Balbi Jr. inicia recuperação no Brasileiro de Motocross

Por Assessoria de Imprensa Pro Tork | Foto por Maurício Arruda | 30 de abril de 2012 - 10:07

Jorge Balbi Júnior promoveu disputas emocionantes e carimbou um importante resultado na segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross, realizada neste fim de semana, dias 28 e 29, em Canelinha (SC). O mineiro natural de Belo Horizonte (MG) foi o segundo colocado na categoria principal, a MX1, atrás apenas do espanhol Carlos Campano.

“Quem acompanhou a estreia da competição sabe o quanto foi difícil para mim. Cai, não completei a prova, me lesionei, fiquei lá para trás na classificação, enfim. Estou muito feliz com este resultado e cada vez mais crente que posso brigar de igual pra igual com o Campano, que é sem dúvidas o cara a ser batido. Ele é um excelente atleta, mas estou cada vez mais focado”, afirma o atual campeão da classe.

Na primeira bateria deste domingo, Balbi largou na frente e arrancou aplausos da plateia. Infelizmente, minutos depois o competidor sofreu uma queda e teve que partir para uma prova de recuperação. O mineiro imprimiu um ritmo forte e foi deixando adversários para trás até receber a bandeira quadriculada na terceira posição, enquanto Campano comemorava a vitória e Adam Chatfield era o segundo.

Já na segunda bateria, Campano saiu na frente e Balbi foi a sua caça. Com uma pilotagem agressiva, o atleta logo deixou o estrangeiro para trás. Porém, pressionado, Balbi errou novamente e perdeu a posição para Campano. Os dois passaram a brigar intensamente, mas o espanhol levou a melhor enquanto Balbi ficou em segundo, mesma posição que alcançou na etapa com a somatória das duas provas.

“Hoje fez um dia bonito, com sol, mas a pista estava bastante pesada devido ao mau tempo de ontem. Eu adoro correr na lama e estava confiante, mas minha suspensão não me ajudou muito. Tive dificuldade, porém, consegui me sobressair aqui no Motódromo Arthur Jachowicz, um traçado que eu adoro, palco de muitas conquistas importantes. Foi um grande resultado”, destaca.

Jorge Balbi Junior

Gustavo Henn mantém rendimento na MX2
O catarinense Gustavo Henn manteve seu rendimento na categoria MX2 do Campeonato Brasileiro de Motocross, com um 15° lugar na primeira bateria e um oitavo na disputa seguinte. Porém, o piloto chamou atenção dos adversários por largar entre os ponteiros no último desafio do dia. Este é seu ano de estreia na classe.

“A pista pesada dificultou a pilotagem na primeira bateria e eu preferi não arriscar. Já na corrida seguinte, com o traçado mais seco, consegui algo que eu não esperava. Largar entre os ponteiros foi uma sensação maravilhosa. Estou no caminho certo, crescendo a cada corrida. Até o fim do ano quero subir ao pódio”, exalta.

Pilotos se preparam para o próximo desafio
No próximo fim de semana, dias 5 e 6 de maio, a equipe encara a quarta etapa da Superliga Brasil de Motocross, que será realizada em Chapecó (SC). Já a terceira disputa do Brasileiro acontecerá nos dias 2 e 3 de junho, em Foz do Iguaçu (PR). Os pilotos seguem confiantes para os desafios e esperam contar com o apoio da torcida.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

SIDNEI disse:

Go #1 Balbi !

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly