Sessão Estaleiro do AMA Motocross

Por Renato Dalzochio Jr. | Fotos por Divulgação | 10 de agosto de 2012 - 21:19

O AMA Motocross volta neste sábado para a disputa da nona etapa da temporada em Southwick. Apesar disso, a lista de pilotos lesionados é enorme. Confira abaixo quem são os principais pilotos que estão no estaleiro, que tipo de lesão sofreram, como estão de recuperação e em quanto tempo devem voltar para as pistas.

James Stewart: lesão no pulso – Lesionou o pulso após sofrer uma queda na primeira bateria em Thunder Valley. Tentou correr em High Point, mas sofreu com a dormência do pulso diversas vezes durante a primeira bateria. Voltou em RedBud e foi terceiro no overall, mas desistiu de vez do campeonato acreditando que não havia progredido o suficiente em sua recuperação. Em seu Twitter Stewart afirma que não corre em Southwick mas que pretende voltar para as pistas ainda neste ano.

James Stewart

James Stewart

 

Nico Izzi: dor nas costas – Izzi caiu forte na primeira bateria em RedBud e na segunda nem alinhou no gate por causa das dores nas costas. Ele perdeu a oitava etapa em Washougal, mas volta neste sábado em Southwick.

Ryan Villopoto: lesão no joelho – Villopoto lesionou o joelho no AMA Supercross, quando já havia conquistado o bicampeonato por antecipação. Ainda não existe previsão sobre o seu retorno mas especulações nos bastidores dão conta de que ele fará parte da equipe norte-americana no Motocross das Nações.

Darryn Durham: ombro deslocado –Durham deslocou o ombro antes do início do campeonato e sua recuperação de três meses ainda não acabou.

Dean Wilson: ombro lesionado – Após lesionar o ombro no Supercross, tentou correr no sacrifício em Hangtown mas não deu certo. Passou por uma cirurgia e é provável que fique fora do restante da temporada.

Davi Millsaps: lesão no tornozelo – Millsaps volta neste sábado em Southwick após lesionar o tornozelo em Red Bud.

Davi Millsaps

Davi Millsaps

 

Jimmy Albertson: nariz quebrado – Albertson caiu feio em Washougal mas já confirmou presença em Southwick.

Nick Wey: três vértebras fraturadas, quadril luxado e costelas quebradas – Wey sofreu um terrível acidente em Spring Creek, que acabou com sua moto dentro de um riacho e o piloto no hospital. As fraturas nas vértebras somadas às costelas quebradas e a luxação no quadril o afastaram definitivamente das pistas pelo restante da temporada 2012.

Gareth Swanepoel: perna quebrada – O sul-africano quebrou a tíbia e a fíbula em Spring Creek. Vai passar por cirurgia e está fora do restante da temporada.

Kyle Peters: ombro deslocado – Peters machucou o ombro praticando Mountain Bike antes de RedBud. Ele correu com dor em RedBud e Spring Creek, mas perdeu Washougal e é provável que perca Southwick também. Pretende voltar em Unadilla.

Ivan Tedesco: joelho machucado – Após um longo período se recuperando de um rim dilacerado e uma costela quebrada durante um grande acidente em Budds Creek, Tedesco machucou o joelho em Washougal e não vai correr em Southwick.

Ivan Tedesco

Ivan Tedesco

 

Ryan Sipes: mão quebrada – Sipes quebrou a mão quando bateu na roda traseira de Jason Anderson durante a volta de apresentação de uma etapa. Sipes agora colocou uma placa e parafusos na mão e vai correr em Southwick.

Jessica Patterson: mão quebrada – Patterson quebrou a mão durante os treinos em RedBud, mas ainda assim alinhou no gate para salvar alguns pontos. Ela foi submetida e uma cirurgia e está fora do restante da temporada.

Matt Moss: doença – Moss perdeu RedBud e Spring Creek devido a uma doença grave. Ele não vai correr em Southwick.

Brett Metcalfe: tíbia quebrada e punho deslocado – Quebrou a tíbia e deslocou o punho treinando em Glen Helen. Foi submetido à cirurgia e está fora do resto da temporada.

Kyle Cunningham: lesão no tornozelo – Correu com o tornozelo machucado em Budds Creek e só piorou a situação. Está fora de Southwick.

Sayaka Kaneshiro: pulso e tornozelo lesionados – Lesionou pulso e tornozelo durante os treinos em RedBud e está fora da temporada.

Cole Seely: ruptura nos rins, fígado dilacerado e lesão no pescoço – Seely caiu feio e não há prazo exato para o seu retorno. No Twitter ele afirma que passou por cirurgia recentemente e que deve voltar a pilotar logo que encerrar sua recuperação.

PJ Larsen: lesão no pé e no joelho – Caiu forte nos treinos do AMA Supercross em Toronto no Canadá, sofrendo lesões no pé e joelho. Pouco provável que volte para as pistas em 2012.

Jimmy Decotis: ligamento anterior cruzado rompido – Caiu durante um treino e rompeu o ligamento anterior cruzado de um dos joelhos, lesão que o tirou definitivamente das pistas em 2012.

Jimmy Decotis

Jimmy Decotis

 

Chad Reed: tíbia e fíbula quebradas, costelas quebradas, sexta vértebra quebrada e ligamento anterior cruzado rompido – Reed voltou a treinar com moto mas é improvável que dispute alguma corrida em 2012.

Trey Canard: múltiplos ferimentos – Depois de um terrível acidente na etapa de Los Angeles do AMA Supercross, Canard recebeu alta do hospital no dia 29 de janeiro e voltou para casa. Planeja regressar para as pistas em 2013.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

julliano pires disse:

Acho que vou parar de mexer com cross!!! hehehehehehe….

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly