Comunicado importante aos leitores do site Mundocross

Por Jorge Soares | 12 de março de 2012 - 12:24
Prezados leitores do site Mundocross,
Recentemente recebemos um e-mail da Feld Motorsports, empresa responsável pela organização e promoção do AMA Supercross, nos solicitando que fizéssemos a gentileza de retirar do site todos os vídeos relacionados as transmissões das etapas do AMA Supercross pelos canais Speed Channel e CBS Sports, sob ameaça de processos judiciais por violação de direitos autorais.
Temos consciência que não somos nós que postamos os vídeos no Youtube, mas ao mesmo tempo compreendemos que a Feld acredita que estamos “fomentando” este tipo de pirataria, além de que provavelmente, tanto a Feld como as emissoras envolvidas, devem gastar uma quantia considerável para viabilizar a transmissão do campeonato, seja ela ao vivo ou não, enquanto o Mundocross está disponibilizando isso de graça aos leitores, sem custo algum.
Desta forma, a partir deste sábado e durante as demais etapas até o final do campeonato, deixaremos de publicar os vídeos e também não disponibilizaremos mais os links das transmissões via internet, quando as etapas forem ao vivo. Pedimos desculpas a vocês leitores do Mundocross pelo transtorno, mas ao mesmo tempo agradecemos a compreensão de todos.
Atenciosamente,
Jorge Soares – Editor Chefe

Compartilhe este conteúdo

Comentários

carlos e. duda giovanucci disse:

complicado vcs entenderem uma postura dessas! não é transmitido pro brasil, se isso acontecesse no ama motocross por exemplo… que a ESPN transmite ao vivo, até que era de se entender! mas quem transmite o ama supercross ao vivo no brasil?

NÃO ESTOU NEM AÍ, ASSISTO AO VIVO NO JUSTIN! TRANSMISSÃO TOP! SE NÃO FOR POR ESSE MEIO, BAIXO DO YOUTUBE DOMINGO CEDO, AJEITO AQUELE CAFÉ DA MANHÃ, ESPETO O PEN DRIVE NA TV… E ASSISTO NA TELA GIGANTE AINDA!

Daniel Crudo disse:

Jorge, parabéns pela postura.

Na internet acho bem difícil eles pararem com essas transmissões!

Nos daremos um jeito de assistir!

Abraço;

DAC

Márcio disse:

foi bom enquanto durou, mas tudo que é bom dura pouco.

os canais brasileiros só transmitem as corridas um mes depois e com uma pessima narração, ate parece que os comentaristas e narradores estão em um velorio e sem falar que eles não entendem nada de MX, SX ou VX, fazem comentários totalmente errados, eu já presenciei varios deles,,,

Abç, valeu Jorge pela sinceridade

vandeco disse:

Claro, estão dentro dos direitos deles! Mas qual entidade transmite o Ama Supercross para nós, nenhuma! Pago por um sinal de tv a cabo, que transmite somente arcos da velha, porque não transmitir ao vivo para nós, não tem público? Acho que isso não vai ser problema!!!
Esse compartilhamento de videos é ilegal, mas porem, hoje conheço Chaparral, Jbo… por causa da transmissão deles que assitimos aqui, e tem muita gente no mesmo caminho, e ainda compramos produtos deles…

Jefferson disse:

nos temos que entender o lado deles. mas temos que agradecer o mundocross pelo o presente que nus deu por tantos tempos. valeu mundocross,

Xânto disse:

Prezado Jorge!
Sempre elogiei muito este espaço, pela seriedade com que o esporte é tratado, pela tua competência em informar corretamente, fato por vezes bastante trabalhoso, e confesso que fiquei espantado com tal notícia.
Postei no site do 100% Trilhas tua reportagem( http://www.100%trilhas.com) e imediatamente retirei os vídeos do ar.
Atitude dura, mas que devemos acatar até segundo momento, penso eu. Ou alguém pode ajudar com isso?
Abraço,
Xânto

Delcio Bier disse:

That hurts! Valeu, enquanto durou!

Delcio Bier 34

Eduardo disse:

Que chato isso sempre acompanhei tudo por aqui
Infelizmente as coisas nao sao como queremos , é uma Pena
Mas agradeço ao site Mundocross por ter nos deixado por dentro de tudo em quanto pode

Valeuu!!!

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly