10ª Etapa GNCC 2011

Por Renato Dalzochio Jr | Fotos por Shan Moore | 15 de outubro de 2011 - 10:54

Depois da nona etapa, disputada em Somerset, na Pensilvânia, o Grand National Cross
Country Series 2011 voltou no último final de semana, dias 8 e 9 de outubro, com a décima etapa, disputada em St. Clairsville, no estado de Ohio.

Tanto na categoria XC1, como na XC2 Lites, os líderes Charlie Mullins e Stewart Baylor Jr ampliaram suas vantagens, mas na XC1 teve piloto conquistando a primeira vitória da carreira na categoria. Acompanhe como foi…

Categoria XC1

Na largada os 250 dólares do holeshot ficaram com o neozelandês Paul Whibley da equipe Am-Pro/FMF/Yamaha, mas antes de completar a primeira volta já tinha sido superado pelo líder do campeonato, Charlie Mullins da equipe
FMF/KTM. Mullins liderou por pouco tempo, já que deixou sua moto apagar e acabou
sendo superado por seu companheiro de equipe Kailub Russell.

 

Largada categoria XC1

Charlie Mullins

Quando todas as atenções se voltavam para os dois candidatos ao título
Mullins e o australiano Josh Strang da equipe oficial FMF/Makita/Suzuki,
Russell, bicampeão da categoria XC2 Lites, chegou a sua primeira vitória na
principal categoria com uma performance dominante, num circuito rápido e
escorregadio, onde os buracos de lama traiçoeiros e as longas montanhas
exigiram muito dos pilotos.

 

Kailub Russell

Depois de subir no pódio várias vezes na temporada, Russell confirmou a
vitória com mais de um minuto de vantagem sobre os demais ao longo das três
horas de duração da bateria. Mullins finalizou em segundo e Thad Duvall,
companheiro de equipe de Whibley, completou o pódio na terceira posição.

 

Thad Duvall

Whibley aliás foi o quarto colocado. Strang finalizou em quinto e deixou
Mullins se distanciar ainda mais na classificação do campeonato. A diferença
entre os dois agora é de 26 pontos. Whibley é o terceiro, Russell o quarto, e
Nate Kanney da equipe WMR Racing/Clockwork/Planet Fitness/KTM fecha os cinco
primeiros.

 

 

Resultado final categoria XC1

1. Kailub Russell (KTM)

2. Charlie Mullins (KTM)

3. Thad DuVall (Yamaha)

4. Paul Whibley (Yamaha)

5. Josh Strang (Suzuki)

6. Jimmy Jarrett (Honda)

7. Mike Lafferty (Husaberg)

8. Nate Kanney (KTM)

9. Jesse Robinson (Beta)

10. Scotty Watkins (Honda)

 

 

Classificação categoria XC1 após dez etapas

1. Charlie Mullins (245 Pontos/4 Vitórias)

2. Josh Strang (219/2 Vitórias)

3. Paul Whibley (213/3 Vitórias)

4. Kailub Russell (180/1 Vitória)

5. Nate Kanney (160)

6. Cory Buttrick (120)

7. Michael Lafferty (105)

8. Jimmy Jarrett (98)

9. Thad DuVall (96)

10. Chris Bach (96)

 

Categoria XC2 Lites

Na categoria XC2 Lites, o líder do campeonato
Stewart Baylor Jr da KTM teve mais facilidade para chegar a sua quinta vitória.
Ele ficou com os 100 dólares do prêmio do holeshot e liderou de ponta a ponta,
cruzando a linha de chegada com dois minutos de vantagem sobre o segundo
colocado, Jordan Ashburn da equipe Am-Pro/FMF/Yamaha.

 

Largada categoria XC2 Lites

Jason Thomas da equipe FAR/Husqvarna completou
o pódio na terceira posição. Rory Mead da Honda foi o quarto e Andrew DeLong da
KTM completou os cinco primeiros. No campeonato, Baylor abriu 38 pontos de
vantagem sobre Thomas. Ashburn é o terceiro, DeLong o quarto, e Jesse Robinson
da KTM fecha os cinco primeiros.

 

Resultado final categoria XC2 Lites

1. Steward Baylor Jr. (KTM)

2. Jordan Ashburn (Yamaha)

3. Jason Thomas (Husqvarna)

4. Rory Mead (Honda)

5. Andrew DeLong (KTM)

6. Morgan Moss (Yamaha)

7. Nick Davis (KTM)

8. AJ Stewart (Yamaha)

9. Steven Squire (Yamaha)

10. Ryan Lojak (Yamaha)

 

Classificação categoria XC2 Lites
após dez etapas

1. Steward Baylor Jr. (243 Pontos/5 Vitórias)

2. Jason Thomas (205/1 Vitória)

3. Jordan Ashburn (196/3 Vitórias)

4. Andrew DeLong (193)

5. Jesse Robinson (146/1 Vitória)

6. Scotty Watkins (125)

7. Morgan Moss (113)

8. AJ Stewart (108)

9. Zackery Smith (101)

10. Steven Squire (91)

 

Etapas restantes GNCC 2011

22 e 23 de outubro – Crawfordsville – Indiana

4 e 6 de novembro – Hurricane Mills – Tennessee

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly