Hot News Mundocross #6

Por Jorge Soares | Fotos por Divulgação | 15 de junho de 2012 - 23:27

Hot News Mundocross, a coluna do site Mundocross que tem notícias quentes para você que gosta de estar por dentro das últimas do Mundo do Cross. Antes com edições semanais, e agora quinzenais, o Hot News reúne várias informações do mundo Off-Road, principalmente, MX e SX, além de Arenacross, Cross Country e Rally Cross. Boa leitura !!!

Agora para você o Hot News Mundocross #6

Novo episódio da série ‘My Way’ com Chad Reed
Chad Reed, que está se recuperando da lesão sofrida no AMA Supercross, foi em busca de emoção nas 4 rodas, andando no carro do piloto Marcos Ambrose e seu #9 Stanley Ford Fusion. Veja como Chad realizou a sua primeira vez dirigindo um carro de corrida Nascar em um autódromo e como ele se sente para andar de moto.

Imagem de Amostra do You Tube

 

Lawanteam defende liderança no Brasileiro de Supermoto
A Lawanteam defende a liderança da principal categoria, a SM1, no Campeonato Brasileiro de Supermoto. A segunda etapa está marcada para este final de semana no kartódromo de Trindade, em Goiás, e o piloto Rafael Fonseca irá acelerar forte para abrir vantagem na ponta da tabela. Kléber Justino, André Gama e Juliano Meira também estarão nas corridas, sendo que o piloto oficial da classe SM4 é Simão Lawant, que ainda é o chefe de equipe da Lawanteam. “Estamos vindo da etapa do Paulista, vamos para o Brasileiro e na sequência temos corrida do Mundial de Supermoto na Bulgária, no dia 24 de junho. A rotina da Lawanteam está bastante agitada, mesmo assim prometemos empenho máximo e muita vontade de vencer em todos os eventos”, garantiu Lawant, terceiro colocado da SM4 no Brasileiro de Supermoto.

Campano voltou a vencer e mantém liderança no Brasileiro de Motocross
Na primeira bateria do dia, no entanto, Campano teve problemas com sua moto e terminou a prova na décima posição. O resultado custou pontos na vantagem para o vice-líder, o que desagradou o piloto da Yamaha Grupo Geração Monster Energy. “Saio de Nova Alvorada como líder do campeonato, mas descontente porque queria ganhar as duas baterias e ampliar a vantagem. Tive azar na primeira prova porque quando cheguei no (Adam) Chatfield, enfrentei problemas com a moto e perdi posições”, explicou. Mas, o fim de semana também serviu para que Campano comprovasse que está recuperado da lesão. “Não senti dor na virilha e isso me deixou muito tranquilo. Preciso somente recuperar meu preparo físico. Por isso, ficarei pela região (Centro-Oeste) treinando e terei uma semana de preparação intensa antes da etapa de Brasília da Superliga”, comentou.

Marronzinho continua sua recuperação após lesão
João “Marronzinho” Paulino também voltou a andar rápido e seu desempenho nas baterias da MX1 provou que ele está próximo de estrear no pódio neste temporada. “Estou feliz por voltar a andar entre os cinco primeiros e quase conquistei um lugar no pódio neste fim de semana. Larguei bem na primeira bateria e consegui me manter no ritmo dos líderes. Já na segunda prova não larguei tão bem e, com o sol baixo e a poeira na pista, fiz uma bateria mais tenso e isso me desgastou bastante”, avaliou Marrom.

João Marronzinho

João Marronzinho

 

Zanol apoia a campanha ‘Eu piloto pela vida’ em Minas Gerais
Felipe Zanol é o rosto da campanha “Eu piloto pela vida”, uma iniciativa da FHEMIG, Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais, para reduzir os acidentes de trânsito envolvendo motocicletas no Estado. O piloto participou na manhã desta sexta-feira de uma coletiva de imprensa na capital mineira, a qual lançou oficialmente a campanha. Zanol, heptacampeão nacional de enduro e uma das grandes apostas brasileiras nas provas internacionais de rali, é um exemplo de que é possível utilizar a moto com responsabilidade. “Estou muito satisfeito em poder contribuir com uma iniciativa tão importante como essa, que é de trabalhar para reduzir o número de acidentes no trânsito. Eu também ando de moto no asfalto, mas sempre sem pressa e com educação”, explicou. Ele espera que um dia as ruas transmitam mais segurança a todos. “Atualmente é mais perigoso dirigir no trânsito do que nos ralis. Nas ruas, eu preciso me preocupar comigo e com os outros, sendo que nas provas o competidor se preocupa apenas com a sua própria pilotagem e ainda está bem mais equipado no caso de quedas”, comparou Zanol.

Hector tentará buscar a liderança na Superliga de Motocross
O penúltimo capítulo da briga pelo título da MX2 na Superliga Brasil de Motocross 2012 será escrito neste fim de semana, 16 e 17 de junho, em Águas Claras, cidade satélite de Brasília (DF). Em segundo lugar na classificação geral, o piloto da Equipe Honda Mobil, Hector Assunção (#30), está a quatro pontos do líder Eduardo Lima (#2) e tenta alcançar o posto mais alto antes da rodada final. O paulista chega empolgado para a prova, pois na última semana (9 e 10), venceu as duas baterias da classe em Nova Alvorada do Sul (MS), palco do Campeonato Brasileiro de Motocross. “Eu, o Dudu e o Thales tivemos até agora uma disputa muito legal em todos os campeonatos. Assim como eles, quero vencer as provas e ser campeão. Venho de um ritmo forte e estou ainda mais motivado com as vitórias que conquistei. Com muito respeito aos outros competidores, vou tentar vencer em Brasília e quem sabe chegar a liderança”, afirma Hector.

Thales Vilardi e Hector Assunção

Thales Vilardi e Hector Assunção

 

Thales Vilardi está voltando as corridas
A novidade da Equipe Honda Mobil é o retorno de Thales Vilardi (#27). O paulista da categoria MX2, que está empatado com o companheiro de equipe Hector Assunção na vice-liderança do campeonato, está recuperado de uma lesão na mão direita. “Fui liberado pelos médicos e vou correr neste fim de semana. Estou bastante contente com a notícia, mas vou para a pista com precaução e tranquilidade”, avisa. O circuito de 1.550 metros de extensão causa expectativa no piloto Honda Leandro Silva (#14), que irá estudá-lo assim que chegar ao Distrito Federal. “Chego na sexta pela manhã e vou logo para a pista observá-la. Acho importante conhecer os detalhes do local para chegar no sábado e tentar um bom tempo no classificatório”, relata Leandro, quarto colocado na MX1.

Sabrina Paiuta conquistou pódio eletrizante no Paulista de Supermoto
O final de semana foi de bons resultados, mais uma vez, para Sabrina Paiuta. A piloto Kawasaki esteve em Araraquara, no interior de São Paulo, para encarar a 2ª etapa do Campeonato Paulista de Supermoto 2012. Nos treinos cronometrados de domingo (10) a paulista ficou com a 2ª posição na SM1, a categoria principal. Mais tarde, na prova final da classe, Sabrina não fez boa largada e acabou ficando para trás, mas, ainda na primeira volta recuperou boas posições com sua Kawasaki KX 450F 2012 para ocupar a vice-liderança da prova. Nas últimas voltas a piloto Kawasaki travou um duelo emocionante com o líder Francisco Velasco em busca do 1º lugar, no entanto, acabou recebendo a bandeira quadriculada na 2ª posição, exaltada pela grande torcida que a acompanhou no Autódromo Adalberto Cattani. “É um grande privilégio disputar posições com um dos melhores pilotos de supermoto do Brasil, Francisco Velasco, que sempre foi e é um grande ídolo. Em 2009, meu sonho era um dia poder competir na categoria principal, a SM1,e mais ainda disputar com este grande piloto. Hoje realizei esse sonho e me sinto extremamente feliz em conquistar mais um objetivo em minha carreira. Mais uma vez, fizemos um ótimo trabalho, eu e minha equipe. Agradeço aos patrocinadores e a todos que me apoiaram e torceram por mim” revelou Sabrina Paiuta.

Sabrina Paiuta

Sabrina Paiuta

 

Disputas na Júnior e CRF230 aumenta emoção na Superliga de MX
A Superliga Brasil de Motocross chega a reta final com os pilotos satélites Honda nas disputas pelas lideranças das categorias Júnior e CRF 230. Neste fim de semana (16 e 17), a cidade de Águas Claras (DF), localizada a poucos quilômetros da capital federal, recebe a quinta e penúltima etapa da competição. Das quatro corridas realizadas até agora, Gustavo Pessoa (#117), da Itamaracá One Industries, e Fábio dos Santos (#87), da Dunas Team, foram os únicos vencedores, cada um com duas vitórias. Mas na classificação geral quem lidera é Gustavo com 94 pontos, sete a mais que o concorrente. “Eu e o Fabinho fizemos grandes corridas até agora e estamos lutando pela primeira posição. Temos muito respeito um pelo outro. Sei que não preciso vencer as duas etapas, mas vou dar o máximo na pista”, comenta o líder. O título da CRF-230 também segue indefinido. Com atuações regulares ao longo da competição, Gabriel Motagner (#303), da Itamaracá One Industries, está na frente com 85 pontos. Porém, o ponteiro de Araraquara (SP) é ameaçado pelo segundo colocado Marcos Moraes (#913), da Ipiranga IMS, que vem de três vitórias consecutivas. A diferença é de dez pontos. “Creio que estou mais experiente depois das últimas quedas (em Salvador e Chapecó) e dos erros desnecessários. Quero fazer uma etapa segura”, assegura Gabriel. Na MX1, Adam Chatfield (#407), da Ipiranga IMS, ocupa a vice-liderança e tem no Distrito Federal a penúltima oportunidade de encostar no líder Carlos Campano. Leonardo Lizott (#194), da Itamaracá One Industries, é o melhor satélite Honda na classificação geral da MX2 com 91 pontos. O piloto ocupa a sexta colocação.

Frase da semana
“Tudo que é bom dura o tempo necessário para ser inesquecível.”

Hot News Mundocross by Jorge Soares

Colaboração:
PB2 Comunicação
VipComm Comunicação
Mundopress Comunicação

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly