Ramon Sacilotti vence Rally dos Amigos para encerrar temporada

Por Adriano Winckler | Foto por Divulgação | 09 de dezembro de 2011 - 16:15

O paulista Ramon Sacilotti encerrou com vitória a temporada 2011 do rally brasileiro. Campeão brasileiro antecipado no Rally Cross-Country, Sacilotti venceu a última etapa do Campeonato Brasileiro de Rally Baja, disputado neste fim de semana em Itatinga, São Paulo, tendo Thiago Carnio em segundo e Guto Klaumann em terceiro, respectivamente, na geral. Além da geral, Ramon Sacilotti venceu também na Super Production, seguido pelo catarinense Ike Klaumann e pelo paulista Juca Bala. O resultado da etapa deu o título de campeão da categoria para Ike, tendo Ramon como vice.

O Rally dos Amigos definiu também os últimos campeões brasileiros do ano, e um dos que mais comemoraram foi Julio César “Bissinho” Zavatti, que apesar da segunda colocação na Production Aberta durante a prova, conseguiu superar o catarinense Ike Klaumann e conquistar o título da categoria. Bissinho liderava a geral com 1m40s de vantagem sobre o adversário mais próximo, porém, restando cerca de dois quilômetros para o fim da prova, teve uma pane seca (falta de combustível).

Alexandre Pejon

– Foi praticamente inacreditável. Depois de dez minutos consegui 300ml de gasolina e pude voltar pra prova, fechando em oitavo na geral e segundo na minha categoria  – festejou Bissinho. – Estou muito feliz. Foi muito bom. Conquistar meu primeiro título no rally, ainda mais nesse ano que vim evoluindo a cada etapa – completou.

A vitória na categoria foi de Guto Klaumann, que completou a prova em 1h42m51s. Bissinho foi o segundo, com Alexandre Pejon em terceiro, com o tempo de 1h52m18s. Bissinho foi o campeão e Klaumann o vice. Para 2012, Bissinho pretende seguir disputando paralelamente os campeonatos de Enduro FIM e Rally, e já antecipa um projeto ao lado de outros pilotos brasileiros, como Felipe Zanol, Nielsen Bueno e Rômulo Bottrel.

– Quero seguir com as duas modalidades. Além disso, no Enduro FIM já temos um projeto para disputar o Six Days, na Alemanha, e as duas primeiras etapas do Mundial, que serão realizadas no Chile e na Argentina – afirmou o piloto.

Na Over, que já tinha o catarinense Aristides Mafra definido como campeão, a vitória na etapa foi de Marco do Carmo, seguid por Andrey Silveira e Andrés Marcondes. Thiago Carnio, também campeão antecipado na Marathon, venceu mais uma vez, cruzando a linha de chegada à frente de Felipe Limonta, o segundo, e Elias Folly, o terceiro. Na Production 250cc, também com campeão definido (o gaúcho Gregório Caselani), o vencedor foi Robison Filho, com Cristiano de Oliveira em segundo e Otavio Horst em terceiro.

Entre os quadris, Valdir do Amaral venceu na categoria Aberta, seguido por André Suguita e Bruno Sperancini. Amaral foi o campeão com José de Almeida como vice. Robert Nahas venceu na 450cc, com Rodrigo Varella em segundo. O campeão foi Munir Kholil, tendo Varella como vice.

Resultado do Rally dos Amigos:

Geral:
1º – Ramon Sacilotti – 1h40m03s
2º – Thiago Carnio – 1h41m55s
3º – Guto Klaumann – 1h42m51s
4º – Ike Klaumann – 1h43m04s
5º – Juca Bala – 1h45m58s

Super Production:
1º – Ramon Sacilotti – 1h40m03s
2º – Ike Klaumann – 1h43m04s
3º – Juca Bala – 1h45m58s
4º – Juner Rockenbach – 1h51m11s
5º – Rafael Krukoski – 2h00m49s

Production Aberta:
1º – Guto Klaumann – 1h42m51s
2º – Julio Cesar Zavatti – 1h50m32s
3º – Alexandre Pejon – 1h52m18s
4º – Rubens Neiton – 1h52m30s
5º – Osmar Shimosaka – 1h56m51s

Over:
1º – Marco do Carmo – 1h52m26s
2º – Andrey Silveira – 1h52m55s
3º – Andrés Marcondes – 1h52m56s
4º – Wellington di Giorge – 1h57m31s
5º – Carlos Andreoni – 1h57m36s

Marathon:
1º – Thiago Carnio – 1h41m55s
2º – Felipe Limonta – 1h47m30s
3º – Elias Folly – 1h49m20s
4º – Fabiano Tavares – 1h53m58s
5º – Ricardo Martins – 1h54m02s

Production 250cc:
1º – Robison Araujo Filho – 1h54m06s
2º – Cristiano de Oliveira – 1h55m30s
3º – Otavio Hort Filho – 1h56m55s
4º – Igor Torres – 2h02m59s
5º – Romulo Bottrel – 2h04m37s

Quadri Aberta:
1º – Valdir do Amaral – 1h58m26s
2º – Andre Suguita – 2h02m37s
3º – Bruno Sperancini – 2h05m25s
4º – Rodolfo Behaker – 2h08m30s
5º – Luiz Rodrigues – 2h12m47s

Quadri 450cc:
1º – Robert Nahas – 1h47m33s
2º – Rodrigo Varela – 1h53m27s

Classificação final do Brasileiro de Rally Baja 2011:

Geral:
1º – Ike Klaumann – 155 pontos
2º – Thiago Carnio – 142
3º – Julio César Zavatti – 135

Super Production:
1º – Ike Klaumann – 163 pontos
2º – Ramon Sacilotti – 157
3º – Juner Rockenbach – 113

Production Aberta:
1º – Julio Cesar Zavatti – 172
2º – Guto Klaumann – 160 pontos
3º – Theo Lopes – 132

Marathon:
1º – Thiago Carnio – 175 pontos
2º – Cristiano Teixeira – 142
3º – Bruno de Paula – 108

Over:
1º – Aristides Mafra – 169 pontos
2º – Marco do Carmo – 159
3º – Edison Tamura – 97

Production 250cc:
1º – Gregório Caselani – 175 pontos
2º – Waldir Jose Durce – 130
3º – Lucas Generosi – 112

Quadri Aberta:
1º – Valdir do Amaral – 166 pontos
2º – Jose Mauro de Almeida – 149
3º – Gerson Klaumann – 92

Quadria 450cc:
1º – Munir Khalil – 163 pontos
2º – Rodrigo Varela – 131
3º – Ernesto Watashi – 102

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly