Presidente da FMR exalta ação do secretário Chicão, da SECEL

Por FMR | Foto por Divulgação FMR | 19 de dezembro de 2011 - 17:06

No final de mais um ano de muitas ações realizadas apesar das inúmeras dificuldades enfrentadas pela Federação de Motociclismo de Rondônia – FMR, o presidente da entidade faz um balanço e aponta os pontos positivos da temporada. Para Reinaldo Selhorst, uma das conquistas da federação em 2011foi o envolvimento direta do secretário de estado Francisco Leilson, o “Chicão” da Secel, apoiando e prestigiando as etapas do Estadual de MX, em sua maioria.

Segundo Reinaldo, há mais e 20 anos à frente a FMR, esta é a primeira vez que um secretário de estado participa tão intenso e diretamente dos eventos promovidos pela federação. A presença do secretário Chicão em quase todas as provas da temporada, mostra um comprometimento da Secretaria Estadual de Cultura Esporte e Lazer – Secel com o motociclismo de Rondônia. Além da parceria mantida pelo Governo de Rondônia na realização dos eventos, Chicão fez questão de estar presente em grande parte das corridas.

Reinaldo lembrou ainda dos problemas enfrentados em 2011 em razão a ausência de convênios federais, inicialmente tidos como certos, o que acarretou algumas mudanças de datas e inúmeros prejuízos, sem no entanto, deixar de cumprir por extenso o calendário de atividades da atual temporada. “Diante de tudo isso, tivemos de enxugar gastos, porem mantendo o padrão dos eventos”, frisou Selhorst.

Satisfeito com a participação do secretário Chicão, engrandecendo sua presença as provas do MX rondoniense na temporada, o presidente da FMR reintera os agradecimentos ao governo Confúcio Moura (PMDB), que através a Secel cumpriu de forma honrosa a sua contribuição com o Motociclismo e Rondônia, e espera que para a próxima temporada esta parceria seja mantida com a mesma intensidade

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly