na CBM.
Podia ser Kiko. o Chaves, Sr. Madruga, Prof Girafales….

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly