AMA Supercross 2012 – 9ª Etapa – St. Louis / Missouri

Por Renato Dalzochio Jr | Fotos por GuyB | 05 de março de 2012 - 22:19

A nona etapa do AMA Supercross FIM World Championship 2012 aconteceu na noite deste sábado, dia 03 de março, no Edward Jones Dome, em St. Louis no Missouri, onde todos os presentes testemunharam as vitórias de Justin Barcia na categoria Supercross Lites costa Leste, e de Ryan Villopoto na principal categoria, a Supercross.

Para Barcia, St. Louis marcou a sua terceira vitória consecutiva na competição, a terceira de sua carreira no Edward Jones Dome, e ele agora tem quase 20 pontos de vantagem na liderança do campeonato. Para Villopoto a vitória teve um significado muito maior, já que foi em St. Louis, na temporada 2010, que ele sofreu aquele terrível acidente, que resultou em uma perna quebrada e a perda do título para Ryan Dungey.

Kevin Windham foi homenageado durante a Cerimônia de Abertura pelas 200 corridas de sua carreira no AMA Supercross. Restam 27 corridas para ele superar Mike LaRocco, maior recordista da história da competição

Categoria Supercross

Na largada, Davi Millsaps agarrou o holeshot, seguido por Kevin Windham, Justin Brayton e Ryan Villopoto. Ainda na primeira volta, pouco antes do primeiro triplo, James Stewart caiu sozinho, voltando para a corrida na última posição. Millsaps foi capaz de segurar Villopoto durante as duas primeiras voltas, antes de sucumbir à velocidade do atual campeão. Atrás de Millsaps apareciam Brayton e Ryan Dungey, sendo que este último recuperava posições depois de fazer uma largada mediana. Enquanto isso, de forma incrível, Stewart já havia alcançado a nona posição em seis voltas. Ele logo foi ameaçando Brett Metcalfe e Jake Weimer.

Largada categoria Supercross, com holeshot de Davi Millsaps (18)

Ryan Dungey

Davi Millsaps e Justin Brayton

Na batalha entre Brayton e Dungey, não demorou muito para que os dois despachassem Millsaps. Brayton fazia algumas voltas excelentes, mas Dungey parecia ter um pouco mais de velocidade em algumas sessões da pista. Millsaps foi logo perdendo várias posições, sendo ultrapassado por Windham e recebendo pressão de seu companheiro de equipe, Stewart, que já aparecia na sexta posição. Nas últimas voltas, Stewart finalmente foi capaz de ultrapassar Millsaps, subindo para a quinta posição.

James Stewart

Lá na frente, Villopoto diminuiu o ritmo significativamente nas últimas voltas, permitindo que Dungey começasse a encurtar a pouca distância que havia entre os dois. O piloto da KTM ficou a espreita de um erro de Villopoto, mas o erro não aconteceu e o piloto da Kawasaki confirmou sua quinta vitória na temporada. Dungey terminou em segundo, com Brayton completando o pódio na terceira posição. Windham foi o quarto e Stewart completou os cinco primeiros.

Ryan Villopoto

No pódio, Villopoto comentou sobre suas voltas mais lentas no final da corrida. “Foi difícil. Eu estava tentando ser cuidadoso, porque em razão das canaletas, a pista estava realmente se deteriorando”.

Com estes resultados, a diferença entre Villopoto e Dungey voltou a subir para 13 pontos. Praticamente fora da disputa pelo título, Stewart aparece na terceira posição, 53 pontos atrás do líder. Fora do campeonato há duas etapas, o australiano Chad Reed é o quarto e o veterano Kevin Windham fecha os cinco primeiros.

Pódio categoria Supercross

Resultado final categoria Supercross

1. Ryan Villopoto (Kawasaki)
2. Ryan Dungey (KTM)
3. Justin Brayton (Honda)
4. Kevin Windham (Honda)
5. James Stewart (Yamaha)
6. Davi Millsaps (Yamaha)
7. Jake Weimer (Kawasaki)
8. Brett Metcalfe (Suzuki)
9. Marvin Musquin (KTM)
10. Nick Wey (Kawasaki)
11. Broc Tickle (Kawasaki)
12. Matt Goerke (Suzuki)
13. Mike Alessi (Suzuki)
14. Robert Kiniry (Yamaha)
15. Justin Sipes (Kawasaki)
16. Kyle Chisholm (Kawasaki)
17. Gavin Faith (Honda)
18. Jimmy Albertson (Suzuki)
19. Cole Seely (Honda)
20. Josh Hansen (Kawasaki)

Classificação categoria Supercross após nove etapas

1. Ryan Villopoto 205 Pontos (5 Vitórias)
2. Ryan Dungey 192 (2 Vitórias)
3. James Stewart 152 (1 Vitória)
4. Chad Reed 128 (1 Vitória)
5. Kevin Windham 123
6. Jake Weimer 120
7. Justin Brayton 116
8. Brett Metcalfe 113
9. Davi Millsaps 109
10. Mike Alessi 98

Categoria Supercross Lites costa Leste

Na largada, os três mais rápidos nos treinos classificatórios da tarde pularam na frente. Justin Barcia fez o holeshot, seguido pelo belga Ken Roczen em segundo e Justin Bogle em terceiro. Com pista limpa à sua frente, Barcia foi capaz de estabelecer algumas voltas rápidas, abrindo praticamente um segundo por volta sobre Roczen nas três primeiras voltas. Roczen, que fez sua melhor largada em relação às corridas anteriores, também teve pista limpa, mas começou a perder Barcia de vista e receber pressão de Bogle.

Largada categoria Lites Leste, com holeshot de Justin Barcia (1)

Justin Bogle e Ken Roczen

Mas atrás, Jake Canada fazia sua melhor corrida na temporada (e possivelmente de sua carreira), ocupando a quarta posição, a frente de Blake Wharton e Darryn Durham. A medida que as voltas passavam, Wharton foi lentamente se aproximando de Canadá, e na 11ª volta, fez a ultrapassagem para assumir a quarta posição.

Lá na frente, Barcia continuou marcando as voltas mais rápidas da corrida, e ao receber a bandeira branca tinha oito segundos de vantagem sobre Roczen. Bogle continuou pressionando Roczen até a última volta, quando o piloto da Honda cometeu um erro logo antes de um step-jump, e acabou caindo, sendo ultrapassado por Wharton. Barcia conquistou sua terceira vitória consecutiva. Roczen finalizou em segundo e Wharton completou o pódio na terceira posição. Durham foi o quarto e Bogle completou os cinco primeiros.

No pódio, Barcia disse: “Tive uma grande noite. A pista estava incrível e conquistar três trunfos consecutivos é simplesmente fantástico. Só não é melhor que estar na equipe Geico Powersports Honda”.

Com estes resultados, Barcia ampliou sua vantagem na liderança para 18 pontos em relação ao segundo colocado, que agora é Roczen. Um ponto atrás do belga aparecem Durham e Wharton. Bogle fecha os cinco primeiros.

Pódio categoria Lites Leste

Resultado final categoria Supercross Lites costa Leste

1. Justin Barcia (Honda)
2. Ken Roczen (KTM)
3. Blake Wharton (Suzuki)
4. Darryn Durham (Kawasaki)
5. Justin Bogle (Honda)
6. Jake Canada (Honda)
7. Malcolm Stewart (KTM)
8. Kyle Cunningham (Yamaha)
9. Blake Baggett (Kawasaki)
10. Alex Martin (Honda)
11. Matt Lemoine (Kawasaki)
12. Hunter Hewitt (Suzuki)
13. Cole Thompson (Honda)
14. AJ Catanzaro (KTM)
15. Jeff Gibson (Honda)
16. Austin Politelli (Honda)
17. PJ Larsen (KTM)
18. Bradley Ripple (Honda)
19. Phil Nicoletti (Honda)
20. Tyler Bowers (Kawasaki)

Classificação categoria Supercross Lites costa Leste após nove etapas

1. Justin Barcia 75 Pontos (3 Vitórias)
2. Ken Roczen 57
3. Darryn Durham 56
4. Blake Wharton 56
5. Justin Bogle 43
6. Jake Canada 41
7. Blake Baggett 40
8. Hunter Hewitt 31
9. Malcolm Stewart 29
10. Kyle Cunningham 28

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Renato Dalzochio Jr disse:

Obrigado Jackson!

Abraço! :)

Vlw cara ótimo poster : )

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly