MXDN: Lista de favoritos é grande na MX2

Por Renato Dalzochio Jr. | Foto por Divulgação | 27 de setembro de 2012 - 22:46

O Motocross das Nações 2012 acontece neste fim de semana em Lommel, na Bélgica, em um circuito no qual a principal característica é o traçado 100% arenoso. Levando em consideração que o holandês Jeffrey Herlings (que parece ter nascido pilotando na areia tamanha é sua especialidade) vai representar seu país na categoria Open, cresce o número de favoritos a vitória na categoria MX2, tornando a disputa da categoria ainda mais equilibrada.

Nomes a serem considerados são o do alemão Ken Roczen, campeão mundial da MX2 em 2011 e que vai para o seu terceiro MXDN nesta categoria, e o francês Marvin Musquin, ex-campeão mundial da MX2. Tanto Roczen como Musquin são profundos conhecedores da pilotagem veloz e eficaz em solo arenoso.

 

Outro nome forte é o do norte-americano Blake Baggett, que este ano faturou o AMA Motocross na categoria 250cc. Baggett irá representar o país que mais vezes venceu o MXDN e que não perde a competição há sete anos. Já a Bélgica, outro país com tradição no Motocross (sendo um dos mais tradicionais da Europa) aposta suas fichas no jovem

Jeremy Van Horebeek

Jeremy Van Horebeek

Outros nomes a serem considerados são: Jake Nicholls da Grã Bretanha, Glenn Coldenhoff da Holanda e Zach Osborne de Porto Rico. Todos eles possuem boa velocidade na areia e serão um páreo duro na briga pela vitória da categoria MX2.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly